Primeira escolha de 2013, Anthony Bennett é dispensado pelo Timberwolves

Jesse Johnson/USA Today Sports

https://www.youtube.com/watch?v=yUhyAErinSk

Agora é oficial: Anthony Bennett não faz mais parte do elenco do Minnesota Timberwolves. De acordo com Shams Charania, do site Yahoo! Sports, a franquia acertou a rescisão do contrato do ala-pivô de 22 anos na tarde desta terça-feira. A notícia da dispensa confirma informações que o Jumper Brasil já havia adiantado nas últimas horas.

Primeira escolha do draft de 2013, Bennett chegou ao Twolves como parte da troca que levou o astro Kevin Love para o Cleveland Cavaliers, na temporada passada. A decisão de liberar o jovem jogador aconteceu após os insucessos da equipe em seguidas tentativas de negociá-lo no decorrer deste ano.

A última tentativa de trocar o ala-pivô se baseava em sua boa participação na Copa América e Jogos Pan-Americanos, com a seleção canadense. Apresentando-se bem mais magro, ele foi um dos destaques do time nacional nas competições. O salário de US$5.8 milhões que ainda tem a receber, porém, pareceu ter afastado interessados.

A rescisão contratual atende desejo dos agentes de Bennett, que pretendem posicioná-lo em uma franquia onde tenha maior tempo de quadra. Atualmente, o elenco de Minnesota já conta com Kevin Garnett, Nikola Pekovic, Gorgui Dieng, Adreian Payne, além dos calouros Nemanja Bjelica e Karl-Anthony Towns, como opções para a rotação de garrafão.

Leia mais

Anthony Bennett não será trocado para o 76ers
Baixo rendimento de Anthony Bennett ainda surpreende
“Ele vai poder se desenvolver em seu próprio tempo”, diz Mike Brown sobre Anthony Bennett

Agora, o novo agente livre ficará disponível para ser contratado apenas por times que estejam abaixo do teto salarial da liga pelas próximas 48 horas. Segundo Adrian Wojnarowski, do site Yahoo! Sports, Portland Trail Blazers e Philadelphia 76ers estariam interessados nos serviços do atleta e seriam os principais candidatos a adquiri-lo até o momento.

O Blazers surge como o favorito para a contratação do jovem por ter o treinador da seleção do Canadá, Jay Triano, como parte de sua comissão técnica. Triano, inclusive, deu entrevistas nas últimas semanas elogiando muito o trabalho do comandado nesta offseason.

O Cavaliers chocou o mundo da NBA ao selecionar Bennett com a primeira escolha do draft de dois anos atrás – e a aposta passou longe de dar certo. Em duas temporadas, ele não chegou nem próximo de justificar o status ganho após o recrutamento: atuou em 109 partidas e obteve médias de 4.7 pontos e 3.6 rebotes em cerca de 14 minutos de ação por noite.

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • Olavo #RipCity #Emerging
  • Renan Ronchi

    Como jogar uma first pick no lixo. Parabéns Cavaliers.

    • Thiago Pinto

      No fim das contas não foi um lixo pro Cavs né? Foi parte do pacote pra contratar o Kevin Love…

      • Renan Ronchi

        Sorte do Cavaliers que o LeBron gosta e se sente em dívida com a franquia. Não é todo mundo que tem essa sorte. Não fosse isso provavelmente teria até hoje um time que faz 35-47 na temporada regular.

    • Marcio #Lakers

      Eu tmb não acho que foi jogado no lixo, eu ate acho que pro cavs foi a melhor, no seguinte trouxeram o love, envolvendo ele no negocio! Quem acabou abraçando o mico do cavs foi o Minnesota Timberwolves.

    • tiago

      Pick: 1st overall ASDHFADHFADFH

    • Rodrigo Oliveira

      Jogaram nada foram espertos e trocaram pelo Love.Pior seria terem ficado com ele e hoje esses 5 milhões poderiam ser um peso no cap para renovar com algum jogador.

  • Renan Domok

    Eu penso que esse cara ainda vai virar alguma coisa na NBA, se ele pegar um time grande para jogar poucos minutos. No Blazer ou no Sixers ele vai ter muita responsa, e ainda não é tempo. Acho que ele completar o garrafão até do Warriors seria interessante, para jogar uns 10mpg não vejo problema. Com salário mínimo da liga, lógico.

