Para DeMarcus Cousins, prêmio de MVP tornou-se “concurso de popularidade”

DeMarcus Cousins é um dos melhores pivôs da NBA – e isso fica bem evidente na tabela de estatísticas desta temporada. Ao lado do companheiro Anthony Davis, o astro do New Orleans Pelicans é o único jogador a figurar entre os dez melhores da liga em média de pontos (26.1), rebotes (12.5) e tocos (1.52). Os números são incríveis, mas ele duvida ter chances de ganhar um prêmio de MVP na carreira.

“O que eu estou começando a compreender é que o prêmio de atleta mais valioso da NBA não tem nada a ver com o que deveria. Virou um concurso de popularidade. É o troféu para o cara que está na televisão todas as noites. Isso não pode ser um objetivo para conduzir minha carreira”, explicou o polêmico craque, em uma longa entrevista ao site The Undefeated.

Sem ter o MVP como um foco, Cousins assegura que está muito mais voltado para buscar o sucesso coletivo neste momento. “Eu não me importo com estatísticas, eleições para Jogos das Estrelas e quintetos ideais. Meu único objetivo é vencer e levar minha equipe aos playoffs. Se isso, estarei satisfeito. Vai ser fantástico. É a única meta”, sentenciou o pivô de 27 anos, que nunca chegou à pós-temporada.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Leo

    Parece que a saída do Kings fez bem pro Cousins. Não só em termos esportivos, mas na cabeça. Ainda dá umas recaídas mas tem estado mais tranquilo. Deu declarações bem lúcidas.

    Sobre o que ele falou concordo parcialmente. O MVP do Westbrook foi questionável e motivado pela hype em cima dos recordes de TDs. Mas no geral as premiações tem sido justas

  • Vitor Martins

    Assunto bem mamilos, concordo em partes. Acho que o último isso pesou um pouco sim. Westbrook fez um temporada fantástica e mereceu o prêmio, mas penso que o Harden também merecia, o desempate foi muito por conta da popularidade do West, toda a historinha de pobre menino milionário abandonado, que fez muita gente ter mais simpatia por uma jogador antes muito contestado. Claro que não foi só isso, mas a popularidade dele pesou.

  • owww

    porra q mudança de personalidade kkk

  • Vinícius Maia

    Não concordo. Com exceção do MVP do Westbrook, os últimos foram bem coerentes com o que já acontece a anos: venceu o melhor jogador de um dos dois melhores times de uma das conferências. Simples assim. Tem gente que ainda implica com o MVP do Westbrook, mas eu vejo como uma exceção da regra, assim como Jordan foi uma exceção quando venceu com seu time se classificando em terceiro lugar na conferência leste. o recorde do Westbrook foi insano, um recorde que muitos consideravam inquebrável nos dias atuais. Westlouco mereceu, mas duvido que, esse ano, não volte a “antiga regra”: vence o melhor jogador do melhor ou do segundo melhor time de uma conferencia.

  • PG to DENVER? ☇

    Popularidade não acredito,se for assim,Embiid vai ganhar esse ano.
    Eu sempre fui adepto a ideia do MVP ser dado ao melhor desempenho individual,e o das finais ao melhor jogador do time com a melhor campanha,já q o título significa melhor campanha,pra mim.
    Dentro disso,eu q o DeMarcus deveria brigar pelo prêmio.

  • DNT

    Discordo! Se fosse assim o Bronha ganhava todo ano…..

    • nico

      bronha? hahahaha mais respeito com o maior de todos os tempos !!

  • Guilherme Petros

    Mas é todo ano esse mesmo churemelo? Jogadores reclamam que o MVP virou “torneio de popularidade” desde 1634, se não me engano… rs