Novato do Bucks é preso, toma choque de taser e joga no mesmo dia

O calouro Sterling Brown, do Milwaukee Bucks, teve uma sexta-feira das mais agitadas. O ala-armador de 22 anos foi detido pela polícia da cidade nas primeiras horas do dia – supostamente, às 02h – por ter parado seu carro entre duas vagas para deficientes físicos em um estacionamento. Ele teria resistido à prisão e, por isso, recebeu um choque elétrico de um taser usado pelos oficiais.

A abordagem violenta é incomum em detenções de atletas da NBA, mas a história ficou mais estranha. Liberado pela polícia em um horário não divulgado, o novato apresentou-se normalmente à equipe e, sem mostrar sinais de debilidade comuns aos atingidos por armas de descarga elétrica, entrou em quadra horas mais tarde para atuar 27 minutos na vitória do Bucks sobre o Brooklyn Nets.

“Esse é um problema pessoal que estou tentando administrando no momento. Eu venho trabalhando duro e os resultados já começaram a aparecer com o aumento dos meus minutos, então espero que nada disso mude. Agradeceria se pudessem respeitar minha privacidade sobre esse assunto”, declarou Brown antes do jogo, além de confirmar ter sido “abatido” pelos policiais com um taser.

Se o choque não serviu para mantê-lo longe das quadras, o jovem ala-armador teve uma atuação de alguém que não estava em grandes condições: anotou só quatro pontos, com apenas uma cesta em sete arremessos. A 46ª escolha do draft do ano passado pegou nove rebotes, por outro lado.

O Bucks já está ciente da situação e foi informado do episódio inteiro pelo próprio Brown. “Nós realmente acreditamos que Sterling vai receber uma punição da liga. Pretendemos apoiá-lo neste momento, para que tudo se resolva o mais rápido possível e todos possamos seguir em frente”, disse o treinador do Bucks, Joe Prunty, que substitui o recém-demitido Jason Kidd.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Doug

    Fiquei “chocado” com a notícia…se é que entendem…

  • JOSE MARINHO

    Essa noticia foi chocante.

  • Diego Costa

    Pelo menos foi com energia para os rebotes.

  • Damon

    Esse ai é lenda.
    Fez textão? não. reclamou de racismo? não.
    Simplesmente mantéu tudo na calada da noite e jogou na boa.

    • Ariel

      Certinho. Os negros tem é que apanhar, abaixar a cabeça e ficarem calados pra saber o lugar que pertencem.
      #Bolsomito2058

      • Eduardo Rebelatto

        Hahaha boa

      • Damon

        acho você não entendeu o que eu disse parceiro.
        muitos fariam caso disso. como você tá fazendo…

        Ele reagiu a prisão e sofreu as consequências. Simples assim
        Muito falariam que levou o tiro de choque por ser negro, e não porque agiu de forma errada e ainda reagindo a prisão.

        Ele teve a atitude correta. Sabia que tava errado e não fez caso disso.

        • pedrokadf

          Sem mais

  • Leandro Kallil

    Medo desse país….nusga! Se é pra copiar algum país vamos copiar a alemanha, suecia, noruega…..EUA não é exemplo de nada. País com milhoes de presos…sistema lá fracassou

    • Alex Vilela #PG MVP#

      Medo é do Brasil isso sim kkkkk

  • Alex Vilela #PG MVP#

    Nba mimizenta James, voltar a respirar com um projeto Chuck Norris.