No retorno de Paul George a Indiana, Thunder leva a melhor sobre Pacers

(13-14) Oklahoma City Thunder 100 x 95 Indiana Pacers (16-12)

O Oklahoma City Thunder venceu o Indiana Pacers fora de casa, no primeiro reencontro do ala Paul George com a torcida de sua antiga equipe. Mesmo com um péssimo aproveitamento nos arremessos de suas estrelas, o time do Oeste saiu com o resultado positivo e segue na luta para voltar para a zona dos playoffs. Já o Pacers segue entre os oito primeiros do Leste.

O Thunder foi melhor nos primeiros momentos do primeiro quarto, aparecendo bem nos arremessos de longa distância. Mas foi desta mesma forma que o Pacers respondeu, com bolas de três de Myles Turner e Darren Collison, que ajudaram os donos da casa a ficarem na frente do placar, que permaneceu até o fim do período. Já no segundo quarto, o jogo ficou mais equilibrado, mas os visitantes se sobressaíram nos instantes finais e foram para o intervalo vencendo por 51 a 46, após cesta de três pontos de Paul George e com Steven Adams sendo o destaque do time no primeiro tempo.

Após a pausa, o equilíbrio mais uma vez prevaleceu e as equipes dividiam a liderança do jogo. O Pacers voltou a virar o jogo no início do terceiro quarto, com Bojan Bogdanovic, mas o Thunder se recuperou novamente e foi para o período final vencendo, em mais um bom período de Adams, que contribuía bastante no ataque. Apenas quatro pontos separavam os dois times no placar.

Os times começaram o último quarto bem nos arremessos, contrariando o restante da noite, e o cenário ainda era o mesmo e não era possível apontar um vencedor, apesar da vantagem do Thunder. Com cinco minutos para o fim, Alex Abrines chegou a deixar os visitantes 11 pontos na frente, mas a equipe cometeu erros posteriormente e deixou os donos da casa se aproximarem mais uma vez.  A diferença foi para apenas um ponto, após boa jogada de Victor Oladipo e um lance livre convertido  de Thaddeus Young, mas Abrines respondeu na jogada seguinte. Com 15 segundos restantes e três pontos atrás, o Pacers desperdiçou sua chance de empatar após um erro, Paul George conseguiu o roubo de bola e garantiu a vitória dos visitantes nos lances livres.

Destaques

Oklahoma

Steven Adams: 23 pontos, 13 rebotes
Alex Abrines: 14 pontos, quatro rebotes
Paul George: 12 pontos, cinco assistências, três roubos de bola (3-14 FG)
Carmelo Anthony: 12 pontos, cinco rebotes (4-14 FG)
Russell Westbrook: dez pontos, 17 rebotes, 12 assistências, cinco erros de ataque (3-17 FG)

Indiana

Victor Oladipo: 19 pontos, seis assistências, cinco rebotes (9-26 FG)
Bojan Bogdanovic: 15 pontos, quatro rebotes
Darren Collison: 14 pontos
Thaddeus Young: 11 pontos, dez rebotes, sete roubos de bola, três tocos


(11-15) Los Angeles Clippers 106 x 95 Orlando Magic (11-18)

Destaques

Los Angeles

Lou Williams: 31 pontos, oito assistências
DeAndre Jordan: 16 pontos, 20 rebotes
Sam Dekker: 12 pontos, quatro rebotes
Milos Teodosic: oito pontos, seis rebotes, seis assistências

Orlando

Jonathon Simmons: 20 pontos, oito assistências, seis rebotes
Mario Hezonja: 17 pontos, nove rebotes, quatro assistências, três tocos
Nikola Vucevic: 14 pontos, 12 rebotes, quatro roubos de bola
Elfrid Payton: 13 pontos, quatro rebotes, quatro assistências


(8-20) Memphis Grizzlies 87 x 93 Washington Wizards (15-13)

Destaques

Memphis

Andrew Harrison: 20 pontos, sete assistências
JaMychal Green: 15 pontos, 15 rebotes
Marc Gasol: 15 pontos, dez rebotes
Chandler Parsons: 12 pontos, cinco rebotes

Washington

Bradley Beal: 18 pontos, sete assistências, quatro rebotes
Otto Porter Jr: 14 pontos, nove rebotes
John Wall: 13 pontos, quatro assistências
Marcin Gortat: 12 pontos, oito rebotes
Kelly Oubre Jr: 11 pontos, quatro rebotes


(15-13) Denver Nuggets 118 x 124 Boston Celtics (24-6)

Destaques

Denver

Gary Harris: 36 pontos, seis assistências
Jamal Murray: 28 pontos, dez rebotes, quatro assistências, três roubos de bola, cinco erros de ataque
Mason Plumlee: 15 pontos, seis rebotes
Wilson Chandler: 14 pontos, cinco rebotes

Boston

Kyrie Irving: 33 pontos, sete assistências
Jaylen Brown: 26 pontos, cinco rebotes (9-12 FG)
Aron Baynes: 17 pontos, seis rebotes
Jayson Tatum: 15 pontos, quatro rebotes
Shane Larkin: 14 pontos (6-6 FG)


