Prospecto do Draft 2019 – Zion Williamson

Zion Williamson

Idade: 18 anos
País: Estados Unidos
Universidade: Duke
Experiência: freshman
Posição: ala-pivô
Altura: 6’7″ (2.01m)

Médias na última temporada: 30.0 minutos, 22.6 pontos, 8.9 rebotes, 2.1 assistências, 2.1 roubos de bola, 1.8 tocos, 2.4 erros de ataque, 68.0% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 33.8% de acerto nos tiros de longa distância e 64.0% de conversão nos lances livres em 33 jogos disputados

Pontos fortes

– Williamson é dono de uma combinação assustadora, nunca vista antes na história da liga, de condição atlética de elite e descomunal força física. Seu perfil está mais próximo de um prospecto da NFL do que da NBA.

– Extremamente ágil e coordenado para um jogador de seu peso. Movimenta-se de forma fluida e leve pela quadra, com excelente velocidade em posse ou sem a bola nas mãos.

– É um atleta que joga com extrema vontade e aguerrimento, luta por cada posse de bola com entrega incomum em um prospecto de elite. Como dizem os norte-americanos, seu motor nunca para.

– O jovem projeta ser um verdadeiro terror no jogo de transição, uma vez que já combina incríveis ferramentas físico-atlética a uma boa tomada de decisão tanto “puxando” contra-ataques, quanto preenchendo linhas de passe.

– Mas Williamson não é só um finalizador de elite em quadra aberta, no jogo de transição. Seu corpo forte e instintos agressivos fazem com que também seja impressionante nas finalizações em tráfego.

– Apresenta uma notável evolução técnica ao longo dos anos: era muito conhecido estritamente pelas enterradas quando mais jovem, mas, hoje, mostra constante aprimoramento em quesitos como controle de bola, passe e arremessos.

– A capacidade de passe é, provavelmente, o ponto mais subestimado de seu jogo. Enxerga a quadra com bastante lucidez e é capaz de distribuir passes difíceis entre marcadores, o que evidencia potencial executando drive and kicks.

– Williamson é um reboteiro ofensivo de alto nível, que ocupa muito espaço e quase impossível de ser parado quando ataca o aro em progressão. Adequado, apesar de nada incomum, nos rebotes defensivos.

– Talento geracional em termos de versatilidade defensiva: possui presença e força física para marcar o garrafão, enquanto também é ágil e explosivo para manter-se na frente de armadores e alas. Tem potencial para marcar as cinco posições.

– Seus instintos ofensivos são extremamente apurados para um garoto de 18 anos, protegendo o aro ou quebrando linhas de passe, o que reflete-se em suas altas médias simultâneas de tocos (1.8) e roubos de bola (2.1).

– Trata-se de um encaixe perfeito na NBA atual por sua versatilidade nos dois lados da quadra. Deverá ser extremamente beneficiado pelo espaçamento da NBA, em contraste com o “afunilado” basquete universitário.

– A combinação de talento natural, vontade em quadra, perfil trabalhador e postura centrada de Williamson é absolutamente rara. Parece ser a receita ideal para um futuro superastro da NBA.

Pontos fracos

– Embora seja um atleta de elite, Williamson não possui altura e envergadura ideais para marcar alas-pivôs e pivôs de ofício no próximo nível. Tal problema é atenuado, porém, pela tendência de times usarem formações baixas na NBA.  

– Seu peso (129 kg.) é algo bastante incomum na liga atual. Ele vai chegar ao nível profissional sendo, instantaneamente, um dos jogadores mais pesados da NBA – e, certamente, o mais pesado entre os alas-pivô.   

– Possui notória preferência por operar e finalizar utilizando a mão esquerda, o que pode torná-lo previsível. Defesas profissionais, claro, estarão preparadas para forçar o uso da direita.

– Seu controle de bola precisa de maior refinamento: até tem muita desenvoltura atacando em linhas retas, mas carece de movimentos mais avançados e troca de direção. Sua mão pequena não ajuda, nesse sentido.

– Williamson não é um grande arremessador e seus 64% de aproveitamento nos lances livres não são um sinal animador de potencial. É dono de mecânica de tiro lenta, com baixo ponto de lançamento e mãos pequenas.

– Sempre foi um “homem jogando contra crianças”, pela vantagem físico-atlética em todos os níveis pelos quais ele passou. Essa diferença nunca será tão pequena – ou até poderá não existir – no próximo nível.

