Desmond Bane

Idade: 21 anos
País: Estados Unidos
Universidade: TCU
Experiência: senior (quarto ano universitário)
Posição: ala-armador
Altura: 6’6″ (1,98m)
Envergadura: 6’5″ (1,96m)
Peso: 98 kg

Médias na última temporada: 16.6 pontos, 6.3 rebotes, 3.9 assistências, 1.5 roubo de bola, 0.5 toco, 2.3 desperdícios de bola, 45.2% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 44.2% de aproveitamento nas bolas de três pontos, 78.9% de aproveitamento nos lances livres, 36.0 minutos por jogo

Pontos fortes

– ala-armador dotado de muita força física, com o corpo pronto para encarar o basquete profissional, que joga sempre com muita intensidade, apesar das limitações atléticas
– elevado QI de basquete nos dois lados da quadra; não força arremessos, sabe manipular a defesa adversária (com fakes, utiliza bem os screens), tem boa tomada de decisões (sólido passador no pick-and-roll), exibe avançados fundamentos defensivos (sabe se posicionar, não se perde nas trocas de marcação, trabalho de pés elogiável, excelente na defesa de ajuda)
– sólido finalizador ao redor da cesta; não foge do jogo mais físico, utiliza bem sua força física para finalizar com ambas as mãos, mesmo quando sofre contato, controle corporal elogiável
– ótimo arremessador, seja parado ou em movimento; apesar da mecânica pouco ortodoxa (mas tem elevação e a bola sai rapidamente de suas mãos), mostrou um chute consistente do perímetro e é considerado um dos melhores arremessadores da classe deste ano, ótimo nas situações de catch and shoot (recebe a bola e arremessa), excelente no spot up (quando recebe a bola parado em uma região da quadra e arremessa) e nos arremessos após o drible (ótimo stepback)
– mentalidade coletiva; incansável em quadra, atua sempre com muita disciplina, dedicação e em prol do time, não hesita em criar chances para os companheiros, pode atuar perfeitamente como ballhandler secundário, não precisa da posse da bola para ser efetivo em quadra
– chega à NBA para contribuir de imediato, tem os atributos necessários (força física, arremesso consistente do perímetro e elevado QI de basquete nos dois lados da quadra) para estabelecer uma carreira sólida como role player, forte candidato a steal no recrutamento

Pontos fracos

– não chama a atenção pelos atributos atléticos, agilidade lateral deixa a desejar, braços curtos, não é explosivo, não tem grande impulsão, sua condição atlética impõe possíveis limitações à produção no próximo nível, seja como finalizador ou como marcador de adversários mais rápidos e longos
– controle de bola apenas mediano, carece de refinamento na mudança de direções
– não foi tão eficiente arremessando da média e curta distância como no perímetro; precisa melhorar seu toque nos arremessos próximos à cesta, seu floater ainda não é consistente
– precisa melhorar a movimentação sem a bola e se estabelecer como cutter (jogador que se movimenta subitamente buscando uma melhor posição para finalizar)
– oferece pouco upside

Comparações: Malcolm Brogdon (Indiana Pacers) / Alex Caruso (Los Angeles Lakers)

Projeção: início de segunda rodada

Confira alguns lances de Desmond Bane