(14-13) Portland Trail Blazers 102 x 95 Miami Heat (13-14)

Destaques

Portland

C.J McCollum: 28 pontos
Damian Lillard: 18 pontos, seis assistências
Al-Farouq Aminu: 15 pontos, 13 rebotes
Ed Davis: 11 pontos, cinco rebotes
Evan Turner: dez pontos

Miami

Wayne Ellington: 24 pontos, quatro rebotes (8-11 FG)
Dion Waiters: 17 pontos 
Bam Adebayo: 12 pontos, sete rebotes
Goran Dragic: 11 pontos, cinco rebotes
Josh Richardson: 11 pontos
James Johnson: dez pontos, dez rebotes, oito assistências
Kelly Olynyk: dez  pontos, seis rebotes


(13-15) Utah Jazz 100 x 103 Chicago Bulls (7-20)

Destaques

Utah

Donovan Mitchell: 32 pontos, seis assistências
Rodney Hood: 15 pontos, quatro assistências
Ricky Rubio: 14 pontos, seis rebotes, quatro assistências
Alec Burks: 13 pontos, sete rebotes

Chicago

Nikola Mirotic: 29 pontos, nove rebotes
Robin Lopez: 16 pontos, cinco assistências, quatro rebotes, três tocos
Kris Dunn: 13 pontos, oito rebotes, oito assistências, quatro roubos de bola
Denzel Valentine: 13 pontos
Justin Holiday: 12 pontos


(15-11) Milwaukee Bucks 108 x 115 New Orleans Pelicans (15-14)

Destaques

Milwaukee

Giannis Antetokounmpo: 32 pontos, nove rebotes, quatro assistências, cinco roubos de bola
Khris Middleton: 15 pontos, dez assistências, cinco rebotes (5-19 FG)
Eric Bledsoe: 14 pontos, cinco assistências, quatro roubos de bola
John Henson: 14 pontos, seis rebotes
Malcolm Brogdon: 11 pontos

New Orleans

DeMarcus Cousins: 26 pontos, 13 rebotes, sete assistências, nove erros de ataque
Anthony Davis: 25 pontos, dez rebotes, quatro tocos
E’Twaun Moore: 21 pontos, cinco rebotes, quatro assistências (8-11 FG)
Jrue Holiday: 16 pontos, oito assistências, quatro rebotes


(18-8) Toronto Raptors 115 x 108 Phoenix Suns (9-21)

Destaques

Toronto

DeMar DeRozan: 37 pontos, sete rebotes, quatro assistências
Serge Ibaka: 21 pontos, 13 rebotes
Jonas Valanciunas: 20 pontos, 11 rebotes
Kyle Lowry: 12 pontos, sete assistências

Phoenix

Troy Daniels: 32 pontos
Greg Monroe: 17 pontos, 11 rebotes
TJ Warren: 17 pontos
Tyler Ulis: 16 pontos, oito assistências, cinco rebotes


(10-17) Charlotte Hornets 96 x 108 Houston Rockets (22-4)

Destaques

Charlotte

Dwight Howard: 26 pontos, 18 rebotes
Michael Kidd-Gilchrist: 18 pontos, 11 rebotes
Kemba Walker: 13 pontos, cinco rebotes (5-15 FG)

Houston

Chris Paul: 31 pontos, 11 assistências, sete rebotes
James Harden: 21 pontos, oito assistências, quatro rebotes
Eric Gordon: 17 pontos
Trevor Ariza: 13 pontos, seis rebotes

Eduardo Ribeiro
Eduardo Ribeiro
Paulista, cursando Jornalismo e membro do Jumper desde 2015. Twitter: @Edu_Ribeiro33
  • Dudu Ferrero

    è engraçado ver o Play by Play do jogo do Rockets.. é so 3pt Shot um atras do outro kkk os caras tentaram 35 de 3 tentaram mais de 3 do que de 2 kkk

    • Augusto Filho

      O objetivo é sempre chutar 50 bolas. Se conseguir com menos, beleza.

  • Gustavo – DefendTheLand

    Off: Treta do Embiid com o KAT KKKKKKKKKKKKKK
    https://twitter.com/BleacherReport/status/941164191846621184

    • Paulo Victor (13-14)

      Embiid>>>>Towns

    • Vinícius Maia
    • Eduardo Rebelatto

      E eu tava achando que era fale kkk quem sabe o towns se ligue depois dessa é queira melhorar essa porcaria que ele chama de defesa. Pivô tem que ser bom dos dois lados pra ficar marcado na história

  • Gustavo – DefendTheLand

    No começo do ano vi uma matéria que o Howard tava treinando arremesso, na época duvidei, mas n é q ele andou treinando msm.
    https://twitter.com/BleacherReport/status/941168538651205632

    • Chimbinha

      Coisa linda kkkkkkk

    • Victor – Aqui é Grêmio

      Quase um Tim Duncan

      • Israel Pegado

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk boa! Igualzinho!

    • Edson Eu

      HAhahahahaha, juro que abri o vídeo esperando um arremesso decente.