    • Olavo #RipCity #Emerging

      Não acho que ele terá pressão jogando no Blazers ou no Sixers pois são times estão em Rebuild e não esperam que seus jogadores tenham um ótimo ano já nessa temporada. O problema, caso ele vá pro Blazers, é a disputa por espaço na rotação do time, pois o elenco tem muitas opções pra posição dele.

  • tiago

    Se realmente rolar dele ir jogar no Portland ou no 76ers, ele pode evoluir o seu jogo, jogou bem no EuroBasket. Bennett será um eterno Bust graças ao Cavs ter escolhido ele na first pick KKKK

    • Alan Raczenski

      Copa América ele jogou, Canada é time da America e não da Europa kkkkk

      • Rodrigo Santos

        Jogou Copa América e antes o Pan…

  • Vincent Savino

    Onde estará Marcelo e os outros torcedores do cavs que diziam que Bennett tinha sido de fato a melhor escolha?

  • Não existem muitas equipes para Bennett jogar de imediato, mas eu se fosse ele tentaria sair do comum e ir para o Pelicans.

    Sixers – Pode ser bom um projeto a longo prazo (segunda opção);

    Portland – Eu não vejo que ele vai ter tantos minutos assim com tanta gente querendo garantir o seu vínculo com a liga por lá;

    Dallas – Interessante, mas não faria uma engenharia salarial para trazer Bennett ainda mais ganhando próximo ao Dirk;

    Hawks – É um lugar interessante (seria minha terceira opção), ele vai disputar minutos com Mike Muscala o que seria bom para Bennett porque não é uma concorrência tão desleal como em outros lugares;

    • Lucas

      Denver também

    • Rodrigo Oliveira

      Mas o Hawnks tem Thiago, Milsap e Halford que jogam mais de 30 minutos nas duas posções Pivo e Ala Pivô.Sobraria pouco tempo para ele nessa posição.

      • ANDRÉ LÉO HAWKS

        e tem o mike scott tbm, scott sempre joga seus,15, 20 minutos por jogo…

      • O time ainda “perdeu” Brand & Antic (31 MPG somados) se for pensando só no garrafão nem vou somar os minutos do Carroll nesta história (que devem ir para Scott), é mais pelo sistema de jogo onde ele vai disputar minutos com um jogador em igualdade (Muscala) do que ver Bennett jogando mais de 25 minutos por jogo.

  • Olavo #RipCity #Emerging
    • Olavo! Tudo bem, brother?
      Como que você acha que ficaria o roster do Blazers com o Bennett na equipe? Abraço ae mano!

      • Olavo #RipCity #Emerging

        Fala, Oshiro! Tudo bem?

        Eu acho que, na situação que o time está hoje (Rebuild), vale a aposta.

        Eu sempre gostei do Bennett na época de UNLV, era um protótipo de um “Stretch Four” que a liga tanto usa hoje em dia. É claro que o Bennett, até agora, não mostrou nenhuma regularidade na liga, mas em vários momentos eu disse aqui que ele possui talento, o problema foi a pressão que ele sofreu por ser uma 1rst pick de um Draft. Mike Brown simplesmente queimou o cara na sua primeira temporada, fazendo ele jogar fora de forma e voltando de uma contusão.

        Eu vi alguns jogos dele na Copa América esse ano e, fisicamente falando, da pra ver que ele melhorou muito. Ainda tem muitas partes do jogo dele para serem desenvolvidas, mas eu acho que jogando no Blazers, com o Staff que o time possui, é bem capaz que ele melhore em muitas partes do seu jogo.

        O que me dá confiança de que isso pode acontecer é vendo trabalho que essa mesma comissão técnica fez com o Meyers Leonard ao longo desses 3 anos. Leonard chegou na liga totalmente cru, tecnicamente falando, e entrando nessa temporada a impressão que nós tínhamos era de que ele nunca iria conseguir desenvolver o seu jogo para algo que compensasse a sua escolha na loteria em 2012. Mas ai ele teve algumas oportunidades, por motivo de contusão no time, e ele se mostrou completamente diferente daquele jogador de anos atrás. Leonard mostrou uma mecânica e uma consistência maior nos seus arremessos e na defesa, aonde pra mim foi a maior melhora, ele mostrou uma evolução gigantesca. Meyers nos primeiros anos não conseguia defender um cone, mas hoje é totalmente diferente. Eu lembro dos Playoffs contra o Grizzlies esse ano, e haviam momentos em que o Marc Gasol teve dificuldades sendo marcado pelo Leonard, e na parte ofensiva ele quebrava bastante a proteção de aro da equipe de Memphis com sua habilidade para espaçar a quadra.

