Prospecto do Draft 2015 – Stanley Johnson

Stanley Johnson

Idade: 18 anos
Universidade: Arizona
Experiência: Freshman
Posição: ala
Altura: 6’8’’ (2.03m)

Médias na temporada 2014-15: 13.8 pontos, 6.5 rebotes, 1.7 assistências, 1.5 roubo de bola, 0.4 toco, 2.2 erros de ataque, 44.6% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 37.1% de aproveitamento nas bolas de três pontos, 74.2% de conversão nos lances livres, 28.4 minutos em quadra

Pontos fortes: um dos prospectos mais jovens da classe deste ano, Johnson tem atributos físico-atléticos para ser um defensor de elite na NBA. Ele utiliza muito bem sua envergadura e suas mãos grandes para cortar linhas de passe e contestar arremessos. Excelente defensor sem a bola, Johnson também é um ótimo finalizador em transição. É importante ressaltar que ele não evita o contato nas infiltrações. Devido à sua agressividade no ataque, vai muito para a linha do lance livre. Johnson é dono de um arremesso de longa distância em franca evolução. Além disso, ele tem um bom controle de bola e um grande QI de basquete. Seu esforço, liderança e foco em quadra, mesmo com a pouca idade, fazem de Johnson o jogador que todo técnico gostaria de comandar.

Pontos fracos: seu chute de média distância é pouco consistente, já que sua mecânica de arremesso deixa a desejar. Aliás, essa é uma área que precisa ser bem trabalhada para que ele seja mais efetivo na NBA. Além disso, Johnson precisa melhorar a seleção de arremessos, já que força muitos chutes quando é bem marcado. Às vezes, ele joga com tanta vontade que acaba cometendo erros tolos. Intensidade em quadra é importante, mas na dosagem errada pode comprometer o desempenho da equipe.

Comparações: Ron Artest antes de enlouquecer (ex-Indiana Pacers) e Jimmy Butler (Chicago Bulls)

Projeção: entre as escolhas 6 e 13

Confira alguns lances de Stanley Johnson

https://www.youtube.com/watch?v=-KtDtQ97bLk

 

Legenda
– Freshman (primeiro ano universitário)

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.
  • Bruno#L.A.L

    Ron Artest antes de enlouquecer kkkkk , mais Ron Ron era mito demais se o Stanley for igual ele estará de bom tamanho e o Butler tb é um bom jogador !

  • Olavo #WeAreRipCity

    Meu jogador favorito nesse Draft. Pegaria ele no Top 5 fácil.

  • Deveria ficar mais um ano na Ncaa evoluindo seu jogo muito jovem,mas tem potencial a sua 1 temporada na nba concerteza sera sofrivel…

  • Quando li os pontos fortes dele, lembrei logo do Kidd-Gilchrist…

  • rubem

    Vai ser um bom jogador…mas poderia ficar mais 1 ano.

  • Álvaro S.R.

    Bom jogador, mas ainda é muito jovem, acredito que o ideal para ele seria ficar mais um ano no univeritário, é um defensor agressivo no perímetro, é bom reconhecedor de jogadas o que faz com que intercepte muitos passes, e no ataque é bem agressivo em relação ao aro o que faz com que bata muitos FT’s, ainda é inconsistente nos arremessos, mas é uma habilidade que ele vem melhorando gradativamente, precisa melhorar sua mecânica e suas escolhas de arremesso como bem ressaltado na análise. Acredito que ele é um ótima opção para uma franquia que posssa se dar ao luxo de esperar por sua evolução, afinal é mais jovem do que os outros prospectos desse draft.

  • Junior Andrade

    Ron Artest antes de enlouquecer foi a melhor

  • Rapha-11

    VEEEEM PRA DETROIT! Esse é meu favorito no draft!

    • Rapha-11

      Ron Artest antes de enlouquecer kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • charles

      Também o quero em Detroit.

  • robertolakers

    Ron artest e Jimmy Butler ? Esse cara defende assim ?

  • Mailson

    kkkkkkkkkkkkkk

  • 55marcoac

    Jimmy Butler?? Cairia como uma luva no Heat. Logo na nossa posição mais carente.

  • Andre Fagundes

    Se o Ron Artest foi All-Star então é uma boa de comparação. Acredito que ele pode dar muito certo na NBA pelos instintos de defesa e porque é um jogador que precisa de espaço (que a NBA vai oferecer). Lembra muito a transição do MCW pra NBA, mas precisa evoluir no arremesso pra se consolidar.

  • brenoduke

    realmente lembra o Gilchrist,possui um ótimo fuutuuro ainda muito cru mas vale o risco ao meu ver.

  • LucasRap

    Rachei com o “Ron Artest antes de enlouquecer” kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • TRUETHIAGO

    Pra mim, o Hollis-Jefferson (companheiro dele em Arizona) é quem lembra bastante o Kidd-Gilchrist, defensor ainda mais completo, porém menos técnico.

    Stanley decepcionou no March Madness, mas durante a temporada mostrou boas virtudes. Acho que até faz sentido traçar um paralelo com “Metta World Peace”, só que vejo ele seguindo uma linha mais próxima de um ala estilo Rudy Gay, sobretudo no ataque.