– Não se trata do líder de franquia, aquele jogador que cria o próprio arremesso e marca 25-30 pontos por partida, no sentido tradicional. Nesse momento, as suas habilidades atuais sugerem mais um super-role player do que um superastro.

– Sua combinação de condição atlética, explosão e físico “pesado” sempre causará dúvidas sobre durabilidade. Até que ponto alguém com esse perfil improvável pode evitar lesões graves e danos físicos?

Comparações: Larry Johnson (ex-Knicks) e Charles Barkley (ex-Suns)

Projeção: Primeira escolha geral

Confira alguns lances de Zion Williamson

Legenda
freshman (primeiro ano universitário)

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Diego Costa

    Esse aí vai levantar muito o público no MSG. Zion e seu jogo assombroso é a combinação perfeita pros holofotes de NY

    • GarPax

      Quem garante que ny ficará com a pick 1?

      • Diego Costa

        Eu.

  • LeBrOSMAN⚔️O Draft é logo ali

    “– Não se trata do líder de franquia, aquele jogador que cria o próprio arremesso e marca 25-30 pontos por partida, no sentido tradicional. Nesse momento, as suas habilidades atuais sugerem mais um super-role player do que um superastro.”
    Concordo, e até pela forma como o Coach K usou ele em Duke, fica realmente difícil de prever q ele vai ser aquele típico “Go-to-guy”, o cara da equipe nos momentos finais. O Barrett sempre tomava conta dos arremessos decisivos (e falhava miseravelmente nisto, por vários fatores, inclusive as jogadas previsíveis armadas para ele).
    Até por isso, eu acho q uma comparação de potencial do Zion pode ser como uma evolução do Draymond Green, inclusive mais versátil do q o Green. Personalidade mt parecida em quadra, q gosta de inflamar a torcida na medida certa, mas sem o trash talk ou intimidação cara a cara do Green. É o “coração” da equipe, mas ñ é o jogador q vai tentar o último arremesso (ñ se viu isto ainda do Zion).

    • GarPax

      Melhor comparação

    • Thalles Ferreira

      Um Draymond Green que domine o garrafão seria brutal pra qualquer time da NBA. Só que o Green arma o jogo como poucos PF e esse aspecto é, além de muito subestimado, não é característica do Zion, pelo menos por enquanto.

  • Parece um tipo raro de jogador hoje em dia, daqueles que soam sangue e jogam por todos. Ansioso para vê-lo na NBA, apesar de não achar que ele terá uma grande carreira se mantiver esse peso absurdo.

  • Vitor

    A grande questão aqui é o potencial. Ele tem teto atlético infinito e mostra evolução técnica absurda ano após ano. Os últimos 3 jogadores que vi com esse perfil foram Antetokounmpo, Davis e Embiid, e os 3 atingiram níveis em suas carreiras que não eram tão óbvios quando ainda não estavam na liga. Não tem como passar o Willamson na primeira escolha, não pelo piso dele, mas pelo teto, que talvez nem exista.

    • Celtics pride

      Antetetokounmpo era desconhecido no draft não mostrava nada disto nem nos seus 2 primeiros anos na liga nem aparentava atingir esse nível, foi uma aposta correta de Milwaukee sim, mais era desconhecido tanto que foi uma pick de final de Loteria diferente de Davis e Zion

      • Vitor

        Sim, mas ele possuía o perfil que eu destaquei. Uma aberração física que mostrava impressionante evolução técnica ano após ano. O fato dele ser desconhecido na época (o próprio jumper errou o nome dele no prospectos do draft) não exclui ele do perfil citado.

      • Alex Alves

        Todos comentavam da envergadura e do corpo do Giannis (que existia um bom potencial) mas era um projeto a longo prazo e que teria grande chance de dar errado.

      • Flavio Cristiano Saldanha

        Mas o caso de Giannis é que ele não jogava nos EUA, se ele jogasse lá com o físico que tinha na época seria muito visado, pode ter certeza.

        • Celtics pride

          Donic também não jogava nos EUA e o hype em cima dele já era muito grande antes do draft, diferente do Grego

          • Flavio Cristiano Saldanha

            Mas o caso de Doncic é diferente do grego também, porém todos sabemos que o Doncic não foi a primeira escolha devido a jogar na europa. Mas ao contrário de Doncic que jogava no Real Madrid o Greek Freek jogava em um time que não tinha tanta visibilidade internacional igual ao Real, Barça, Fernebache, entre outros grandes da europa.