    • Guilherme Petros

      Ah, mas já melhorou muito do que era… rs

    • Gabriel S Monteiro

      Carlhaaaaa! hahahahaha
      Juro que abri o video achando que viria um bom arremesso!! ahahahah

  • Paulo Victor (13-14)

    Thunder só ganha jogando feio incrível isso

  • Daniel Nogueira

    Mitotic ainda leva o Bulls pro Playoffs. Quem viver verá…rs

    • Paulo Victor (13-14)

      Por isso querem trocar ele kkk

    • Gustavo

      Acho que vão pedir pro Portis sair distribuindo porrada no treino, pra ver se funciona com mais alguém.

    • Guilherme Petros

      Não, se isso ameaçar acontecer, os dirigentes metem ele no banco! rs

  • Khan

    Oladipo e Flamengo só no cheirinho

  • Khan
    • André Passamani

      Acho difícil o Nets ter uma campanha bem ruim hein

  • dirct

    West 3 de 17 nos arremessos mas como tem gente que tem tara pelas letrinhas “TD” vão dizer que ele arrebentou e pelo número de TD na temporada ele está novamente na briga pelo MVP, o OKC jogou mal e ganhou porquê o time do Indiana também jogou mal e tem menos talento, se fosse um time com um pouco mais de “poder de fogo” como os Pelicans ou Wolves o OKC teria perdido outra, os 3 All Stars amassaram o aro impiedosamente é impressionante, por incrível que pareça a defesa e os rebotes do Adams (depois das tijoladas) tem mantido o OKC vivo nos jogos mas quando pegam times com mais talento normalmente isso não tem sido o suficiente para compensar as tijoladas e sair com a vitória.

    Bulls deu um salto com a volta do Nikola e já ganhou 4 seguidas, está com todo o jeitão que Atlanta, Suns e Dallas vão lutar pelo Doncic, Memphis está lá em baixo mas com a volta de Conley não deve permanecer lá.

    Barba e CP3 começaram a destruir ao mesmo tempo agora, resultado: O último quarto é garbage.

    Esse Pelicans parece que encontrou uma química com o grupo de jogadores atuais e se tornou um time encardido que engrossa com qualquer um, perderam jogando de igual para igual com o Houston mesmo sem o AD e agora bateram o promissor Bucks que vinham ganhando quase todos os últimos jogos, esse time dos Pelicans tudo indica vai estar nos playoffs.

    Na minha opinião os 8 times que estão neste momento na zona de playoffs no Oeste são os que vão estar lá no final da temporada, acho que só lesões mudariam estes 8 times

    • Pois é. Muita gente acha que TD é tudo, inclusive a mídia “especializada”.

  • Igor Dourado

    Tem um texto bem interessante do bola presa sobre esse time do Rockets, falando especialmente dessa obsessão por bolas de 3 e de como Chris Paul pode ser mais eficiente sem a necessidade de carregar um time. Espero que consigam fazer frente ao GSW em um eventual confronto de playoffs.

    • Vitor Martins

      Não sei se é empolgação exagerada pela temperada regular, mas começo a acreditar que eles podem ganhar do GSW numa final de conferência.

      • Daniel Azevedo

        Acho muito difícil qualquer time na liga vencer uma série melhor de sete contra o GSW. Podem vencer um ou dois jogos, mas quatro ainda acho muito improvável.

        • dirct

          Tenho a mesma opinião, vencer um jogo ou outro os CAVs podem, os Celtics podem e os Spurs e Houston também podem mas ganhar 4 jogos em 7 deste GSW sadio eu ainda não vejo ninguém na NBA capaz, e quem vê esse GSW da temporada regular não se engane estes caras estão jogando com o freio de mão puxado e poupando jogador praticamente todo jogo e mesmo assim estão há 2 jogos da melhor campanha geral, nos offs o buraco é bem mais embaixo.

      • TRUETHIAGO

        Ofensivamente, são os que mais chegam perto do poder de fogo dos Warriors. Resta saber se vão conseguir manter essa pegada defensiva, que está boa até o momento.

        Problema é que iria dar um BUG no cérebro de uma galera por aí, rs. Sabe, aqueles que odeiam o GSW pelo Small Ball, joguinho chato, sem pivô, só “bolinha de 3” e blá blá blá…

        Ah, tomara que eles percam para o Rockets, aquele time super “Old School”, que arremessa umas 45 bolas de 3 por partida, kkkkkk

        • Will

          “Ofensivamente, é o time que mais chega perto do poder de fogo do Warriors. Resta saber se vão conseguir manter essa pegada defensiva, que está boa até o momento.”

          De fato. A evolução do jogo dos Rockets, no ataque e na defesa, tem sido nítida.
          Fico imaginando como seria um confronto dos dois nos playoffs…
          Apesar de achar que ao final da série daria Warriors, mesmo com mando de quadra pra Houston, não ficaria surpreso em ver os Rockets complicando (bastante) as coisas pro GSW.

        • Salvo engano, Rockets já arremessa mais bolas de 3 do que o Warriors há 3 temporadas

          • TRUETHIAGO

            Só em 2015-16 que não, foi o GS mesmo.

