Para Fisher, situação contratual de atletas prejudica rendimento do Knicks

Derek Fisher 2

O início de trabalho de Derek Fisher a frente do New York Knicks vem conseguindo frustrar até os menos otimistas: com apenas cinco vitórias em 28 jogos, o time tem o segundo pior recorde da temporada. Nos bastidores, insucesso é creditado à dificuldade do elenco em compreender e executar o sistema de triângulos. Rumores sobre a falta de empenho dos jogadores circulam diariamente, mas o técnico vê a origem dos problemas no fato de nove integrantes do grupo poderem ser agentes livres ao fim da temporada.

“Esta é a realidade: nós temos muitos atletas pensando em como vão sustentar suas famílias, no rumo de suas carreiras ou se estarão aqui no ano que vem. Não é algo fácil de processar. E, para piorar, eu estou pedindo que sacrifiquem o rendimento individual para conquistarmos vitórias. Então, não temos um cenário ideal para formar grande coesão como time”, afirmou o ex-armador, contratado logo após confirmar sua aposentadoria das quadras.

A equipe nova-iorquina tem oito jogadores – ou seja, mais de metade do elenco – com vínculos expirando em junho de 2015: o armador Shane Larkin, o ala-armador Iman Shumpert, o ala Travis Wear, os alas-pivôs Amare Stoudemire e Quincy Acy e os pivôs Andrea Bargnani, Cole Aldrich e Jason Smith. Além deles, o ala-armador J.R. Smith possui a opção de rescindir seu contrato no meio do ano que vem.

Embora admita que a situação seja complicada de ser gerida, Fisher não duvida do empenho dos comandados em executar o que pede dentro de quadra. “Eu acho que temos jogadores comprometidos o suficiente em nosso vestiário para fazer as coisas do modo certo e, por isso, estamos tendo chance de vencer em muitas noites. Simplesmente não acredito que ninguém esteja desistindo do que estamos tentando fazer”, cravou.

Os contratos expirantes acumulados pelo Knicks podem ser problemas no momento, mas são a chave do plano em longo prazo traçado pelo presidente de operações Phil Jackson: com o alívio financeiro que a franquia passará a ter na próxima temporada, é esperado que sejam contratados reforços de peso para Nova Iorque.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • danielzera

    Só vamos conseguir avaliar o verdadeiro trabalho do D.Fisher e do PJax na próxima temporada, até lá vai ser esse tank involuntário.

    • More

      Esse tank consegue sem involuntário e voluntário ao mesmo tempo kkk

  • More

    A rivalidade entre Knicks, Celtics e Lakers é tão grande, mas tão grande, que eles disputam até pra ver quem faz temporada mais fudida.

  • Galvão – EL HEAT

    Andrea Bargnani tem o contrato mais errado que eu já vi na vida, é o cara que mais ganhou dinheiro sem fazer nada!

    • ivanknicks

      Não é a toa que numa comunidade do Knicks que participo é proibido chamar ele pelo nome, o chamamos de “Zumbi” e nada mais, é cada negócio que o Knicks faz, que ainda bem que hj temos um cara com a capacidade do Master Zen pra comandar a equipe.

  • Kleber

    Nenhum aí é jogador pra renovar, nem o Stat infelizmente. Talvez forçando muito o Larkin e o Acy pra segundo ou terceiro escalão. Do time atual só Melo e Hardaway ficariam pra mim. É montar um time quase do zero mesmo. Chega de come-dorme no time. Ganhar muito, fazer nada e morar numa das cidades mais importantes do mundo, quem não quer ?

    • ivanknicks

      Concordo com voce Kleber, o Knicks faz muita bobagem há anos, por isso que não temos time competitivo, só discordo de vc com relação aos jogadores, Larkin é muito fraco pra vestir a nossa camisa, ficaria com Acy, Shumpert, Calderón, fora Melo, Amare ficaria se ele diminuisse seu salário já que hj ele não é mais estrela e já ganhou 100 milhões do Knicks, coisa que acho dificil dele aceitar a diminuição do seu salário.

  • ivanknicks

    Ah esqueci do Jr Smith que sinceramente não sei, o cara tem talento mas a cabeça não ajuda.

  • Knickãodamassa

    Ano que vem essa fase vai mudar. Dias melhores estão por vir! Vamo que vamo, Knickão!

  • Lucas Ottoni

    Falta muita coisa para o Knicks melhorar. A primeira delas é arranjar um treinador de verdade.

    • Marcelo

      Com certeza. Fisher e o Ron Harper da vez.