        Também posso citar alguns outros nomes que se desenvolveram jogando pelo Blazers, como Freeland, Will Barton, T-Rob (Não foi muito, mas melhoraram em alguns aspectos), CJ McCollum, que mostrou um grande potencial nesses offs, e até mesmo o Lillard, que ainda continua evoluindo ano após ano.

        Bennett pode ter essa mesma melhora, ainda mais jogando para o Jay Triano treinador dele no Canadá que é assistente do Blazers. É claro que a competição não vai ser fácil, pois o Blazers já tem o Vonleh, que é teoricamente a aposta do time na posição de PF pro futuro, e ainda Ed Davis e Cliff Alexander que podem ser bons Role Players, pensando na formação do time pra daqui a alguns anos. Bennett vai ter suas chances para atuar e tal, mas, caso ele não consiga desempenhar em um bom nível ou melhor que seus concorrentes, a situação dele fica bem ruim, não só no Blazers, mas em toda a liga.

        Foi mal ter escrito um texto tão grande, acabei me empolgando hahaha

        Abraços.

        • Eu tava querendo ler esse textão mesmo! Aheaheuahue é porque curto ver sua opinião, acho bem sensato.
          O time seria:
          Lillard
          Henderson/McCallum
          Aminu/Harkless
          Vonleh/Davis/Bennett
          Plumlee?

          É um time bom pra rebuild mesmo. No leste, ouso falar que era time de playoffs… Lillard faria 25+ ppg e seria nome para MVP, mas o time ficaria em 7, 8, caso classificasse. Ahahaha, vc acha que o time tem esse potencial – claro, contando com o “se”: se os jovens desenvolverem seus potenciais, como McCallum, Harkless, Vonleh e principalmente Plumlee?

          E ah, eu vi no site da espn que o Mike Miller está no Portland. Confere isso? Eu ein! Ahahaha (como torcedor do Heat, eu pirava no Miller. Acho que ele tem potencial pra meter umas bolinhas e, quando ele entra on-fire pode até meter bola só com um tênis kkkk)

          • Olavo #RipCity #Emerging

            É, eu acho que a base do time vai ser essa sim. Se for fazer uma rotação principal, ficaria + ou – assim:

            Lillard/McCollum/Pressey
            Henderson/McCollum/Connaughton
            Aminu/Harkless/Connaughton
            Vonleh/Davis/Bennett/Leonard
            Plumlee/Leonard/Kaman

            Não sei se esqueci de algum nome, mas provavelmente é isso. Até agora, tirando o Lillard, eu sinceramente não sei quais serão os titulares e quantos minutos cada jogador terá, mas em relação aos jogadores que atuarão em cada posição, não vai fugir muito disso.

            Eu gosto bastante dessa base, pensando pro futuro. A parte boa do Blazers, entrando nesse Rebuild, é já contar com um dos melhores jogadores de uma posição no Lillard e um dos melhores treinadores da liga no Stotts, na minha opinião. O time está em posição bem melhor que vários times estão em reconstrução na liga.

            O resto do elenco é uma base muito jovem e que ainda não atingiram seu potencial, com destaque para caras como o Vonleh, Harkless, CJ e Leonard. Vonleh é o cara que todos têm mais esperança, pois é o jovem com maior potencial no time e, quem sabe, pode ser a solução na posição pro futuro. Harkless acabou não tendo muitas oportunidades em Orlando, mas vai ter suas chances nos próximos anos. Caso mostre jogo, é um bom valor pra manter no seu time. No caso do CJ e do Meyers, não é preciso falar muito pois a gente já tem uma noção do que eles podem fazer e melhorar. É continuar aprimorando as suas habilidades, pois é bem provável que eles farão parte do time nos próximos anos.

            No caso do Aminu e do Plumlee eu não vejo muito como desenvolver o potencial dos dois, e sim já pensando em possíveis Role Players pra um time que tenha pretensões maiores no futuro. Eu não vejo muita melhora pra esses dois jogadores, pode ser que melhorem uma coisa ou outra, mas eles não possuem o mesmo potencial que os mais jovens no elenco. Caso os dois consigam desempenhar um bom papel no esquema do jogo que o Stotts irá montar, talvez permaneçam.

            Mas esse ano mesmo é pra desenvolver esses jogadores e ver quem tem qualidade pra fazer parte da base que se formará em volta do Lillard para as próximas temporadas. Acho que apenas depois da escolha no Draft do ano que vem (Ben Simmons, por favor.), mais a temporada seguinte, vai da pra ter uma noção do pensamento do Blazers a longo prazo.