            Fora isso, desde a temporada 2012-13, na época com o Kevin McHale, que eles lideram nesse quesito (3PA).

            Falta conseguir equilibrar esse alto volume de tentativas com bons aproveitamentos regulares, que é uma outra diferença que pesa a favor do Warriors.

            Por exemplo, enquanto os Rockets acertam 34,7%, o GSW mete 41%.

          • Isso mesmo, fui até conferir aqui. Mas quase todo mundo acha que o GSW é quem mais arremesa, mas a grande diferença é esse aproveitamento absurdo

          • TRUETHIAGO

            Sim, pegaram essa fama, quem não se aprofunda muito e acompanha a NBA superficialmente comprou o rótulo, daí já era.

            O diferencial do GSW nunca esteve na quantidade em si, vários outros times arremessam parecido ou até mais do perímetro que eles, mas com aproveitamentos muito piores.

            Até porque aí entra a questão das jogadas bem trabalhadas, desenhadas, movimentação de bola excepcional, etc, que ajudam a explicar esta ótima % de acerto. E nessa caso vale tanto para as bolas de 3 quanto para arremesso de 2 também, GSW lidera em ambos (3-PT% e FG%).

          • Poucos conseguem ver a beleza que é assistir esse time jogar. Daqui a 30 anos, darão o valor que eles merecem

    • Asf 152

      Mas tem um detalhe, jogar contra os Warriors cansa muito, vc tem que está muito concentrado e doar o seu máximo todos os jogos, infelizmente acho muito difícil alguém tirar os Warriors, mas que os Rockets estão jogando um basquetão da porra, isso eles estão

      • Will

        Subscrevo.

  • Igor Dourado

    OKC tem o maior big three de todos os tempos.. quando o assunto é tijolo! Ao fim da temporada já terão tijolo suficiente para reconstruir uma cidade.

  • MDias

    Minha nossa.. 3 de 17?? Séloko. Esse nasceu sem miolos e vai morrer desmiolado.

  • Bruno Grotta

    Se o Ben Simmons não estivesse na Liga, o Donovan Mitchell era favoritaço ao ROY. Mesmo assim a disputa vai ser bem interessante, apesar que o australiano deve levar essa.

    • Vinícius Maia

      Acho que Simmons leva por causa do hype. O cara já estava “famoso” antes mesmo de estrear na liga

  • Victor – Aqui é Grêmio

    O Big 1 do Thunder (Steven Adams) vem carregando o time. Não fosse por ele, a campanha provavelmente seria ainda mais vexatória, nesse momento.

    Já passou da hora de o Donovan buscar alternativas pra essa química Russ/PG/Melo. Do jeito que tá, dá pena do aro, que apanha deles todo jogo.

    • Rodrigo Morais

      Troca o PG, pelo E’Twaun Moore e o Asik pra fecha o contrato, pelo menos o Moore não tá amassando o aro com seus 48% de 3pts e 54% de FG ahahahhaah

    • Edson Eu

      Cara, o Adams tava acabando com o garrafão do Pacers ontem, eu fiquei surpreso. Problema é que ele não é constante.

  • Daniel Azevedo

    Está cada vez mais difícil encontrar uma saída pra esse time do OKC. Como jogam mal, meu Deus.
    Sempre jogadas forçadas, não tem nada trabalhado, uma confusão do cacete. O técnico tem três estrelas e consegue montar uma rotação que todas fiquem no banco juntas por um tempão.
    Ninguém vai encarar o contrato do Carmelo, negócio é trocar logo PG por qualquer coisa, está na cara que ele vai pra outro time na offseason.

    • Doug

      Tiveram sorte que o Adams foi absurdo e o Dipoman estava em uma noite ruim…senão, era caixa…

    • Vitor Martins

      Mas eles sempre jogaram mal. Desde a época do Durant e com diferentes técnicos. É que Durant+West decidiam e temporada passada o West sozinho também decidiu. Não é de agora. O problema que os três juntos parecem que não encaixaram, mas sempre praticaram um basquete “individualista”.

      • vsr.snake

        Discordo da primeira parte, nos últimos 3 anos do Durant o OKC era um time bem acertado, o Ibaka já tinha deixado de ser apenas um bom defensor, o Adams já contribuía bem e o Roberson dava um equilíbrio defensivo. Tanto é que em 2016, quando o time estava bem arrumado, eles quase eliminaram o Warriors. Mas aí o Durant saiu. Engraçado que se ele tivesse deixado de ser preguiçoso na defesa desde aquela época, o time teria sido campeão.

        • Vitor Martins

          “Jogar mal” não significa perder. Sempre foi um time meio sem jogadas, dependendo muito de iso’s. Isso dava certo pq tinha dois gênios que ganhavam jogos e um time muito forte e atlético na defesa. Adams e Roberson pouco contribuíam para o time “jogar melhor”, com jogas mais planejadas. O time funcionava assim, tanto que conseguia resultados. Aliás, as trocas de técnicos do OKC eram sempre buscando fazer o time ser menos “individualista”, tentando dar (em vão) um padrão mais coletivo ao time. Ibaka surgiu muito bem, tanto que apostaram nele e não no Harden, mas depois virou um jogador limitado a espaçar a quadra nesse esquema de isolações pro West e pro Durant. O meu ponto é que o Daniel reclamou que agora, com esse Big3, as jogadas aparecem forçadas, sem serem trabalhadas. E, segundo a minha visão, embora os resultados tenha sido melhores, o time sempre jogou assim, com jogas pouco trabalhadas e dependendo dos seus astros.

