Previsão: Houston Rockets (1º) x (5º) Utah Jazz

Houston Rockets (1º) x (5º) Utah Jazz

Confrontos na temporada: Houston Rockets 4 x 0 Utah Jazz

05 NOV – Rockets 137 x 110 Jazz
07 DEZ – Jazz 101 x 112 Rockets
18 DEZ – Rockets 120 x 99 Jazz

26 FEV – Jazz 85 x 96 Rockets

 

Programação da série

29-04: Rockets x Jazz – 16h30 (em Houston)
02-05: Rockets x Jazz – 20h00 (em Houston)
04-05: Jazz x Rockets – 22h30 (em Utah)
06-05: Jazz x Rockets – 20h00 (em Utah)
08-05: Rockets x Jazz – horário a ser definido (em Houston)*
10-05: Jazz x Rockets – horário a ser definido (em Utah)*
14-05: Rockets x Jazz – horário a ser definido (em Houston)*

* Se necessário
Horários de Brasília

Houston Rockets (65-17)

Time-base: Chris Paul, James Harden, Trevor Ariza, P.J. Tucker, Clint Capela

Reservas com mais tempo de quadra: Eric Gordon, Nenê Hilário, Ryan Anderson, Luc Richard Mbah-a-Moute (lesionado), Gerald Green

Técnico: Mike D’Antoni

 

Utah Jazz (48-34)

Time-base: Ricky Rubio (Dante Exum), Donovan Mitchell, Joe Ingles, Derrick Favors, Rudy Gobert

Reservas com mais tempo de quadra: Jae Crowder, Royce O’Neale, Alec Burks, Jonas Jerebko

Técnico: Quin Snyder

Análise do confronto

É provável que Rockets e Jazz seja o confronto de extremos definitivo dos playoffs deste ano. Será a série entre um dos dois melhores ataques e uma das duas mais eficientes defesas da temporada, uma equipe de resoluções rápidas e envolventes contra o dono de um dos ritmos mais lentos da liga. Mas, apesar da sugestão de equilíbrio, vários indícios apontam para um claro favorito aqui.

O Rockets venceu os quatro jogos diante do oponente nesta temporada, por uma diferença média de absurdos 17.5 pontos. Um indicativo forte é o duelo de 26 de fevereiro, quando venceram o Jazz completo e vivendo seu melhor momento. Os texanos coletaram mais rebotes em todas as partidas e acertaram mais de 15 arremessos de longa distância em três delas. Foi um massacre.

Esse atropelamento foi liderado pela dificuldade em marcar James Harden e Chris Paul. O Jazz tem evidente predileção por defender pick and rolls mantendo Rudy Gobert – um dos melhores protetores de aro da liga – mais próximo da cesta. A abordagem, que funcionou bem contra um infiltrador Russell Westbrook, oferece arremessos de média e longa distância que os astros do Rockets aproveitam.

Nos jogos da temporada, Gobert foi obrigado a afastar-se do garrafão para tentar marcar os armadores no perímetro – e eles tiveram bastante sucesso atacando a cesta para conseguir cestas fáceis ou passes para chutadores no drive and kick. Esse problema tende a ser ainda mais explorado agora, já que Ricky Rubio deve desfalcar o Jazz por, no mínimo, duas partidas.

Na ausência de Rubio, outro problema que aparece é quem pode ser o “defensor principal” de Harden. A tendência é que Ingles comece nessa função, mas o ala australiano possui agilidade para a ingrata tarefa? Talvez, a solução mais lógica seja usar Royce O’Neale como titular – o que sobrecarrega Donovan Mitchell e o próprio Ingles em termos de criação ofensiva.

A defesa do Rockets também parece, em essência, encaixar-se muito bem contra o ataque do Jazz, a julgar pelos jogos da temporada regular: a presença de diversos atletas versáteis defensivamente, que podem trocar marcação constantemente, afeta a capacidade de infiltração e a troca de passes dos comandados de Quin Snyder. Isso estagna um ataque já lento e pouco criativo.

Um dos surpreendentes trunfos de Utah na série contra o Oklahoma City Thunder também está em risco nesse confronto: Derrick Favors. O ala-pivô bate de frente com chutadores bem mais capazes agora do que contra o Thunder, como Trevor Ariza e P.J. Tucker. É provável que Snyder não consiga manter suas formações mais altas, com Favors e Gobert, em quadra por longos períodos.

A chance do Jazz nesse confronto inicia no entrave do ritmo do jogo, certamente. A mais equilibrada das quatro partidas vistas na temporada regular foi aquela com o menor número de pontos e posses. Não é segredo para ninguém que, quanto mais lento, travado e fechado, melhor para o quinto colocado do Oeste. Mas isso só será uma tarefa muito mais tangível quando Rubio retornar, provavelmente.

