Prospecto do Draft 2015 – Frank Kaminsky

Frank Kaminsky

Idade: 22 anos
Universidade: 
Wisconsin
Experiência: 
Senior
Posição: 
Pivô / Ala-pivô
Altura: 
7’0’’ (2.13m)

Médias na temporada 2014-15: 18.8 pontos, 8.2 rebotes, 2.6 assistências, 0.8 roubo de bola, 1.5 toco, 1.6 erro no ataque, 54.7% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 41.6% de acerto nos tiros de longa distância e 78% nos lances livres em 33.6 minutos em quadra.

Pontos fortes: Kaminsky é um pivô muito ágil e móvel para seu tamanho, que corre a quadra com leveza e fluidez. Dono de vasto arsenal ofensivo, a capacidade de pontuar de qualquer lugar da quadra é sua principal virtude como prospecto. Embora não seja explosivo, possui habilidade para finalizar com as duas mãos e bom trabalho de pernas operando próximo da cesta. Seu arremesso de longa distância (41.6% de conversão na temporada passada) é um diferencial para outros homens de garrafão que deve se traduzir muito bem na NBA de hoje. Além disso, ele tem controle de bola e coordenação para atacar a cesta contra marcadores mais lentos. O passe é um aspecto subestimado do seu jogo: mostra boa atenção ofensiva, sabe operar no high post e passa a bola em movimento. Sua inteligência dentro de quadra reflete-se nos baixíssimos índices de erros de ataque. Ter saído de média de 1.8 ponto por partida no primeiro ano na NCAA para ser eleito o melhor jogador universitário em 2015 é a prova incontestável de seu esforço e dedicação refinando suas habilidades.

Pontos fracos: Kaminsky não tem a explosão e condição atlética que se costuma ver em um dos principais prospectos do draft. Sua falta de um físico mais desenvolvido deve trazer-lhe problemas estabelecendo espaço no garrafão e finalizando contra pivôs profissionais. Suas limitações físico-atléticas se traduzem na defesa: ele tem sérias dificuldades para defender atletas mais pesados de costas para a cesta, defender espaço na área pintada e deverá ser batido constantemente por jogadores de perímetro na NBA, mais rápidos e explosivos. Isso sem contar que, apesar de ter bons instintos defendendo o pick and roll, pode estar “preso” entre as posições quatro e cinco. O futuro calouro não projeta ser mais do que um reboteiro adequado no próximo nível, em especial na tábua ofensiva. Com 22 anos de idade e carreira completa na NCAA, é seguro dizer que ele não possui potencial e perspectiva de evolução de outros prospectos da loteria deste ano.

Comparação: Spencer Hawes / Kelly Olynyk

Projeção: De 8ª a 14ª escolha

Confira alguns lances de Frank Kaminsky:

https://www.youtube.com/watch?v=t1v3rRyE2iE

Legenda

Senior – Quarto ano universitário

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • rubem

    Acho que vai ser um bom sexto homem para quem o escolher.

  • Igor Lorenz

    Tem um arremesso mais consistente que o do Hawes e do Olynyk, além de melhor mobilidade e condução de bola. Imagino que seja mais do que os jogadores comparados, tem um grande QI de basquete.

  • Galvão – EL HEAT

    Jesus, ser comparado a Spencer Hawes e Kelly Olynyk é demotivador rs. Acho que a comparação com eles não tem muito haver não, já que ele é mais ágil, tem mais visão de jogo e arremesso muito melhor.

    Eu quero ele no Heat, pois ele é um PF móvel, arremessa bem, e se encaixaria no esquema que jogamos sendo o reserva do Bosh. Um cara extremamente inteligente no jogo, acho que ele tem muito a mostrar ainda, já mostrou ser bem dedicado e focado em melhorar.

    No torneio ele não teve muitos problemas contra caras mais fortes na defesa, tanto que na final o Okafor passou mal com ele na defesa e no ataque. Ele tem facilidade em tirar o adversário da zona de conforto que é debaixo do aro e trazer ele pra fora, chama o bloqueio e parte pra dentro, eu gosto disso nele. E ele vai contra aquele ditado que homens brancos não sabem enterrar rs

    • dumz

      Concordo Galvão! Acho que a comparação com o Spencer Hawes e com o Olynyk não são justas com o Kaminsky !! Ele é muito melhor do que os 2 atletas da NBA.

      Mas entendo isto como uma projeção, tipo, se tudo der errado ele seria como os 2 citados. rs

      Creio que Kaminsky possa ser um bom jogador na Liga. Ele tem um ótimo arsenal ofensivo. Muito bom jogador.