          • vsr.snake

            Mas aí é da característica dos jogadores. Todo o time que teve uma dupla de jogadores dominantes podia parecer sem jogadas, mas não queria dizer que necessariamente não tivessem. Bulls com Jordan e Pippen e Lakers com Shaq e Kobe tinham equipes muito bem ajustadas e faziam a coisa funcionar em torno das duplas. E esse é o meu ponto, OKC havia encontrado uma forma de jogar que dava certo, e os role player contribuíam.

      • Asf 152

        O OKC sempre jogou forçando muito na dependência das estrelas, tem anos isso, naquela época do West e Durant, os dois eram igual super-heróis, se eles não decidissem, o OKC virava time pequeno, pq nunca teve um elenco bem montado e com peças que se completam em quadra, por isso que muitas vezes eu discordo quando as pessoas falam que os dois são pipoqueiros, jogavam a responsabilidade toda em cima deles e queriam que eles resolvessem todos os jogos, ai não da, chega uma hora que perde mesmo, e naquela época o Adams só jogou mesmo contra os Warriors, pq durante a temporada ele não arrumava nada

  • Julio Zago

    Mesmo com a vitória está muito difícil defender o time do OKC, simplesmente não se percebe evolução nenhuma, por outro lado, parece que o Pelicans vem se encontrando na temporada, jogando um basquete mais organizado.
    Por fim, esse Clippers ainda pode brigar por offs? Eu acho que sim, se todo mundo se manter saudável, obviamente.

    • Asf 152

      Os pelicans estão fazendo uma rotação muito boa para os arremessos de três, o problema é que eles erram muito os arremessos, se tivesse um matador de bola no elenco iria ser bom, porque eles tão fazendo uma rotação muito boa ofensivamente

  • Alex Alves

    Celtão depois de amassar o arro em uns 3 jogos mandou super bem.

    Mirotic esta on-fire acho que o murro despertou algo de bom nele rsrs.

  • Doug

    É cara…ontem o Presidente do Pação do amor estava malzão…não deu…engraçado que geralmente é assim: depois de uma partida antológica os caras costumam arregar e jogam mal…não foi diferente com o Dipão do coração…mas ele está com crédito…e como infiltra bem o rapaz…sobrenatural…cada bola que a gente pensa que vai dar em nada e ele com muita habilidade bandeja…top…feio foi o M. Turner…jogou mal e apático, tendo sido engolido pelo kiwi…Stephenson tb não apareceu muito…mudando de assunto, os Pels tiveram uma ótima vitória sobre os Bucks…quero vê-los nos offs…e esse Houstão está demais…partidaça do CP3…e Irving realmente veio para ser o cara verde…

    • Edson Eu

      Velho, uma coisa que eu fiquei em dúvida: naquela ultima posse não dava pra pedir tempo? Se dava foi vacilo demais do McMillan. Achei muita burrice do Young levar técnica faltando 2 min. e com o placar daquele jeito. pqp.

      • Thiago Marques

        Já estava sem tempo pra pedir, se não me engano

    • Israel Pegado

      Sabonete deveria ser titular no lugar do Young. Ele é mais inteligente e mais eficiente no todo.

  • Timóteo Rezende Potin

    BULLS EMPOLGOU! VAI SER DIFICIL GANHAR DA GENTE ESSE ANO!

  • vsr.snake

    Bucks podia tentar alguma coisa no Robin Lopez, Bulls tá em rebuild mesmo, não creio que vão pedir muita coisa, manda umas picks e alguns nomes novos do roster e beleza.

    No jogo do OKC, big three 10 de 45 FG tentados, esse aí é o grande problema. Pessoal ainda não sabe dividir as funções, não dá pra todo mundo jogar em isolation e chutando de qlqr jeito, a bola é muito mal trabalhada. Talvez se jogassem o West pra SG e arrumassem um armador mais inteligente desse jeito, mas acho difícil tirar a bola da mão dele…..

    • Israel Pegado

      Felton é mais inteligente. E quando está em quadra, o ataque do Thunder funciona de forma bem mais fluída. Aliás, pode colocar essa vitória na conta dos reservas que abriram boa vantagem nos 5 minutos iniciais do quarto período.

      • Asf 152

        realmente, parece que com o Felton a cesta está vindo com mais facilidade, e tem pelo menos uns dois anos que eu acho que o OKC tinha que fazer isso que o Snake falou, o Oklahoma precisa de um armador com um bom Q.I de basquete

        • Daniel Azevedo

          OKC não tem espaço pra outro PG. Bem, pelo menos enquanto Westbrook estiver por lá.

