Mike Conley ainda acredita em recuperação e playoffs para o Grizzlies

Um dos vários motivos que contribuíram para a derrocada do Memphis Grizzlies foi a ausência de Mike Conley. O armador titular está afastado das quadras desde 13 de novembro, quando o time possuía sete vitórias em 12 partidas, por conta de uma lesão no tendão de Aquiles esquerdo. Desde então, entre vários problemas, ele viu a equipe sofrer 11 derrotas seguidas e demitir o treinador.

“Assistir a tudo isso tem sido difícil. Eu sou um atleta que costuma assumir o papel de liderança e não ter controle sobre o que acontece é duro. Havia tanto otimismo no início da temporada e, agora, tudo deu um giro de 180 graus: nossa postura, o comando técnico. Muitas coisas estão diferentes, mas temos que fazer funcionar”, disse o atleta de 30 anos, em entrevista ao site The Undefeated.

Conley segue sem data definida para retorno, mas é certo que vai encontrar o time em péssimas condições quando voltar. Candidato a playoffs em outubro, o Grizzlies hoje ocupa a penúltima posição do Oeste e está quase oito jogos abaixo da zona de classificação à pós-temporada. Ficar entre os oito primeiros da conferência parece um delírio agora, mas o veterano ainda guarda esperanças.

“Eu sei que estamos próximos da ‘lanterna’ neste momento, mas, definitivamente, ainda há tempo para reagir. Nós temos um tempo para acertar as coisas rápido e emplacar uma sequência de vitórias para chegar lá. Mas manter o elenco saudável é essencial. É preciso apertar o ritmo com cuidado para não extenuar ninguém”, ponderou o armador, apostando na recuperação da equipe.

Sob o comando de J.B. Bickerstaff, os resultados parecem não estar sendo muito melhores do que a reta final do trabalho de David Fizdale. Conley, porém, acredita que seguir a linha do ex-assistente é a única chance do time chegar a algum lugar. “Independentemente de vitórias ou derrotas, nós temos que continuar tentando jogar da forma certa. É a única forma de recolocar tudo nos trilhos”, finalizou.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • JOSE MARINHO

    E eu sou o Lavar ball.

  • Kashmir

    Tomara Conley, a pick do nets agradece!

  • Jean carlos

    Já temos a piada do ano ??

  • Maurilei Teodoro

    Se terminar em décimo já é muito !!

  • Gustavo

    “Sob o comando de J.B. Bickerstaff, os resultados parecem não estar sendo muito melhores do que a reta final do trabalho de David Fizdale.”

    TAKE THAT FOR DATA!!

  • Admirável o quanto Memphis tem uma cultura vencedora. Por mais fracos que sejam, por mais que não tenham títulos, abominam o Tank.