A próxima bomba-relógio

Por Ricardo Romanelli

Times na NBA são construídos sob um véu de incerteza e pressa. Os aspectos que tornam uma equipe vencedora são muito mais amplos do que é possível analisar durante uma contratação ou uma troca. E o sentido de urgência dos principais atletas em vencer um título pressionam franquias a montar o melhor elenco possível para não correr o risco de perdê-los na agência livre.

Com isso, volta e meia assistimos a alguns impasses de estrelas e franquias insatisfeitos um com o outro, buscando uma saída para sua situação. Nesta offseason, vimos vários desses cenários chegarem a um ponto de ruptura, com as trocas de Carmelo Anthony, Paul George e Jimmy Butler sendo os principais pontos de mudança.

Muitos outros atletas de ponta também trocaram de time, e agora parece que a NBA está, mais do que nunca, dividida entre alguns times que possuem pretensões na temporada e outros que estão estacionados esperando a próxima oportunidade de adquirir um astro para seu time.

No entanto, a próxima “bomba-relógio” a detonar parece certa: o New Orleans Pelicans.

Entendam, não é que eu esteja torcendo para o Pelicans dar errado. Muito pelo contrário, me agradaria demais ver o experimento Anthony Davis/DeMarcus Cousins dar certo. Os dois estão entre meus jogadores preferidos da liga, e seria um modelo diferente do reinante small ball a ter sucesso na NBA.

Mas a questão é que a diretoria do Pelicans não conseguiu montar um elenco competitivo o suficiente no entorno deles.

Quando a troca foi feita, lá na época do All-Star Game deste ano, o Oeste era outro. A dupla de estrelas no garrafão parecia mais do que suficiente para, na próxima temporada, brigar com Oklahoma City Thunder, Memphis Grizzlies e Portland Trail Blazers pelas três últimas vagas dos playoffs. Com sorte, alguns agentes livres se seduziriam pelo prospecto de jogar com um garrafão dominante e reforçariam o time na offseason. A partir daí, a coisa começou a piorar.

O Pelicans não conseguiu convencer nenhum reforço de peso a se juntar ao time. Rajon Rondo, que vem de muitas temporadas duvidosas  seguidas na carreira, foi o principal nome a reforçar as fileiras do time de New Orleans. Para ajudar, o Oeste se tornou ainda mais selvagem e competitivo. O Thunder, com quem o Pelicans projetava brigar, parece agora muito distante. Minnesota Timberwolves e Denver Nuggets, fora dos playoffs no ano passado, são quase certezas para esta temporada depois de offseasons espetaculares. Utah Jazz e Memphis Grizzlies enfraqueceram, é verdade, mas ainda têm, na minha opinião, times mais consistentes que o do Pelicans e saem na frente na briga pelas vagas finais nos playoffs. Isso sem falar no Blazers, oitavo colocado do ano passado, que vai ter um ano completo com Jusuf Nurkic e mais um passo da evolução do fenomenal Damian Lillard.

Com tudo isso, de repente, o Pelicans ficou exposto. O time tem dois astros, mas um elenco mal montado e um técnico muito fraco para lidar com um vestiário composto por Cousins e Rondo. Some-se a isso o iminente término de contrato do pivô, a grande classe de agentes livres no ano que vem e diversos times preparando a folha salarial para tentar contratar duas ou mais estrelas. Cousins terá 28 anos ao começo da próxima campanha da NBA, e é certo que vai buscar uma situação vencedora. Vale lembrar que, na liga desde 2010, ele nunca se classificou para os playoffs. Para um jogador do nível dele, neste ponto da carreira e com a trajetória que percorreu, vencer vai ser o mais importante.

Então, esse é o dilema do Pelicans. Os primeiros 30 jogos vão definir o que o time é, ou não é. Vale lembrar que, normalmente, problemas de limitação de elenco e, principalmente, indisciplina de vestiário são quase que inteiramente mitigados por campanhas vencedoras, então não significa que este time é necessariamente um caso perdido.

Mas cuidado, se as vitórias não vierem (e logo), não tenho dúvidas que essa é a próxima bomba-relógio a explodir na NBA, podendo inclusive o Pelicans decidir trocar Cousins antes da data limite, em fevereiro.

De novo, não torço para que isso aconteça. Quero muito que esta dupla dê certo, mas infelizmente não enxergo essa possibilidade no momento. Sorte ao Pelicans, pois vai precisar.

  • Excelente. Infelizmente o elenco HORROROSO acaba diminuindo o impacto IMENSO que a dupla de garrafão traz. O que ambos fizeram na reta final do ano passado e no primeiro jogo dessa temporada é algo assombroso, absolutamente dominante. São responsáveis por mais de 50% dos pontos e rebotes do time, isso é inacreditável.

    Uma pena ver algo tão certo dando tão errado por outros motivos.

    OFF: Tem vaga para redator/colaborador?

  • Brinell Arcanjo

    Tenho esperança de ver esse time funcionando, pelo menos pegando as ultimas vagas de playoff, mas no perimetro eles sao muito ruins. Vamos ver se com rondo melhora.

    • Alex Alves

      Torço muito para eles funcionarem, a cidade de Nova Orleans merece muito.