          • Asf 152

            Infelizmente eu acho que é verdade

        • Israel Pegado

          Concordo com o raciocínio. Já cheguei a comentar com colegas que o West me passa a impressão de ter sido um SG forçado a jogar de PG, talvez, pela altura, não sei. Mas, basta observar as características do jogo dele. Muita velocidade, força e explosão nos contra ataques e infiltrações, e um mid-range melhor que o chute de 3. Enfim, agora, não vai mudar mais. Ele não tem a menor característica de um organizador. Fico imaginando a enorme diferença que seria no jogo do Thunder atual se o armador fosse o CP3.

          • Daniel Azevedo

            Westbrook é um jogador espetacular dentro do que ele se propõe a fazer. A questão é que isso não tem nada a ver com organização de time e distribuição de jogo.

          • Israel Pegado

            Perfeito. É isso mesmo.

    • Vinícius Maia

      Ricky Rubio nesse time com Westbrook de SG, Paulo Jorge de SF, melo de PF e Adams de Center poderia funcionar.

      • vsr.snake

        Também acho, mas o problema seria convencer o Westbrook a dar a bola pra ele. O Harden (que é um baita ballhog) tem se dado muito bem com CP3, não teria porque o Westbrook não dar certo jogando na dois com um playmaker melhor

        • Vinícius Maia

          O negócio é que o Harden jogou de SG a vida inteira, com exceção da temporada passada. Então não foi sacrifício nenhum para ele voltar para sua posição original. Westbrook, desde os tempos de Durant, mostrava que queria ser o dono da bola e do time, isso que complica. Os fãs do okc são surtar comigo, mas eu concordo com aqueles que dizem que Westbrook centraliza demais o jogo e que isso prejudica o time. Mas tenho certeza que ele jogando como SG com um armador passo First como o Rubio, se tornaria uma aberração em quadra, quase impossível de ser parado.

          • vsr.snake

            Mas o Harden sempre monopolizou muito a bola, desde que chegou em Houston. Tanto é que o D’Antoni só o oficializou como “armador”. Ele é tipo jogadores como Kobe e Jordan, que gostam de carregar demais a bola. Por isso eu tinha minhas dúvidas se daria certo com CP3 no time, mas como o Paul é um cara muito tranquilo, e o Harden se dispôs também a compartilhar a bola, a dupla tem dado certo.

          • Fãs do Westbrook não entendem que ele atrapalha. Ontem vi um perfil do OKC dizendo que ele jogou muito bem, pois fez mais um TD. Muita gente acha que TD é tudo

    • João Vitor

      thon maker e uma pick de first round seria otimo pras duas partes

  • ThunderSPD-SuperPatrulhaDelta

    Steven Adams All-Star Franchise Player

    • Rafael Victor

      Tá jogando muito nessa temporada!

    • Guilherme Petros

      E se o Adams for All Star nessa temporada e o Carmelo não?

  • Victor – Aqui é Grêmio

    KAT poderia ter ficado quieto, né? Ficaria menos feio.
    Embiidão deitando antes, durante e depois do jogo.

    https://uploads.disquscdn.com/images/bef77bbf68f40528a88ea5ae0dc39a397d0f6ef8524a0a8b7bf518f9cad35542.jpg

    • Marcelo Desoxi

      “Raising the KAT” kkk

      • Victor – Aqui é Grêmio

        hahahah ele é um trash talker inteligente.

      • Vinícius Maia

        O que quer dizer? Percebi que é uma zoeira com o Towns, mas não consegui entender o significado

        • Marcelo Desoxi

          Não sou o melhor em entender esse joguetes de palavras em inglês.
          Raise significa criar,educar.
          No caso : Raising the cat, é como se você estivesse ensinando boas maneiras a um gato, o educando. hsushhsu
          Só que “cat” e “KAT” tem a mesma fonética.
          Embiid quis dizer que ele educou/ensinou o KAT. hsuhsuhsuhs

          • Vinícius Maia

            Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk mito

        • Victor – Aqui é Grêmio

          Tchê, na minha compreensão foi porque “raise the cat” (tradução literal de erguer o gato) foi um movimento que teve na Filadélfia uma vez que o Ben Simmons postou foto com os gatos dele. A partir desse momento, os fãs do Sixers começaram a celebrar as vitórias postando fotos levantando os gatos.
          O Embiid fez um joguete de palavras e “raise the cat” significa vencer pros torcedores do Sixers.

          • Marcelo Desoxi

            Essa é mais profunda.
            feelsbad.jpg

    • Daniel Azevedo

      Vida longa ao Joel.

    • Doug

      kkkkkkkkkk

  • Asf 152

    DeMonstro Cousins ta jogando de mais, em todas as partes da quadra, será que seria um exagero colocar ele no top five dessa temporada até o momento?
    E tomara que essa vitória de um novo ânimo pro Paul George lá no Oklahoma, o time ganhou e jogou bem

    • Luciano Huck nadador

      Seria exagero não colocar ele no TOP-5, isso sim, Cousins tá loucura, loucura, loucura.