            Ah, sobre o Mike Miller, ele veio naquela troca com o Cavs, em que o Blazers recebeu, além dele, o Haywood, apenas para aliviar a folha salarial do Cavs (O Blazers recebeu algumas picks de segunda rodada também, se não me engano). Haywood já foi dispensado, e é bem provável que aconteça o mesmo com o Miller. Isso se já não aconteceu, caso eu não tenha visto …rs

          • Entendi. Valeu pela análise novamente! [=
            Eu concordo que, na teoria, é um time com muito mais time que outros que estão em rebuild, hehe. Ficou redundante, mas é bem isso.

            Você não acredita muito no Plumlee? Eu acho ele, no mínimo, curioso. Ele consecutivamente vai jogar pela seleção, sabe? Pode ser que o (insira aqui o nome do técnico do USA, que eu esqueci agora) tenha visto alguma coisa a ser lapidada nele. Seguindo esse raciocínio, penso que talvez ele leve jeito para ser titular no Blazers.

          • Olavo #RipCity #Emerging

            Eu não vejo muita coisa que o Plumlee vá conseguir evoluir no seu jogo, pra falar a verdade. Talvez ele consiga se tornar um melhor reboteiro e tal, mas acho que não passa disso. Ele vai acabar se tornando um bom Role Player e tal, pelo menos eu vejo isso. E é até por esse motivo que eu não gostei muito da troca do Hollis-Jefferson por ele, pois o RHJ tem potencial pra ser um dos melhores defensores da liga, além da chance de desenvolver sua parte ofensiva.

            E sobre ele ir pra seleção do USA, é mais por ele ser um “queridinho” do Coach K do que por outra coisa. Plumlee jogou pra ele em Duke e foi titular em todos os anos lá na universidade, se não me engano. É mais um homem de confiança mesmo, porque em termos de talento têm muitos jogadores mais capacitados que ele.

  • The Real Jay

    Cavs poderia ter Oladipo no lugar do Bennet, escolheu ele que agora ta sem time. Imagina um combo de guards Irving e Oladipo.

    • Leo Lima Bode

      ou poderia ter noel de center rsrs

      • Rodrigo Oliveira

        Eu tinha votado no Noel naquele draft era um jogador alto forte e defensivo , o bennett me pareceu aquele cara muito esforçado na NCAA que seria uma espécie de steal se saisse la para o final de loteria.

  • The Real Jay

    Bennet

  • Lucas Ramos

    Destino?

    • Marcio #Lakers

      vendo essa projeção, como o cavs surpreendeu!

      • Mateus

        E como essa classe de 2013 é fraca

        • Marcio #Lakers

          A pior dos últimos 15 anos!

    • Uncle Drew

      Só retrata a classe horrível q foi a de 2013. Cleveland tinha tanta dúvida sobre os jogadores…, Oladipo ñ fazeria sentido pois já tinha Waiters, todos estavam apavorados com a lesão do Noel, McLemore poderia ter sido a escolha pq pode jogar de SF mas no “March Madness” ele foi um completo fiasco! Ñ procurava o jogo quando Kansas mais precisava dele, Porter era o q mais tinha se destacado na temporada da NCAA mas era apenas um jogador normal – ñ tinha nada de diferenciado pra ser First Pick -. Cody Zeller, q era grande candidato a ser pick 1 antes daquela temporada do basquete universitário começar, ñ caiu no gosto do Cavs pq ñ jogou tão bem como na temporada de Freshman, apesar das boas médias, e o Oladipo ofuscou ele em Indiana. O único q faria algum sentido era o Alex Len, q ainda ñ vingou. Foi um draft confuso demais, um dos piores dessa década. O Draft de 2011 q depois q foi realizado diziam q era um dos piores dos últimos e provou exatamente o contrário, foi infinitamente melhor q este de 2013.
      A escolha do Bennett como pick 1 só reflete o q foi o Draft, com mts dúvidas e muito confuso.

      • Dubnation

        vale lembrar q o cavs poderia ter escolhido o oladipo

        • Uncle Drew

          Ñ faria sentido cara. Eles tinham escolhido o Waiters um ano antes, q é da msma posição. Outra coisa q ocorreu foi q o Oladipo disse q ñ queria ser escolhido pelo Cleveland, pq iria ter minutos reduzidos e lógicamente no Magic iria ter mais espaço, isso acabou pegando meio mal e foi um outro motivo pra franquia ñ escolher ele.

