Nuggets vence Wolves e garante a sexta colocação do Oeste

E mais: em jogo morno, Celtics passa pelo Bucks

Denver Nuggets 131×102 Minnesota Timberwolves

O Nuggets venceu o Wolves, chegou a marca de 38 vitórias e se garantiu na sexta posição do Oeste. O adversário na próxima fase será o  Los Angeles Lakers, terceiro colocado. Já os adversários, depois de um início de temporada promissor, mas ofuscado pelas lesões que o elenco sofreu, terminaram na décima segunda posição.

Os visitantes dominaram a partida por completa e tiveram como cestinha o pivô JaVale Mcgee, que saiu do banco de reservas para anotar 19 pontos. Além dele, Arron Afflalo contribuiu com mais 18 e Danilo Gallinari 17.

Ainda sem Kevin Love, a equipe de Minnesota teve Jose Juan Barea como principal pontuador com 20. O pivô Nikola Pekovic terminou bem a temporada e conseguiu um duplo-duplo com 18 pontos e 10 rebotes.

Destaques

Nuggets

JaVale Mcgee: 19 pontos e 5 rebotes

Ty Lawson: 15 pontos, 4 rebotes e 4 assistências

Danilo Gallinari: 17 pontos e 4 assistências

Arron Afflalo: 18 pontos e 4 rebotes

Timberwolves

JJ Barea: 20 pontos e 5 assistências

Nikola Pekovic: 18 pontos e 10 rebotes

 

Milwaukee Bucks 74×87 Boston Celtics

Em jogo com pouco interesse, o Celtics passou sem dificuldade pelo Bucks e terminou a temporada regular com 38 triunfos, quarta melhor franquia do Leste. O adversário na primeira fase dos playoffs será o Atlanta Hawks. O time de Milwaukee ficou na nona posição, com 31 vitórias.

Os visitantes foram à quadra sem Monta Ellis e Drew Gooden enquanto os anfitriões pouparam a maioria dos titulares. Do quinteto inicial, Rajon Rondo foi o que mais atuou (25 minutos). O armador tentou apenas um arremesso – e errou – mas distribuiu 15 passes decisivos e roubou quatro bolas. Avery Bradley foi quem mais pontuou com 14.

Pelo Bucks, o novato Tobias Harris teve a oportunidade de terminar a temporada como titular e obteve bons números com 16 pontos e nove rebotes.

Destaques 

Bucks

Tobias Harris: 16 pontos e 9 reboets

Jon Leuer: 15 pontos e 8 rebotes

Celtics

Rajon Rondo: nenhum ponto, 15 assistências e 4 roubadas de bola

Avery Bradley: 14 pontos

Paul Pierce: 12 pontos em 6 minutos

 

New Orleans Hornets 77×84 Houston Rockets

Em outra partida que não valia mais nada, o Rockets conseguiu grande virada para cima do Hornets e terminou com vitória a temporada. A equipe viu a classificação escorregar das mãos dela nas últimas rodadas e amargou a nona posição. A equipe de New Orleans foi a última da conferência Oeste e já começa a pensar na sua reestruturação.

O grande nome do jogo foi o ala Chase Budinger, de Houston, que anotou 27 pontos e comandou a equipe na busca pela vitória. Goran Dragic também teve papel essencial com 13 passes decisivos. Nos visitantes, quem mais pontuou foi o armador Jerome Dyson, com 15.

Destaques

Hornets

Jerome Dyson: 15 pontos

Al-Farouq Aminu: 11 pontos e 10 rebotes

Lance Thomas: 11 pontos e 8 rebotes

Rockets

Chase Budinger: 27 pontos e 4 rebotes

Goran Dragic: 8 pontos, 5 rebotes e 13 assistências

Samuel Dalembert: 11 pontos e 11 rebotes

 

Philadelphia 76ers 86×108 Detroit Pistons

Graças a mão calibrada de Ben Gordon e ao desinteresse do 76ers na partida, o Pistons saiu como vencedor. A equipe terminou na décima posição do Leste com 24 vitórias enquanto os adversários asseguraram a oitava colocação da mesma conferência e enfrentarão o Chicago Bulls na pós-temporada.

Os anfitriões não encontraram problemas para vencer o time de Philadelphia. Tanto que os titulares da equipe nem atuaram tanto tempo assim. Gordon saiu do banco de reservas e acertou oito bolas de longa distância, o suficiente para aniquilar qualquer chance de reação do 76ers.

Sem os titulares, já poupados para os playoffs, o cestinha dos visitantes foi o pivô Spencer Hawes, com 16 pontos, seguido de Jodie Meeks, com 15.

Destaques

76ers

Spencer Hawes: 16 pontos e 7 rebotes

Evan Turner: 10 pontos, 4 rebotes e 6 assistências

Jodie Meeks: 15 pontos e 4 assistências

Pistons

Ben Gordon: 26 pontos e 5 assistências

Rodney Stuckey: 13 pontos e 4 assistências

 

Cleveland Cavaliers 75×107 Chicago Bulls

Sem Derrick Rose e Luol Deng, poupados, o Bulls bateu o Cavaliers e terminou a temporada com 50 vitórias. A equipe se prepara agora para encarar o 76ers. A franquia de Cleveland, por outro lado, está de olho na próxima temporada e ficou apenas com a décima terceira posição da Conferência Leste.

O grande nome da partida foi o armador John Lucas. Ele anotou 25 pontos e supriu as ausências dos principais jogadores de Chicago. Mike James, Taj Gibson e Rip Hamilton marcaram dez pontos cada e também tiveram boa contribuição.

O Cavs, já sem muito o que fazer, deu tempo de quadra a jogadores como Luke Harangody e DJ Kennedy e, como era de se esperar, foi derrotado com facilidade.

Destaques

Cavaliers

Tristan Thompson: 13 pontos e 12 rebotes

Antawn Jamison: 12 pontos e 7 rebotes

Luke Harangody: 12 pontos e 5 rebotes

Bulls

John Lucas: 25 pontos

Joakin Noah: 13 pontos e 12 rebotes

Taj Gibson: 10 pontos, 12 rebotes e 4 tocos

Brian Scalabrine: 2 pontos

  • Dave

    Brian Scalabrine virou destaque com 2 pontos.
    kkkkk! O cara, o mito, a lenda !