      • Victor – Aqui é Grêmio

        “loucura, loucura, loucura”
        hahahahha

    • Gustavo

      Na minha lista ele é TOP 3

      • Guilherme Petros

        Não, pera aí, na frente ou do James, ou do Harden ou do Irving? Aí não…

        • Gustavo

          Ta bom vai, ta brigando com o Irving pelo top 3.

  • Marcelo Desoxi

    Anthony Davis , melhor do mundo.

    Mitchell ROY, certeza.

    • Anthony#27

      ta esquecendo do Simmons cara na disputa do ROY.
      mas se esse calouro do 76ers não estivesse jogando o que esta, eu tambem cravaria que o Mitchell ganhava a disputa

  • Luciano Huck nadador

    Loucura, Loucura, Loucura! o que esse harden Joga.

  • Guilherme Petros

    “Nikola Mirotic: 29 pontos, nove rebotes”

    Mirota ta irritando os dirigentes do Bulls.

    • Daniel Azevedo

      Por isso que já querem trocar o rapaz.

  • Cedi LeBrOSMAN

    Chris Paul não sabe o q é perder, jogando pelo Rockets. Houston tá 11-0, com o CP3 jogando.

    • Vitor Martins

      Na realidade foram doze jogos, ele se contundiu na estréia, que também foi uma vitória. Ele tá 12-0. O único jogador que venceu seus 12 primeiros jogos com seu novo time tinha sido o Dennis Rodman, no Bulls do Jordan.

      • Roberval mendes

        E a defesa tá boa demais esse com.Mais pra mim não por causa do

    • E a maioria (eu incluso) questionava como seria o encaixe do Barba com o CP3, está aí, nunca foi tão fácil para o CP3 dar uma assistência.

  • Cedi LeBrOSMAN

    A NBA esse ano tá mt foda! Os caras tão mt mais “passionais”. Ou tão putos com a arbitragem, ou tão gostando de provocar os adversários, rs. Tá mt legal!
    https://twitter.com/World_Wide_Wob/status/941113323688427521

    • Gustavo – DefendTheLand

      Colocaram os caras no Poster e ainda passaram o saco na cabeça KKKKKKKKKKK

    • Victor – Aqui é Grêmio

      O pior tipo de bolada na cabeça

    • Me lembra o início dos anos 2000, bom.

  • Gustavo – DefendTheLand

    Vi o jogo do OKC ontem e n vi nada esse “câncer” no Carmelo que todo mundo gosta de falar, será que ele que ta estragando o OKC ou o OKC que n sabe utilizar ele? Pq o que eu vi muitas vezes ontem foi o RWB bater a bola e faltando 6/7 seg larga a bola na mão do Carmelo pra ele jogar em uma iso e arremessar contestado no mid range, na vdd um arremesso sem contestação em OKC é quase impossível, o time n se movimenta e tanto o PG quanto o Melo só arremessam contestados, ai fica difícil a bola cair msm, os 3 caras do Big 3 tão chutando pra Carrer Low em FG%, isso dai n é coincidência parece q o time n treina movimentação ofensiva. Alguma coisa precisa mudar ai.

    • Rogério A S Ifanger

      Só li verdades …….

    • dirct

      Eu poderia até concordar com vc se vc estivesse falando de outro jogador com estilo diferente mas o Carmelo nunca foi jogador de movimentação e nunca precisou ou conseguiu receber bolas livres, o jogo característico dele sempre foi receber no post e girar arremessando normalmente na cara do marcador, o problema é que ele não está matando as bolas que antes matava.

      Mas sem dúvida junto com o técnico o West é o principal culpado pelo desempenho do OKC porque é ele quem fica com a bola na mão e é ele que escolhe as jogadas já que é o armador do time e o responsável por pensar as jogadas.

      • Israel Pegado

        A questão que fica é: Ele pensa as jogadas ou age por instinto?

        • dirct

          West? Instinto puro, se ele pensasse as jogadas não passaria o jogo inteiro fazendo uma coisa que não está dando certo, ele tenta vencer pela persistência e as vezes quando “cai a ficha dele” o jogo já foi para o brejo, veja ontem por exemplo 3 de 17 nos arremessos, quando é um cara de QI alto de basquete ele vê que está em um dia que a bola não está caindo e muda sua abordagem dentro do jogo, tenta passar para companheiros que estão matando mais bolas, tenta infiltrar e arremessar mais perto da cesta ou recebe faltas nestas infiltrações e pontua nos lances livres, mas West não, continua arremessando e amassando o aro sem parar, isso não é planejado nem fudendo.

      • Gustavo – DefendTheLand

        Sim cara, mas perceba que a posição dele mudou, ele n joga mais de SF, sempre ta com um marcador mais alto que ele, logo esses arremessos de mid range ficam mais difíceis, Melo nunca foi um jogador muito ágil e ta ficando velho não consegue se livrar da marcação ai os caras largam ele no ISO sem nem um bloqueiozinho pra ele respirar e ta certo isso? Pra mim o técnico ta perdido e não sabe como utilizar suas estrelas.