O caminho também estaria em impor sua forma de jogar, com as formações mais altas do Jazz “castigando” a equipe mais leve, baixa e ágil do Rockets. Para isso, porém, a história dos rebotes precisará mudar de forma radical em comparação à temporada regular e os pivôs terão que ser mais agressivos do que de costume – algo improvável, já que Gobert e Favors não são jogadores polidos ofensivamente.

É muito fácil simpatizar com o Jazz: além de ter um dos melhores calouros da liga, a verdade é que encontrar times com foco em defender é cada vez mais raro na NBA. A equipe também vive grande fase pós-Jogo das Estrelas. Mas, aqui, a coisa parece realmente complicar-se: se Houston confirmar a lógica e criar aqueles bons arremessos que já conseguiu contra Utah na temporada regular, a série dificilmente vai longe.

Palpite

Houston Rockets 4 x 1 Utah Jazz

 

 

 

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Wadson Pinheiro

    Rockets em 6. Dando aqui uma moralzinha para o Jazz e emprestando minha torcida a eles. Mas e muito difícil eles conseguirem levar a série.

  • Alex Vilela #PG MVP#

    Acho que da 4×0 o Rockets tem mt poder de fogo.

    • TrueBlue

      Mal perdedor. Push George

  • djwhites

    não gostei do rocktes contra os wolves….mesmo ganhando eles jogaram mal…….mas mesmo assim passam 4×2

  • Rafael Victor

    Rockets 4 X 3 Jazz

  • Tárcio

    Rockets em 7, mas se eu fosse eles, eu perdia logo.

  • rafael

    Sem o Rubio fica complicado. é um jogador que vive seu melhor momento na liga. Com Rubio no time acho que será uma série muito dura pra Houston. Time do Jazz evoluiu muito ao longo da temporada.

    • TrueBlue

      Rubio volta pros jogos em Salt Lake. Se vc considerar que msm com o rubio é improvavel a “quebra de mando”. A torcida (que vem fazendo bom papel, gerando até comentario do westbrook q o incomodou) e o time completo pode fazer uma serie empatada em 2 a 2 voltando pra houston com o jazz no melhor momento psicologico. Esse seria o jogo chave. Único cenário que eu acredito que o jazz possa levar.

  • João Simplicio

    Se o jazz levar 2 jogos, já será um grande feito!

  • osmfapsmfafmsa

    espero jazz jogue bem mitchell carregue o time seriauma otima serie

  • Luiz

    Se o Jazz nao defender pra caralho(muito mais do que contra OKC) vão perder fácil,já que nao têm poder de fogo pra acompanhar o Rockets

  • Daniel Leite

    Meu palpite : Foguetinhos levam em 6 jogos

  • Claudio R.

    Acho q 4×1 fácil …. Houston na final do oeste. Queria muito o jazz x Pelicans na final, seria inusitado. Mas impossível de acontecer… acho que de Sixers x cavs no leste e warriors x Houston no Oeste … cavs x Houston na final… Lebron campeão… kkkķkkk

    • Rafael Vieira

      Sonhar não custa nada.

    • Francimarques Lakão

      Contra qualquer um Cavs é massacrado miseravelmente, triste né?

    • wilker pereira

      Hahahahaa a pergunta que nao quer calar porque todo torcedor do Lebron nao quer o encontrar os Warriors na final , e depositam a suas esperancas nos Hoston??
      Houston vai apanhar surra e se escapar da varrida ja e muita sorte!!

  • Houston 4×2 Jazz, acho que é o tipo de adversário que pode dar muito trabalho aos foguetes, porque vai congestionar o garrafão e marcar bem os pick n rolls de Harden pro Capela, apesar de que perder Rubio por dois jogos pode complicar, mas Mitchell tá jogando muito, ter CP3 e Harden vai ser difícil pro Jazz competir em poder de fogo, mas pode limitar o Houston…

  • dirct

    Quadro quase irreversível para o Jazz, eles são ótimos em defender na área pintada e quanto mais próximos da cesta melhor eles defendem mas isso é totalmente o contrário do jogo praticado pelo Houston que adora e tem muita qualidade pra pontuar de fora, contra o Houston o jogo do Gobert fica praticamente só pra pegar eventuais rebotes porque ele não vai poder fazer muita coisa em baixo da cesta contra o Houston.

    Contra OKC o jogo do Jazz casava porquê o OKC tem péssimo aproveitamento de fora e tem a sua principal arma nas infiltrações do West, conter infiltrações é a principal arma defensiva do Jazz com o Gobert em baixo do aro, sem a possibilidade de infiltração o OKC foi obrigado a chutar longe da cesta e obviamente amassou o aro, contra o Houston nada disso valerá.

