Prospecto do Draft 2019 – Joshua Obiesie

Por Gabriel Andrade

Joshua Obiesie

Idade: 19 anos
País: Alemanha
Time: Oliver Baskets Würzburg (Alemanha)
Posição: ala-armador / armador
Altura: 6’6’’ (1.98m)

Médias na FIBA Europe Cup 2018-19: 8.6 pontos, 3.0 rebotes, 2.0 assistências, 0.3 roubada de bola, 0.1 toco, 1.9 desperdício de bola, 46.6% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 40.9% de aproveitamento nas bolas de três pontos, 58.3% de aproveitamento nos lances livres, 17.3 minutos em quadra

Médias na Liga Alemã 2018-19: 5.5 pontos, 1.8 rebotes, 1.0 assistência, 0.5 roubada de bola, 0.3 toco, 1.3 desperdício de bola, 41.7% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 20.0% de aproveitamento nas bolas de três pontos, 88.0% de aproveitamento nos lances livres, 15.0 minutos em quadra

Pontos fortes

  • Combo guard grande que se sobressai em um estilo físico e explosivo, possui primeiro passo rápido e seu conjunto de tamanho e envergadura (1.98m) são ótimas para alguém projetado como ballhandler

  • Possui um estilo de jogo agressivo e cheio de swag, gosta de atacar com explosão em infiltrações e adora arremessar após o drible, especialmente após o pick-and-roll na meia distância

  • Seu conjunto de capacidade atlética e altura/envergadura lhe projetam como defensor capaz de marcar, ao menos, as posições 1 e 2 no nível da NBA

  • Bom reboteiro para a posição que ataca a tábua defensiva com agressiva e busca acelerar em transição, bom em situações de grab-and-go

  • Playmaker sólido capaz de acionar os companheiros após quebrar a defesa utilizando seu primeiro passo explosivo e capacidade atlética, possui visão de jogo para executar passes para o lado contrário

  • Faz bom trabalho quando acionado em jogadas de elevador, corte em zíper ou outras que o coloquem em movimento

  • Talento natural físico e técnico, auxiliado com a idade lhe dão um dos maiores upsides fora da primeira rodada do Draft, muito de seu jogo baseado em instintos e agressividade é difícil de se ensinar

Pontos fracos

  • Depende muito dos instintos para produzir ofensivamente, não se trata de um jogador com polidez e de grande QI de Basquete para ler as situações táticas e tomar as melhores decisões.

  • Sua seleção de arremessos é questionável, infiltrando em espaços fechando e buscando chutes contestados de meia distância, pouco paciente e inteligente na escolha de seus chutes

  • Precisa melhorar no dinamismo de seus arremessos, inconsistente em basicamente todos os tipos de chute de três pontos, incluindo quando recebe parado e sem marcação

  • Extremamente dependente da mão esquerda neste ponto da carreira, pouco infiltra ou utiliza o lado direito em infiltrações

  • Comete um número extremamente elevado de desperdícios de bola, precisa cuidar melhor de seu drible e de suas decisões

  • Lapsos defensivos lhe impedem de ser efetivo neste setor da quadra, toma cortes por trás de suas costas e não é muito atento a suas responsabilidades defensivas coletivas

  • Ainda não é desenvolvido em termos de força nos membros inferiores e superiores, tende a ter dificuldades quando enfrenta contato nos dois lados da quadra

  • Acumula pouquíssima experiência a nível profissional. Neste ponto da carreira, ainda é apenas um projeto a longo prazo que não tende a ter grande impacto caso vá para a NBA no próximo ano.

Comparações: Dylan Ennis (Andorra-ESP) e Issuf Sanon (Petrol Olimpija-ESL)

Projeção: entre as escolhas 40 e 60

Confira alguns lances de Joshua Obiesie