    • Timóteo Rezende Potin

      Esqueceu de citar Bruno Caboclo, o Kevin Durant Negro.

  • Gustavo

    Zion é o jogador mais jovem do Draft, o melhor sem duvida nenhuma, um dos mais inteligentes, um dos melhores defensores (tanto defendendo o aro quanto no perímetro) e o mais dominante. O ponto de interrogação que eu colocaria, é sobre a capacidade que ele terá de pontuar na NBA, porem, fico um pouco tranquilo quanto a isso pq o espaçamento da NBA vai permitir ele explorar muito mais as infiltrações, e como ele é um jogador muito inteligente acredito que vai conseguir lidar com isso.
    Sobre o arremesso dele, acho que com treino ele vai aprimorar, pelo menos ele tenta e tem a consciência de que precisa ter um arremesso minimamente bom pra poder matar umas bolinhas quando estiver livre.

  • Edu Silva

    Eu não pegaria o Zion na Pick 1… RJ é o cara que eu draftaria

    • RodrigoBrBa

      Tá querendo virar GM do kings? Hahahaha

      • Edu Silva

        Acho que até o Lele junto com o Diego Costa, saindo na porrada, fariam um trabalho melhor que o cara do Kings.

    • Thiago Gama

      Penso assim também, mas é quase impossível de se deixar o Zion passar na Pick 1. Vejo o RJ com um futuro mais previsível e uma aposta certa. Mas deixar o Zion que tem um potencial pornográfico seria no mínimo loucura, possa ser que não vire o jogador que todos imaginam que ele será, mas GM nenhum quer carregar esse peso na história. Pensar que o Portland deixou passar o MJ e o Durant kkkkkkk

  • Erich Zager

    Novo Shawn Kemp

    • Claudio R.

      dificil, o Kemp era mais magro que o Zion, e pulava muito, porem o Zion é muito mai forte e pesado com uma impulsão muito boa tbm…. acho ele mais parecido com o Barkley e Green

  • felipe fernando Oliveira

    Acompanho esse garoto a 3 aNos. E pra mim ele sempre seria o cara das enterradas da semana. Mas seu crescimento técnico foi tão grande que me surpreendeu positivamente. Sem duvida será o 01 desse draft merecido.

  • Fora Abel PRAGA

    Tava pensando aqui, o Knicks se der tudo certo e a franquia atrair 2 FA de peso seria bem prudente incluir o Zion em um pacote pelo Davis, já que esse draft de 2019 tem muita gente dizendo que é fraco mas tem uma pick 1 das mais desejadas dos ultimos anos, alguem ve mais algum time que poderia fazer um movimento de troca caso conseguisse o Zion?

    • Renan Castro

      Qual o sentido de fazer uma troca envolvendo o zion ? Um jogador que pode se tornar algo semelhante ao Giannis e virar o ”jogador” de uma determinada franquia, além de ter status de futura estrela, o zion é muito popular nos EUA, com certeza a franquia que draftar vai receber muita coisa, publicidade, um publico grande, maior visibilidade na liga e ser um atrativo pra jogadores no futuro. Ele vai ser algo muito parecido com o que foi o lebron no seu inicio, se vai jogar melhor ou pior não sabemos, mas o impacto inicial vai ser muito parecido não só dentro de quadra.

      • Maicon Gomes

        Davis >>> Zion, esse é o sentido ue. Claro que a equipe ganhará muito dinheiro com publicidade o escolhendo, mas com o Davis vai ganhar também e o ganho técnico tem nem comparação entre um e outro.

        • Elinho

          Não esqueçamos q o Davis é de vidro. Talvez Zion tbm se torne, mas acho q vale mais aposta no novato do q o trocar com Davis. Até pq se o time não vingar de primeira a chance dele meter o pé e grande. Trocar um dos prospectos mais “hypados” da história por 1 ano de Davis seria trágico.

          • Fora Abel PRAGA

            Por isso que essa troca so seria viavel em um time para competir já pelo titulo, se o Knicks consegue Durant+Davis+ AS, é um time que obviamente vai lutar por titulos.