    Mitchell é o único scorer 100% puro que o Jazz tem, os outros jogadores como Ingles, Crowder, Rubio (quando/se voltar) podem colaborar na pontuação mas nenhum deles são pontuadores confiáveis, o foco defensivo do Houston vai se concentrar inteirinho no Mitchell.

    Só vejo o Jazz ganhado jogo em que o aproveitamento de fora do Houston for ruim, é praticamente impossível do Houston amassar o aro durante 4 jogos na série então não vejo como o Jazz ganharia 4 vezes, na minha opinião 4 x1 ou 4 x 2 Houston no máximo.

    • TrueBlue

      Defendemos bem contra o Warrios na regular q n tem um jogo de garrafão. Se você pegar o último jogo da regular entre ambos, pontuação baixa (característica do jogos q jazz controla) e diferença pequena. Rubio volta pros jogos em @ Jazz. Se vencermos os 2 em casa, e voltarmos empatados pra rockets teremos talvez o primeiro jogo grande pro rockets na post season. Mas concordo com a previsão de 4 a 2, é sensata. Como torcedor me resta acreditar que as coisas vão ser diferentes que na regular.

  • Allan Lopes Soledade

    Como torcedor do Jazz acho que já fizemos o que tínhamos de fazer.Passamos para os playoffs e vencemos um grande adversário que era o OKC.Houston pra mim joga o melhor basquete atualmente,tem o MVP da temporada e defensivamente é estável.

    Tudo pode acontecer quando se trata de basquete.Mas se o imponderável não der as caras o Houston passa.Será 4 x 2 Houston

  • Pierry Silva

    Sem o Rubio, o Jazz arranca no máximo um jogo.
    Houston em 5

  • Tiago

    Só por curiosidade vocês o que acham se o jazz pegasse o warriors hoje atualmente daria jogo?

    • Rafael Vieira

      Podia até dar jogo, mas não existe cenário em que o Jazz vencesse a série.

    • djwhites

      o que seria ….dar jogo?…….jogos equilibrados?…..se for isso sim…..mas chances de passar não……..

    • TrueBlue

      Sem curry ou curry voltar “frio” jazz teria muito mais chance que contra o rockets. N concordo com a rapaziada abaixo que diz que jazz n teria chance. GSW favorito, mas com dificuldade de ganhar jogos em Salt Lake. Se n ganhar nenhum, um 4×3 faz uma série bem equilibrada. Um dia ruim, uma lesão muda a história de uma série.

      Com Curry bem é dificil falar. Dividir marcação entra Durant e Curry acabaria complicando bastante. E abriria pra thompson ter mt mais oportunidades de chute do q ele vem tendo. Acho que aí eu concordo mais com o pessoal aí em baixo, um 4 a 2 n seria um resultado inesperado.

    • wilker pereira

      SIm , daria 4 a 0 , ou seja varrida, vassoura atras de vassourada!!

  • Francimarques Lakão

    Vai dar Houston, em quantas, eu não arrisco dizer.

  • TrueBlue

    N precisa ser nenhum gênio pra dizer que o Rockets é favorito. Agora só lembro aqui que mesmo com Stockton e Malone em 97, o que se dizia na época é que o Jazz tava fora contra Rockets.

    4 a 2 é a lógica de um domínio do Rockets como se prevê. Se o CP3 jogar mal (ele n está tendo uma temporada tão estável) podemos levar isso pra um jogo 7 e aí o fator sorte acaba tendo mais peso. (E por sorte eu considero n só a aleatoriedade mas tb erros de arbitragem como vem acontecendo em td playoff)

  • Diego Costa

    O grande ponto pra mim é o Gobert, acho muito difícil ele ter uma vida fácil contra o Capela e até mesmo o Nene, como teve contra o Adams e o Patterson. Fora que o Rockets tem outros otimos defensores, CP3-ariza podem incomodar muito o mitchell e obrigar o restante do time a pontuar, e n existe outro talento individual além do Mitchell ali. Jazz cometeu muitos erros no game 5 e 6 x thunder, erros bobos e muita vezes apelou pra uma correria desnecessária, contra o Rockets isso pode ser fatal.

  • Sem Rubio aposto em 4×0; com ele, 4×1

  • Jailson #Paidams #AllStar

    Chegamos em uma fase que lamentamos a ausência de Ricky Rubio nos jogos. Acho que se alguém dissesse para o Rubio na época de Timberwolves que ele seria um dos caras mais importantes e bem quistos de uma equipe num futuro, ele não acreditaria.

  • Jailson #Paidams #AllStar

    Jazzão e Sixão merecem a torcida da galera

  • Will

    Acompanho a previsão do Jumper nessa: creio que vai ser 4×1 para os Rockets (com Utah ganhando uma, no sufoco, em casa).

  • TrueBlue

    #TAKENOTE