Para GM do Rockets, Chris Paul fora do Jogo das Estrelas é uma “atrocidade”

Chris Paul não foi convocado para disputar seu 10º Jogo das Estrelas da carreira na última terça-feira. E, na avaliação do gerente-geral do Houston Rockets, todos os envolvidos nessa votação deveriam sentir-se culpados. Daryl Morey acredita que a ausência do astro na partida festiva é absolutamente injustificada, mesmo tendo sido desfalque em 17 jogos da temporada.

“Isso é uma atrocidade. Acho que se basearam unicamente no número de partidas que Chris não disputou para excluí-lo, mas você precisa ver seu impacto enquanto esteve em quadra. Ele foi o principal fator para seguirmos vencendo quando James Harden contundiu-se. Se o foco são vitórias, o que ele trouxe para nós é mais do que o suficiente para ser escolhido”, argumentou o indignado executivo.

Paul vai ficar de fora do Jogo das Estrelas pelo segundo ano consecutivo, após nove participações seguidas iniciadas em 2008. Neste ano, o armador perdeu vagas para Stephen Curry, Damian Lillard e Russell Westbrook. O titular do Rockets esteve presente em 29 jogos dos texanos na temporada – com 24 vitórias –, acumulando médias de 18.8 pontos, 5.9 rebotes, 8.8 assistências e 1.9 roubos de bola.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Jordan BELL

    E o zaza tbm n foi

  • Chimbinha

    Porra, o que tem de chorão na NBA é brincadeira. Vão tudo as fezes

  • Vinícius Maia

    Esse chororô todo por uma partida que não vale nada é que os jogadores não dão a mínima importância quando estão em quadra. Se fosse uma partida competitiva, como os mais antigos dizem que era nos anos 90, esse mínimo até seria compreensível, mas do jeito que os jogadores cagam para essa partida, participar ou não disso não deveria mais causar tanto barulho.

    • Chimbinha

      Mas deve ser porque deve rolar uma grana a mais pelos contratos, patrocínios enfim. Mas é chato demais

      • Vinícius Maia

        Faz sentido. Tem jogador que recebe tênis especial para a partida, então deve rolar uma grana a mais sim.

    • Marcio

      concordo… Ja faz uns 4 anos que não vejo esse jogo… So os melhores momentos no dia seguinte pelo Youtube!!

  • João Paulo

    Virou moda reclamar disso também, hein!? Faz um all-star game estilo nossos rachas aqui. Tem dia que dá uns seis times. Cinco minutos ou dois gols. No caso, cinco minutos ou tantos pontos. Leva logo uns oito times e atente todo mundo.

  • Don

    Já deu pra ti CP3 ! gosto do jogo dele, mas já não é mais uma super estrela, tem q dar espaço pros mais novos.

    • Marcos Oliveira

      CP3 merecia muito mais ter ido do que KT, na boa…Mas a moda é foda!

    • Diego Costa

      Ainda é uma super estrela sim.

  • Cedi LeBrOSMAN

    Dinheiro.
    Acho q só isso explica esse chororô todo pq o cara não vai para essa pelada organizada, com um show e hino nacional. Deve ter algum percentual q cai no salário do jogador se ele for um All Star, da msma forma q existe quando se ganha um MVP, ou é eleito para um dos times ideais da temporada. O jogador recebe uma bonificação extra no salário por conta disto (geralmente os melhores jogadores possuem isto no salário).
    Tirando o dinheiro, eu ñ vejo mais justificativa. Pq prestígio eu acho q ñ é, nem competitivo o ASG é mais! Se fosse nos anos 90, eu entenderia perfeitamente, os caras levavam mt a sério.

    • Murillo

      Pode ser isso também. Mas pra mim tudo se resume a ego. E americano gosta dessas bobeiras. Nossa, ser um All Star. Sou um All Star. Isso é muito status. E em um mundinho como o deles, onde se digladiam noite após noite, esse status de ser um jogador “especial”, pesa muito na mente deles. Coisa cultural.

      Também acho uma bobeira sem fim e uma pelada sem graça. Mas…..

  • Vitor Martins

    Se os selecionados defendessem o tanto que os não selecionados choram essa pelada viraria um jogo de basquete realmente interessante.

  • felipe fernando Oliveira

    Agora todo mundo vai chorar

  • Natural do tempo, é necessário renovação.