Para Michael Jordan, apenas Kobe Bryant pode ser comparado a ele

O atual dono do Charlotte Bobcats, Michael Jordan, considerado o melhor jogador de basquete de todos os tempos, fez uma declaração ousada e que vai causar polêmica na NBA.

Segundo o jornalista Roland Lazenby, que está escrevendo um livro sobre o eterno camisa 23 do Chicago Bulls, Jordan lhe confidenciou que apenas o ala-armador Kobe Bryant, do Los Angeles Lakers, pode ser comparado a ele. Sobre o assunto, Jordan não fez qualquer menção ao ala Lebron James, do Miami Heat.

Confira abaixo os números de Michael Jordan, Kobe Bryant e LeBron James e tire suas próprias conclusões. LeBron merece entrar nessa comparação? Ou Kobe é mesmo o melhor jogador da NBA na era pós-Jordan?

Michael Jordan: seis títulos da NBA (1991, 1992, 1993, 1996, 1997, 1998), cinco vezes eleito MVP da temporada (1988, 1991, 1992, 1996, 1998), seis vezes eleito MVP das finais (1991, 1992, 1993, 1996, 1997, 1998), defensor do ano (1988), novato do ano (1985), 109 jogos em playoffs com mais de 30 pontos, maior número de pontos em uma única partida de playoffs (63 pontos contra o Boston Celtics, em 1986), terceiro maior cestinha da história da NBA (32.292 pontos, superado apenas por Kareem Abdul-Jabbar e Karl Malone), média de 30,1 pontos por jogo na carreira (a maior da história da NBA ao lado de Wilt Chamberlain), médias na carreira (30.1 pontos, 6.2 rebotes e 5.3 assistências)

Kobe Bryant (33 anos): cinco títulos da NBA (2000, 2001, 2002, 2008, 2010), uma vez eleito MVP da temporada (2008), duas vezes eleito MVP das finais (2008 e 2010), sexto maior pontuador da história da NBA (28.330 pontos), 80 jogos em playoffs com mais de 30 pontos (atrás apenas de Michael Jordan, com 109), tem o recorde da NBA de bolas de três em um único jogo (12), tornou-se o jogador mais novo a fazer 10.000 pontos (em março de 2003), marcou 50 pontos ou mais em quatro jogos consecutivos (na temporada 2006/2007), médias na carreira (25.3 pontos, 5.3 rebotes e 4.7 assistências)

LeBron James (27 anos): nenhum título da NBA, duas vezes eleito MVP da temporada (2009, 2010), novato do ano (2004), tornou-se o jogador mais novo a fazer 15.000 pontos (superando Kobe Bryant), médias na carreira (27.7 pontos, 7.1 rebotes e 7.0 assistências)

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.