          • Maicon Gomes

            Davis tem média de 68 jogos por temporada na regular, e esse número só não aumentou por causa da putaria que foi essa de agora, onde ele fez apenas 56 jogos.

            Knicks tava na suposta lista de times que o Davis renovaria contrato. Então não seria apenas um aluguel a princípio.

      • Fora Abel PRAGA

        “se vai jogar melhor ou pior não sabemos” ai é que está, ate agora o Zion nao passa de uma grande aposta, já o Davis já é um dos melhores da liga e é bem dificil imaginar que o Zion consiga ser o que o Davis é hoje, só olhar a quantidade de promessas que realmente atingem tudo que se esperam dela, no mais até falei o pacote porque acho dificil ir somente o Zion pelo Davis, devem incluir mais alguma coisa como o DSJ por exemplo. Então se alguma franquia quiser resultados para o proximo ano sem duvida é mais negocio contar com o melhor PF da NBA e que tem somente 25 anos.

      • Gustavo

        O sentido é conseguir o Davis, que já é uma estrela e tem apenas 26 anos de idade.
        Claro que pra valer a pena, é necessário um comprometimento de longo prazo por parte do AD. Tendo isso, vale muito a pena sim.

  • GarPax

    Achei o Zion muito baixo 2.01m na NBA pode interferir
    Digo ter o mesmo impacto que obteve em Duke
    Eu pegaria um prospecto mais talentoso
    Ele é força e com essa altura não terá o mesmo impacto que outros

    • Alex Alves

      Realmente para comparar o Tatum e o Hayward (que geralmente joga na 2° tem 2,03).

      * Porem ele possui a altura do Draymond Green 2,01 (ele é um ótimo jogador mas longe de ser um FP).

  • Julio Zago

    Como eu já disse aqui tenho sérias dúvidas em relação ao Zion e ao impacto que ele vai causar, concordo com o texto e não o vejo com capacidade para ser FP.
    Na NBA ele não terá tanta vantagem física sobre os seus marcadores e seus pontos fracos vão ser muito mais expostos, em especial o arremesso e a dificuldade em finalizar com a mão direita.
    Tenho minhas dúvidas sobre quem pode ter mais impacto na liga, Zion, Barrett ou Morant.

  • Nilton Bitencourt

    NYK, Suns e Cavs pegam o Zion o Bulls não sei acho que iria de Morant.

    • GarPax

      Iremos e novamente seremos um dos grandes vencedores do draft como com markkanen

  • Gustavo

    Dos times com mais chances no sorteio, gostaria de vê-lo no Hawks.

    O time de Atlanta já tem peças interessantes e acho que o Zion se encaixa bem demais nesse projeto de emular o Warriors que estão tentando implantar. Zion seria a âncora defensiva do time, executando o papel que cabe ao Green em Oakland, com o bônus de ter um potencial ofensivo absurdamente superior.

    Hawks se tiver uma boa dose de sorte sai desse draft com
    Trae / Lin
    Huerter / Bembry
    Bazemore / Prince
    Zion / Spellman
    Collins / Len

    E com a escolha do Mavs podem ir de Langford, Clarke, Hayes ou até numa aposta mais ousada, Bol Bol

    • Thiago Marques

      Jeremy Lin? Se for, ele tá no Toronto mano, e se n me engano o Collins é PF igual o Zion

      • Gustavo

        Verdade, viajei no Lin

        Sobre o Collins de fato é PF mas acho que da pra fazer um small ball com os dois juntos.

        • Thiago Marques

          Sei lá, o Collins n defende nada

  • rafael machado

    Pra mim ele tem um problema sério de tamanho e peso. Pode ser um cara atlético, mas penso que com todo esse peso ele vai acabar tendo lesões graves. Quanto ao tamanho… Vai ter dificuldade contra PFs maiores e até com alguns SFs por não ter grandes mãos e envergadura.

    • Claudio R.

      acho que no primeiro ano ele vai tomar muita bola em trasição de armadores mais rapidos e explosivos… pra ele marcar Kevin Durant, Giannis Antetokounmpo e LeBron James, ou seja caras mais rapidos e altos que ele, será dificil, porem tem um senso de cobertura muito bom, pode ser que ele repita o que o Draymond Green faz, ache seu nicho na defesa nas coberturas…. Pra mim ele será uma fusão de Charles Barkley e Draymond Green