    • Nbarcelos

      Galvão difícil falar que a comparação não serve.
      Ele foi muuuito bem mesmo e fez tudo isso que vc falou contra outros garotos mais novos que ele!! Não acredito muito nele não acho que quando topar por exemplo com Griffin e Jordan ou Monroe e Drummond ele vai ter grandes dificuldades!! Não me iludo com as jogadas dele na NCAA.

    • Galvão ele me lembra o Pau Gasol, inteligente um bom arremesso de media distancia e sabe arremessar de 3. Concordo com vc ele cairia bem no Heat.

    • Maia Bucks

      comparacao infeliz mesmo…

    • Michel Moral

      Nowitzki sempre sofreu dos mesmos pontos fracos citados na matéria.

      O alemão nunca soube lidar com os pivôs. Nunca teve físico para marcar seus oponentes de posição. Porém, veja o estrago que ele faz ofensivamente.

      Acho que Olynyk e Hawes são comparações muito pessimistas também.

  • pedrokadf

    Um dos candidatos a ser draftado pelo Heat junto com Willie Cauley-Stein…
    As comparações com Hawes e Olynyk realmente desanimam, mas realmente tem um Q.I elevado, está pronto para a nba, mas tenho minhas duvidas sobre seu futuro na liga, não creio q será um craque…
    por isso minha torcida é q o Heat selecione Willie Cauley-Stein, apesar de estar menos pronto que o primeiro, tem mais chances de se tornar um bom jogador…
    Go Heat

  • will

    será q ele n seria comparável ao david lee?

    • Olavo #WeAreRipCity

      Nunca …rs

      Estilos totalmente diferentes.

  • Andre Fagundes

    Kelly Olynyk jogava muito em Gonzaga e o jogo dele tá em franca evolução (esse arremesso do perímetro tá ficando consistente) agora quanto ao Frank Kaminsky eu gosto da versatilidade dele e ainda chega no melhor momento pra jogadores de 7’0 que arremessam do perímetro, estão em alta na NBA.

  • R15

    Ser comparado com o Olynyk dói, não consigo imaginar isto, sei que jogar na NCAA é bastante diferente da NBA, mas acho que o Kaminsky será um sexto homem pelo menos confiável de algum time, pontua de todos os jeitos, tem mobilidade e é um bom defensor.

  • Bruno

    Gastar escolha de loteria com isso é lamentavel. Tem o bust escrito na cara.

    • Go Houston

      Não vi vc na minha vida, mas arrisco dizer que tem patético escrito na sua cara

    • Bruno#L.A.L

      não viu a final da ncaa pelo visto

      • Maia Bucks

        nao viu nenhum jogo do cara nos ultimos 4 anos pelo jeito! espero que tenha mais gnt pensando assim e q ele possa cair pro meu Bucks

  • MVBEARD

    Depois que lia as comparações, meu Deus, não quero nem de graça no meu time, kkkkkkkkkkkkkkkk

  • vitorhugo.j3

    O pessoal falando do Olynyk.
    Calma galera, ele está apenas no seu segundo ano na liga, ainda tem muita a mostrar e a evoluir…
    Tem caras que começam a jogar bem mesmo após 3 ou 4 anos de liga. ..

  • Olavo #WeAreRipCity

    Será que a comparação mais viável seria ” Um Mirotic mais alto ” ?

    • Zorg

      Também acho que uma comparação com Mirotic é mais aproximada …. cairia muito bem no Bucks

      • clippão da massa

        Eu acho o jogo dele muito semelhante ao do Paul Gasol, o estilo, claro. quero ele no meu Clippão, que o clippão tá precisando de uns reservas de qualidade.

  • brenoduke

    nossa a galera não sabe diferenciar uma projeção de características,e concordo o Olynyk era destaque em Gonzaga que possui um tradicional programa,esse imediatismo é exagerado.

  • Rafa

    SOFT E BUST!

    Esse tipo de ala/pivo não tem perfil de NBA!

    1 a cada 100 dão certo. (Love)

  • ANTI-SPURS

    Discordo.

    É um jogador muito inteligente com excelente arremesso. Melhorando condicionamento físico tem tudo para ser um all star.

    Só depende dele mesmo.

    • Nbarcelos

      All Star não amigo!! Vamos mais devagar com essa empolgação aí! No máximo um bom Role Player se conseguir fazer seu jogo contra pivôs de elite!!

  • Caio

    Jogador muito bom, inteligente, com certeza dará certo na NBA.

  • RodrighoN

    Ele tem tamanho,habilidades e bom arremesso,so falta a forca fisica para aguentar o tranco,queria saber se o Gazolna epoca de calouro tinha o físico dele.