        • dirct

          Sim tem isso também que vc disse, uma coisa era deixar ele no mano a mano com um marcador na ISO a 5 anos atrás outra é fazer isso hoje com caras maiores e mais novos, realmente o técnico tem que armar um estilo que se adapte as suas condições atuais, o problema é que acho que o técnico atual do OKC não parece ter o “tamanho” pra lidar com estes caras, se ele apertar demais e desagradar algum deles quem cai é o técnico, o que fazer?

          • Gustavo – DefendTheLand

            Se as coisas n mudarem ele vai cair de todo jeito, então se for cair que seja tentando montar seu estilo de jogo.

    • Jembous

      Qual jogo vc assistiu ontem? Nos últimos 7 minutos o Carmelo desperdiçou diversas posses, arremessou contestado, teve um airball, tomou toco e quase custou a vitória ao time, fora a defesa que foi uma peneira, e OKC desperdiçou uma vantagem perto de 10 pontos. Foi um péssimo final de partida do Carmelo

  • Rafael Victor

    Adams tem feito partidas excelentes nessa temporada, ontem foi mais uma delasn contra o Pacers! Tem o George e o Carmelo, mas vem sendo o melhor jogador do Thunder, depois do Westbrook, lógico!

    E o CP3 jogou fácil ontem contra o Hornets! Tava cheio de malabarismos e o caralho a quatro! Tirou onda!

  • Leo #GoCeltics ☘🏆

    Brown 26 pts (9-12) 5 reb

    Tatum 15 pts (6-9) 4 reb

    #baseforte

    • Alex Alves

      Tatum precisa participar um pouco mais da partidas mas tem se saído muito bem.

      Brown gosto muito do estilo de jogo parece o Buttler.

      • Torcer pra ver se a gente pega essa Pick do Lakers

  • PG to DENVER? ☇

    Pacers é a próxima franquia q já pode fechar depois do Memphis. Perderam pro Thunder com o Big Brick combinando pra 22%FG.

  • Vitor Martins
    • Vitor Martins

      E ae gente, quem será que vai ser melhor???

      Os caras pedem pra zoar o Lonzo, né? Só pode. Qual o cabimento de comparar o rapaz com o LeBron?

    • Gustavo

      Que heresia

    • Vinícius Maia

      Comparação totalmente coerente, até porque o elenco do cavs também era recheado de jovens promissores quando LeBron chegou. Não, pera…

      • Claudio R.

        Poxa os caras fazem umas comparações miseráveis… Lebron tinha 18 anos… o time do cavs era cheio de veteranos horríveis q não deixavam ele ter o controle do time … fala sério

  • xmaah

    Mirotic em quadra vitória dos Bulls, alguém precisa quebrar a cara dele de novo pro tank continuar firme e forte.

    Que pelada em Indiana, Lance maluco sempre engraçado assistir nasceu pra jogar no Pacers.

    Pelicans merecendo chegar aos offs.

  • Coyote Brasil

    Conforme prometeu, Carmelo vem mostrando ao pessoal da ESPN que aquela lista com a previsão dos 100 melhores jogadores da temporada estava errada mesmo! Afinal de contas, Carmelo não aparece nem no Top 100 da temporada atual!

  • Gabriel Pereira Barbosa

    Mano na boa.
    Dizem que eu persigo o West mas é foda.
    Enquanto ele não abrir mão de protagonismo e continuar com a bola na mão o OKC não vai pra frente.
    Ontem ele foi o West que eu gosto.Deixou o time jogar mais
    Poupou mais energia.
    Esse cara tem talento pra dar 15 assists por jogo mas ele insiste em querer fazer tudo.
    Melo e PG precisam dele e o sucesso do Thunder vai depender dessa mudança dele.
    Tem gente boa do lado pra jogar com ele
    Ele só precisa ‘armar’ o time.Não precisa ser um ala e muito menos um pivô ao mesmo tempo.
    Se poupando ele poderia até ter mais força na defesa que já é relativamente boa..
    Vai Thunder!
    Pensa Russel

  • Quem diria que o Steve Adams seria tão importante no OKC após a chegada do Melo e PG, se duvidar ele é também o jogar mais lúcido e estável. Em dezembro ele passou a ter mais espaço e suas médias saltaram para 19-10, e com Adams sendo mais acionado são 5 vitórias em 7 jogos.

  • Thiago26 // NBA GAME

    “No retorno de Paul George a Indiana, Thunder leva a melhor sobre Pacers”

    No retorno de Paul George a Indiana, o camisa 13, junto com West e Melo, não jogam porra nenhuma, e Adams leva a melhor sobre Pacers.

  • Sério que vocês acham que o Mitchell está no mesmo nível do Ben Simmons? Acho que Mitchell briga comTatum pelo posto de melhor do Draft, agora o ROY, acho difícil escapar das mãos do PG do Sixers

    • dirct

      Acho que o Simmons leva vantagem pela media do nível de desempenho na temporada, mas nos jogos que o Mitchell estava “encapetado” ele jogou no mesmo nível do Simmons.

      • Simmons tem a vantagem de ter passado um ano treinando com os profissionais, isso conta muito também. Na minha opinião, ele é o ROY com muita vantagem sobre o segundo colocado