      • Lucas Ramos

        Se vc analisar teria sim pois se ele seleciona o oladipo o time seria mais ou menos assim:
        Irving, Oladipo, Ala, Thompson e Varejão e Waiters de sexto-homem, e no único ano de universidade ele foi o sexto-homem do ano. Teria mais sentido do q o Bennett

    • Não tinha nenhum Mesias realmente nesta Classe, mas em termos de Draft foi ironicamente um dos melhores de todos os tempos em termos de imprevisibilidade. Eu gosto bastante de ouvir o Podcast deste Draft 2013 particularmente, porque ele foi um ”tiro no escuro” para várias franquias com as lesões de Noel & Len.

      Bennett está marcado infelizmente, mas por onde anda também Sergey Kasarev (de longe o melhor europeu desta classe à época)??? Existem bons valores também: KCP, Bebê, Giannis, Steve Adams, Shabazz, Porter, Dipo, Olynyk… Na mesma proporção (ou mais) do número de busts foi um draft muito bom também para ter steals*

      * Tony Snell, Gorgui Dieng, Solomon Hill, Rudy Gobert, Livio Jean-Charles e Mike Muscala.

    • Rodolfo Ribeiro

      Caraca…Lucas Bebê no OKC teria sido muito legal. Um amigo de infância no meu time do coração. Hahaahha

  • Álvaro S.R.

    Para mim ele está longe de ser um jogador ruim, o problema foi ter sido first pick, na verdade essa expectativa em cima dele por causa da primeira escolha que acabou com ele, pois apesar de ser um bom jogador está longe de ser do nível de uma first pick, acredito que se ele conseguir colocar a cabeça no lugar e se dedicar ao jogo pode vir a ser um jogador consistente em alguma franquia.

    • DamonHeat

      vejo bennett como um futuro jogador de duplo duplo.
      problema é como você disse.
      1° pick = no mínimo tem que ser all star.

  • RodrigoHawks

    Graças a Deus Atlanta Pegou o Alemão Dennis Schoroder Nesse Draft que escolha Perfeita

    Letssssss go hawkssssssssss

  • TRUETHIAGO

    Até caberia no roster, mas eu não apostaria. Gostei do que vi do Richaun Holmes na Summer League e o próprio Aldemir anda evoluindo no mid-range, andou convertendo umas bolinhas de fora, também pode jogar de ala-pivô. Além do Landry, que deve ganhar alguns minutos relevantes vindo do banco para ver se atrai algum interessado durante a season.

  • Dubnation

    esse cara é uma piada

  • Zorg

    Bennett é um dos casos mas notórios de jogador que não estava pronto para sair e que apenas vislumbrou os $$$$ mas tb ele não esperava ser o pick 1 ….. a falta de fundamentos (e para alguns de qualidades), problemas de peso e a pressão de ser o nº 1 … transformar o pick1 de 2013 em jogador dispensável (sendo que ele já foi de contra peso para os TW na troca do Love (final de 2014) o que já mostra o quanto ele está desacreditado junto aos GMs) ….. acredito que se ele realmente estiver disposto a vencer na NBA terá que se recriar … começar de baixo, com baixo salário e ir ganhando minutos e confiança da comissão técnica … o ideal seria um time como o Memphis, time pronto, com forte jogo de garrafão, um armador que sabe distribuir a bola e tendo Gasol e Z Bo como mentores ….

  • Thiago

    Não achei a classe de 2013 tão fraca assim não… Oladipo, Noel, Len, MCW, Otto Porter, McLemore, Olynyk, Muhammad, Schroder, Greek Freak, Trey Burke… mtos desses vão estourar na proxima temporada… Oladipo, Noel, Len, MCW, Olynik ja são realidade… não tem nenhum monstro mas é uma classe bem equilibrada

    Já o Bennetão, ainda acredito q ele vai evoluir e melhorar um pouco essa imagem de bust histórico, é claro q por ter sido n. 1 nego vai pegar no pé dele, mas me parece um jogador com bom futuro, é esforçado, forte, tá começando a aparecer nos fundamentos..

  • Luiz Henrique Santos

    Wolves começando a ficar interessante, mas o Toninho Bennett ainda pode ser útil em algum lugar como role player…

  • Alysson Alberto Elias

    O Wolves tá com muito jogador na rotação pivô/ala-pivô. Isso pode limitar o desenvolvimento dos garotos. Acho q eles podem despachar mais uns 2 pelo menos.