  • MVBEARD

    acho que será um bom role player, nada além disso

    • Nbarcelos

      é o que eu digo!! O pessoal ta confundindo jogar contra garotos e dominar com jogar com os melhores!!

      • MVBEARD

        Começaram “endeusar” ele nas finais, pessoal se empolga demais lembro que tinha nego falando em pick 1, que era melhor que o Okafor, kkkkkkk pra mim no máximo será escolhido na posição 10,

      • Fernando

        Isso aí… Com todo respeito ao Kaminski (até acho que ele de fato pode ser um bom 6th man para qualquer equipe), se ele fosse jogador pra picks mais altas, já teria se inscrito e sido draftado como freshman…

        Agora como sênior, jogar com garotos 3 ou 4 anos mais novos não é parâmetro para a NBA. Vai ficar por volta da pick 10 mesmo.

        Mas eu apostaria nele com bom role player, como disse o MVBEARD.

  • BOM JOGADOR TEM TUDO PARA SER UM BOM 6 HOMEM NO FUTURO…

  • tiago

    BUST acho que ele não vai ser não. Acho ele um bom jogador e pode sim dar certo na NBA

  • Matheus groovibe

    Pelo menos no Universitário ele arrebentava. Talvez dos prospectos apresentados até aqui o Kaminsky seja o que apresente os melhores números. Na NBA a pegada é outra e ele deve enfrentar algumas dificuldades no início porém o vejo com um bom futuro na Liga.

  • Bruno_Hornets

    Hum esse cheirinho de bust no ar…

  • AlexT-Wolves

    A comparação ta certa ninguém espera que ele se torne um grande jogador na NBA nem ele mesmo.

  • Julio Zago

    Acho uma boa escolha, no time certo ele pode sim render bem e se tornar um jogador sólido. Cairia muito bem no Bucks ou no Kings por exemplo, principalmente no Kings, onde além de suprir uma evidente carência do time na posição 4, ainda formaria uma dupla interessante com o Cousins, podendo espaçar a quadra.
    Discordo de quem diz que ele tem cheiro de bust, o histórico mostra que ele é um jogador inteligente e esforçado, ainda que não tenha uma boa perspectiva de evolução o prospecto pode corrigir algumas falhas e se tornar um jogador sólido na liga, nem só de jogadores atléticos vive a NBA.

  • Maia Bucks

    bucks ja tem ZAZA e HENSON pra pivo, alem de termos JOB pra quebrar um galho ali… mas ainda queria ele… zaza tem contrato pro ano q vem, mas natemporada 2016/2017 poderiamos ter espaco pra ele..

  • TRUETHIAGO

    Eu também achei as comparações válidas, em termos de CARACTERÍSTICAS. Não quer dizer que ele seja “igual” aos citados ou terá o mesmo destino na carreira. Afinal de contas, isto depende de uma série de fatores (franquia que o draftar, esquema de jogo, evolução física, possíveis lesões, etc)

    Tem boa técnica, inteligência ofensiva, capacidade de arremessar acima da média para sua altura, enfim, dentro de um time coletivo, com movimentação de bola e tal, pode ser bastante útil sim. Draft não serve simplesmente recrutar futuros All-Stars ou HOF e nem equipes vencedoras são feitas apenas de craques.

    • TRUETHIAGO

      *Quem lia os comentários dos tópicos da NCAA na temporada sabe que eu vejo semelhanças e falava que ele tinha um estilo BARGNANI

      • André Fagundes

        Acredito que o italiano não tem o handling o mr. K.

  • Álvaro S.R.

    É um ótimo jogador, pivô com agilidade que possui boa finalização tanto próximo da cesta, como a longa distância, jogador muito versátil e que é ótimo em espaçar a quadra, gosto do jogo dele e de como funcionou bem na NCAA, não sei ao certo como vai se sair na NBA, pois deixa a desejar defensivamente até pela falta de condição atlética que tem, lógico que se analisarmos seus confrontos contra pivôs mais físicos como Towns e Okafor veremos que ele foi bem na defesa, muito pelo fato de ter mais experiência do que esses, mas na NBA onde será um rookie pode vir a ter complicações para marcar pivôs com físico de NBA como Drummond, Cousins, Howard, etc.

  • Rapha-11

    Queria um SF para Detroit, preferencialmente o Winslow ou o Johnson. Mas considerando o gosto do Van Gundy por alas pivôs que jogam espaçando a quadra, não me surpreenderia, e tampouco me decepcionaria, se ele fosse para o Pistons.

  • Marcos Gordinho

    Soft por soft ele poderia ter ido para o Heat e livrar o Miami do contrato de Bosh.