Pistons demite Stan Van Gundy dos cargos de treinador e presidente

Stan Van Gundy não é mais técnico e presidente de operações do Detroit Pistons. A franquia anunciou que o veterano treinador foi dispensado dos dois cargos nesta segunda-feira, depois de uma reunião com o dono do time, Tom Gores, selar o fim da parceria de quatro temporadas entre as partes. Ele possuía contrato garantido até junho do ano que vem, com US$7 milhões em salários a receber.

“Nós resolvemos que essa mudança era algo necessário para conduzir a equipe a outro nível. Foi uma decisão difícil e sou muito agradecido a Stan por tudo o que realizou por nossa organização. Ele reconstruiu nossa cultura, trazendo a atitude vencedora e ética de trabalho que levou-nos de volta aos playoffs, mas tudo não progrediu como esperávamos”, explicou Gores, por meio de nota oficial.

De acordo com Adrian Wojnarowski, da ESPN, o Pistons iniciará imediatamente a busca por substitutos para os dois cargos – que voltarão a ser separados agora. Especula-se que um profissional altamente considerado para assumir um cargo (possivelmente menor) na nova comissão diretiva de Detroit seria o ex-atleta e atual comentarista de televisão, Brent Barry.

Gores declarou que a decisão de demitir o comandante foi especialmente dura pelo vínculo de amizade e admiração que criou-se entre ambos nos últimos quatro anos. “Stan remodelou um elenco que acreditamos poder ser muito competitivo no Leste. Não tenho nada além de respeito e adoração por Stan, que é um excelente técnico e espero ter como um conselheiro por muito tempo ainda”, elogiou.

Van Gundy acumulou campanha de 152 vitórias e 176 derrotas à frente do Pistons, registrando um aproveitamento de 46.3% de triunfos. Foi sob seu comando que a franquia conquistou a única classificação da década aos playoffs – onde terminou eliminado ainda na primeira rodada, em quatro partidas, pelo (futuro campeão) Cleveland Cavaliers.

Como presidente de operações, o profissional de 58 anos foi um dos responsáveis pela aquisição do astro Blake Griffin em fevereiro, em inesperada troca com o Los Angeles Clippers.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • KleineBosch

    Por essa eu não esperava! Quem será que vem no lugar dele agora?

    • Diego Costa

      Mike brown

      • JAMnba

        que merda hein

    • Scott Skiles kkk

  • Alex Alves

    Acho ele um bom técnico, o problema é quando começa a apitar de GM (quase nunca da certo).

  • Marcelo Desoxi

    A IGREJA DIGA AMÉM CARALHO

    • Paulo Henrique

      Cara, pq Detroit sempre tem esses caras com nomes estranhos, Ellenson, Tolliver, Moreland, Billups?

      • Beto cargnin

        Eh muito estranho isso, parece superstição.

      • Marcelo Desoxi

        Você diria que Oladipo é um nome comum ? kkkk

        • Paulo Henrique

          Não, mas Detroit tem um time inteiro de nomes estranhos rs

        • Rafael Vieira

          Oladipo é muito style. Agora esses jogadores do Pistons vão ter nome esquisito assim na caixa prego.

      • Guilherme Petros

        Eles tem um ISH no time. Nem parece nome, é quase uma interjeição… rs

      • Rafael Vieira

        Cara, pensei q só achasse os nomes dos jogadores do Pistons esquisitos. É cada nome…

        • Paulo Henrique

          Olha esse: Dwight Buycks kkk

    • xmaah

      Dependendo do técnico se Drummond não fizer 20-20 em todos os jogos pode trocar esse infeliz.

      Do novo GM espero um time que de imediato já chegue aos offs já que metade da conferência tá no tank.

      • Marcelo Desoxi

        Espero que pelo menos tentem o David Griffin, para presidente de operações, que era do Cavaliers. Sempre achei ele bom, fazia movimentos – principalmente de cap – bem astutos.

