Bem-vindos a mais uma edição do boletim do mercado da NBA do Jumper Brasil, com o melhor compilado de rumores sobre os times da liga! 

Caldwell-Pope vai deixar contrato com o Lakers

Campeão pelo Los Angeles Lakers no último domingo, o ala-armador Kentavious Caldwell-Pope vai deixar o atual contrato com a equipe e será agente livre irrestrito, segundo o jornalista Shams Charania, do The Athletic. O jogador, que tinha a opção em seu acordo, no valor de US$8.4 milhões, acredita ter sido valorizado pelo título.

Caldwell-Pope é um dos atletas que está na equipe há mais tempo. Ele chegou em 2017-18, após quatro anos no Detroit Pistons. Na época, o jogador assinou por uma temporada e recebeu US$17 milhões. No ano seguinte, repetiu a fórmula e fechou por US$12 milhões. Por fim, no ano passado, acertou por duas campanhas, sendo a última de sua opção. O camisa 1 obteve média de 9.3 pontos em 2019-20, mas elevou seus números para 12.8 pontos nas finais contra o Miami Heat.

 

Bucks pode acertar com Bogdan Bogdanovic

Agente livre restrito, o ala-armador Bogdan Bogdanovic estaria na mira do Milwaukee Bucks para a próxima temporada, segundo o jornalista Shams Charania, do site The Athletic. Bogdanovic chegaria para ser mais um jogador com capacidade para organizar o jogo e arremessar de longa distância para ajudar Giannis Antetokounmpo e Khris Middleton na equipe de Wisconsin.

A grande questão é que o Sacramento Kings pode igualar qualquer proposta feita ao sérvio, de 28 anos. Na última temporada, ele recebeu cerca de US$8.5 milhões. O Kings possui outras peças em seu elenco que poderiam suprir sua ausência, mas em uma eventual negociação de Buddy Hield, a situação pode mudar.

Em 61 partidas, sendo 28 delas como titular, Bogdanovic obteve médias de 15.1 pontos, 3.4 rebotes, 3.4 assistências e converteu 37.2% dos arremessos de três na campanha passada.

 

Timberwolves segue conversando com outros times pela primeira escolha

O Minnesota Timberwolves possui a primeira escolha do draft de 2020, mas ainda não sabe o que fazer com ela. Gersson Rosas, presidente de operações da equipe, confirmou recentemente que conversa com diversos times sobre uma possível negociação.

No podcast de Tom Haberstroh, da NBC Sports, Rosas afirmou que, se for para trocar a escolha, será por um jogador disposto a chegar no Timberwolves pronto para corresponder de imediato e ajudar Karl-Anthony Towns e D’Angelo Russell.

O draft acontece no dia 18 de novembro.

 

Josh Jackson, Michael Kidd-Gilchrist e Pat Connaughton estariam na lista do Cavs

A diretoria do Cleveland Cavaliers afirmou recentemente que quer o time brigando por playoffs já em 2020-21. Agora, a equipe estaria de olho em alguns reforços, mas nenhum que conseguiria elevar o patamar de imediato. Entre eles, estão Josh Jackson (Memphis Grizzlies), Michael Kidd-Gilchrist (Dallas Mavericks) e Pat Connaughton (Milwaukee Bucks).

O Cavs não pretende negociar o ala-pivô Kevin Love e acredita que o jogador possa contribuir, ao lado de Andre Drummond no garrafão. O problema é que apostar em Kidd-Gilchrist não melhoraria o elenco. Jackson teve mais momentos ruins do que bons na curta carreira, apesar de ter sido a quarta escolha do draft de 2017. Já Connaughton, não possui grandes artifícios ofensivos para contribuir com o pouco produtivo ataque (26° em 2019-20) de Cleveland.

 

Em transição

– Derrick Jones, agente livre irrestrito, que passou as últimas três temporadas no Miami Heat, pode estar na mira de Atlanta Hawks, Charlotte Hornets e Cleveland Cavaliers, segundo o jornalista Shams Charania, do The Athletic. Jones foi titular em 16 das 59 partidas pelo Heat em 2019-20 e obteve 8.5 pontos, 3.9 rebotes e 1.0 roubada em cerca de 23 minutos de ação.

– Rajon Rondo, que deixou o contrato com o Los Angeles Lakers, é mais um jogador que está na mira do New York Knicks. O armador receberia US$2.96 milhões em 2020-21, mas optou por ser agente livre irrestrito.

– O armador Jrue Holiday segue sendo observado por diversas equipes na offseason, O jogador, de 30 anos, tem contrato até 2021-22. Há indícios que o Denver Nuggets seria um dos principais interessados em sua contratação e o time poderia envolver Gary Harris em uma eventual negociação.

– O experiente ala Wilson Chandler vai jogar no Zhejiang Guangsha Lions, da China. O acordo havia sido estabelecido no mês passado. mas foi finalizado apenas agora. Ainda não está claro se existe uma cláusula de opção de saída para a NBA sem multas, entretanto. Chandler atuou no Brooklyn Nets em 2019-20 e obteve médias de 5.9 pontos e 4.1 rebotes em 35 partidas.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:    

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook