Para Bledsoe, Suns pode conseguir “vaga tranquila” nos playoffs

O Phoenix Suns vai iniciar a próxima temporada com o desafio de colocar fim a um incômodo jejum: cinco anos sem chegar aos playoffs. E, como várias outras equipes do Oeste, o elenco do Arizona acredita ter o que é necessário para conseguir a classificação. Até mais do que isso, na verdade. Para o armador Eric Bledsoe, o time tem condições para fazer frente aos favoritos e ir além do que “só” disputar por uma das últimas vagas da conferência.

“Nós estamos ansiosos para começar a jogar e, definitivamente, tentaremos conseguir chegar aos playoffs. Ah, e nosso objetivo não é a oitava ou sétima vaga, não. Queremos uma posição melhor, mais alta”, afirmou o titular da equipe, dando a entender que o Suns poderia até brigar por mando de quadra no competitivo Oeste, em entrevista à rede ABC.

Para buscar sua primeira classificação em meia década, o Suns reforçou seu elenco trazendo reforços como o arremessador calouro Devin Booker, o ala Sonny Weems (ex-CSKA Moscou) e o ala-pivô Mirza Teletovic (ex-Brooklyn Nets). No entanto, a maior contratação da direção de Phoenix foi o veterano Tyson Chandler – um nome de consenso na franquia para trazer experiência e maior capacidade de proteger o aro.

Bledsoe contou que, adiantando-se à pré-temporada oficial, os jogadores do Suns já estão se entrosando em treinamentos voluntários cada vez mais freqüentes. “Nós realmente temos um ótimo grupo. Todos estão trabalhando duro nas férias e você pode ver isso em quadra. Temos jogado várias partidas recreativas recentemente e tem sido divertido”, revelou o armador, sem esconder a empolgação com o novo elenco.

Titular absoluto do técnico Jeff Hornacek, Bledsoe será uma das referências técnicas da equipe em busca dos playoffs em 2016. O armador participou de 81 das 82 partidas disputadas pelo Suns na campanha passada, com médias de 17.0 pontos, 5.2 rebotes, 6.1 assistências e 1.6 roubos de bola. Ele foi o principal pontuador e ladrão de bolas do time no primeiro semestre, além de liderar o elenco nos passes decisivos.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • King Cuban

    Duvido que consigam alguma coisa com essa equipa…

  • Maurilei Teodoro

    Acho que vão brigar por no máximo a 8ª vaga !

  • Raja Bell

    Eu queria acreditar nisso… mas eu não consigo, infelizmente…

  • Diego

    Acho q nem playoffs

  • Tárcio

    Suns outra vez brigando por playoffs e mais uma vez morrendo na praia.

  • Rafael Victor

    Viajou legal, o Suns não tem time pra isso, mas deve brigar pela 8º vaga, que não será nada fácil e bastante disputada!

  • Suns tem vários jogadores que potencialmente podem ter o melhor ano da carreira: Eric Bledsoe, Brandon Knight, T.J. Warren e Markieff Morris. Só que isso não soa como um núcleo consistente pra ganhar mais de 47-46 jogos (um número muito alto por sinal e onde deve ser a linha de corte da conferência Oeste), ainda mais que a conferência está muito nivelada: Wolves, Nuggets, Mavericks, Pelicans, Jazz, Suns, Lakers e Kings todos em condições de disputar as últimas 2 vagas no meu ponto de vista, vai depender do interesse em competir até fevereiro e sorte (no caso dos rivais terem baixas).

    Esse ano o fator divisão e não perder jogos contra times da conferência leste (principalmente na divisão do atlântico) vai ajudar a definir quem briga pelo o que na temporada regular.

  • Dubnation

    “vaga tranquila” kkkkkkkkkkkkk

  • Caseh

    Esses sequer brigarão por vaga… só se uma hecatombe acontecer.

  • Vicente Machado

    Tranquilamente não, pode brigar até o final pra mim, apesar de que acho que não vão levar.

  • Guilherme Rodrigues

    Vendo assim parece que todos estão felizes no Suns, e Markieff?