        Como técnico , nem sonho com o Bud. Provavelmente quer um time com talentos acumulados, Detroit só tem Griffin e Drummond.

        • xmaah

          Se o novo gm se livrar do Jackson, Leuer e até o Galloway já livra umas 32 milhas, da pra ajeitar esse perímetro sem vergonha e ficarei mais que feliz.

  • Ricardo Soares

    Bud está livre, bora Pistons.

    • KleineBosch

      Tô achando que ele vai pro Bucks, tem uma base jovem brilhante lá, e Detroit não é uma das melhores cidades nos EUA pra se viver diga-se de passagem

      • Ricardo Soares

        Pior que já teve rumor dele no Knicks, Suns e agora o Bucks, mas as duas primeiras essas escolheram outros técnicos. Vai que o Bucks não pega ele, e sobra para os Pistons.

        O estado de Michigan já foi bem relevante lá nos EUA, hoje está meio caído, consequentemente Detroit. Não sei como deve ser morar em Detroit, mas os Pistons têm muita tradição.

      • Eduardo Muniz

        Bud seria muito bom para os Bucks!! Com certeza ele levaria a franquia a outro nível. Gostaria de vê-lo no Sixers ou no Bucks.

      • Ricardo Soares

        Pior que já teve rumor dele no Knicks, Suns e agora o Bucks, mas as duas primeiras essas escolheram outros técnicos. Vai que o Bucks não pega ele, e sobra para os Pistons. Os estado de Michigan já foi bem relevante lá nos EUA, hoje está meio caído, consequentemente Detroit. Não sei como deve ser morar em Detroit, mas os Pistons tem muita tradição.

        • Mavscelo

          Detroit virou um favelão pós 2008.

      • Guilherme Petros

        É verdade. A gente sempre ignora que as cidades podem ter peso na escolha dos caras.

    • Marcelo Desoxi

      Mais fácil assinarem com o antigo assistente dele em Atlanta, Darvin Ham.
      Foi campeão em Detroit e ficou um tempo aprendendo com o Bud.

      Muito inexperiente ainda, mas não duvido acontecer.

      • Ricardo Soares

        Não conheço o Darvin Ham.

      • Ricardo Stabolito Junior

        Darwin Ham, lembro como jogador. Gostaria de não lembrar.

  • Playoffs Neném

    Aeeeeeeee. Pistons eh uma franquia que precisa voltar a ser relevante. Fiz um my league com eles e to curtindo muito.

  • Gustavo – DefendTheLand

    Ta ai mais um nome que o Cavs pode ir atrás na FA. É um bom técnico, sabe montar boas defesas, o problema no pistons foi querer ser GM.

    • Guilherme Petros

      O tweet do Stabolito é preciso nesse ponto: Em uma análise resumida: o trabalho do dirigente SVG nunca deu muita chance de sucesso para o técnico SVG.

  • Sincero

    Pistons franquia fracassada nos últimos 12 anos

  • danielzera

    Difícil vai ser achar um técnico melhor que ele…

    • Diego Costa

      Isso é moleza. SVG fez um pessimo trabalho

  • Digolas

    Agora vai.

  • Charles

    Cagou demais nas escolhas de draft. Poderia ter acertado pelo uma…

  • O Pistons perdeu a paciência com o Bigodão, a filosofia dele de jogo não é fácil de implementar sem as peças certas pra encaixar no time, foi uma temporada bem ruim e eles querem um recomeço agora com Griffin, Drummond e cia, certamente um técnico que valorize o jogo de garrafão e melhorando as peças do perímetro do Pistons deve se encaixar melhor, acho o Lionel Hollins por ex. um bom nome pra esse Pistons…

  • Andre Messetti Christofoletti

    Agora que o GM dos Knicks pensam, pqp, só mais 2 semanas e el bigodão era nosso!

  • Pablo Leite

    Bom, com Budenholzer dando sopa, talvez o Detroit finalmente dê uma dentro!