O início de temporada muito abaixo das expectativas tirou o pivô Timofey Mozgov do quinteto titular do Cleveland Cavaliers. E, após atuar apenas quatro minutos na vitória sobre o Washington Wizards, o russo já tornou-se alvo de rumores de negociação ao redor da liga. De acordo com Marc J. Spears, do site Yahoo! Sports, várias equipes teriam mostrado interesse em contar com o atleta de 29 anos, mas a vontade inicial de dirigentes e do técnico David Blatt ainda é mantê-lo no elenco.

A situação, porém, pode mudar se algum interessado oferecer um pivô com vínculo em vigência além deste ano na negociação. Mozgov será agente livre irrestrito em julho e, com o aumento do teto salarial da liga, especula-se que pode exigir salário anual acima dos US$10 milhões. Considerando esse valor projetado e multas por exceder o limite de investimentos (já ampliado) da NBA, o russo custaria cerca de US$26 milhões ao Cavs na próxima campanha.

Adquirido junto ao Denver Nuggets na última temporada, Mozgov foi uma solução para o time que chegou às finais do ano passado e teve participação importante na série contra o Golden State Warriors. Agora, o Cavaliers venceu as cinco partidas disputadas desde a saída do pivô do quinteto inicial e a inserção de Tristan Thompson, superando sua média de pontos em quatro oportunidades. O veterano tem médias de 6.3 pontos (49% de aproveitamento nos arremessos de quadra) e 4.1 rebotes na atual campanha.