  • Marcelo

    Tomara que o Pelicans dê certo!
    Porém, já imaginaram se Cousins/Davis estivessem em elencos de ponta nesta temporada ou próxima?
    Um elenco com Russ, PG, Melo, Cousins/Davis, Roberson
    Ou
    K.L, Parker, Cousins/Davis, Lamarcus
    Ou
    Harden, Paul, Cousins/Davis, Capela…
    Ou
    James, Wade, Cousins/Davis, Love…
    Ou até mesmo o próprio GSW!

    Qualquer um destes seriam franco favoritos para vencerem os Warriors.

    Acredito que se OKC, HOU, Spurs manterem seus astros e abrirem muito espaço no CAP, qualquer um destes times citados seria muito mais favorito que o GSW atual.

    • Paulo Victor

      Thunder e Spurs não tem como pegar o Cousins na FA que vem por causa do Cap mas o Rockets vai ter espaço.

      • Maicon Gomes

        Só se não renovar com o Paul e o Ariza.

        • Rogério Rodrigues

          Eles vão ter os birds rights do Paul e Ariza, então podem assinar com Cousins e depois renovar com os dois estourando o CAP. basta querer, rsrs

          • Maicon Gomes

            Haja multa nisso po rs
            Paul vem pra máximo, Ariza deve receber entre 10/15 milhões.

            Spurs terá espaço se negociar Parker e Gasol, mas isso é impossível rs

          • Pierry Silva

            CP3 entra na FA com 33 anos. Seria loucura dar o máximo pra ele.
            E considerando que nunca ganhou um anel, tem uma boa chance de diminuir os salários.

          • Maicon Gomes

            Tu acha que ele arrumou a trade pro Rockets, por bondade ao Clippers? Foi pra manter a bird e ser eleito a um contrato máximo bem maior que por meio da FA.

            Não to dizendo que vão ser 4/5 anos, mas uns 3 tenho quase certeza que sim. Ele não vai abrir mão desse valor, ele mesmo viabilizou isso.

  • Alex Alves

    O tanto de gente que esta secando o Pelicans para pegar Davis e Cousins esta pesando o time. Aposto que tem GM colocando o nome da franquia na boca de sapo, na encruzilhada rsrsrs.

  • leandro silva

    Adoraria ver Cousins ou Davis no Celtics.Nunca fui fã do Al horford no Atlanta,piorou em Boston.Qualquer time que um dos dois for,será um reforço monstruoso.

    • Pedro Cortez

      Davis no Celtics eh pra entregar as taças

  • RaposAdams #SacramentoProud

    Cousins e Davis são espetaculares mas o Pelicans não soube montar elenco em cima deles.Simples. Faltou recrutar gente! Se o CP3 voltasse, poderiam ir longe. E acredito que os 2 vão sair rapidinho da franquia. Torço demais pra que o Pelicans saia dessa cidade.

    • Maicon Gomes

      Precisavam de jogadores no estilo do Ian Clark, que sabem pontuar e não comprometem na defesa.

      Só tem 4 jogadores bons na equipe, as torres gêmeas + Holiday e o Clark, o resto não compensa em nada ter na equipe.

    • Paulo Henrique

      New Orleans é uma ótima cidade pra esportes, esse não é o problema

  • Beto #MFFL

    Demitir o fraquíssimo Gentry seria um bom começo pra esse Pelicans

    • King Cuban #MFFL

      Eles podem ganhar espaço no Cap… é só trocar o Cousins pelo Noel

  • Victor Chittolina

    Esse time está montado na era errada. Com a movimentação de bola, a quantidade de chutes de 3 pontos e os times cada vez mais jogando com apenas um jogador no garrafão, essa dupla vai na contramão do que o basquete moderno projeta. Dito isso, há duas opções: acabar com os adversários no garrafão ou perder pros adversários nos chutes de fora.
    Com a adição do Rondo, que é um excelente passador, mas um arremessador pior que eu, o time fica ainda menos ameaçador no perímetro, o que deve fazer os adversários povoarem o garrafão, dificultando a vida das torres gêmeas.

    O talento tá ali, mas o elenco é péssimo e o treinador pior. O Pelicans é um time de uma jogada só: bola pro Boogie ou Monocelha (ainhda que pareçam duas, a jogada é a mesma, só varia quem vai definir).

  • Rogério Júnior

    Pra mim é questão de tempo mesmo. Que essa bomba-relógio vai explodir todos já sabem. A questão é quando vai explodir.

  • THIAGO GONZAGA

    O Pelicans tem um problema gigante na mão, não tem folha salarial para contratar agentes livres ano que vem, fez contratos bizarros com jogadores meia boca, Cousins é agente livre e Davis quer jogar pós temporada. Eu particularmente tentaria alguma coisa o Holiday, o problema é que a maioria dos times tem bons armadores… Antes do All Star eu veria como está a classificação, caso esteja fora da briga por playoffs, eu tentaria trocar o Cousins e Holiday, dá para conseguir escolhas de Draft e bons valores para cercar o Davis.

    • Guilherme Petros

      E se o Davis quiser vazar tbm? Tentar algo no Leste, por exemplo… É tudo bem delicado pq é um time que “aconteceu”, não que foi pensado.

      • BlueHand

        Se bobiar, seria ate melhor pro Pelicans trocar o Davis. Se trocar o Davis e conseguir manter o Cousins , talvez tenham um time mais solido do que trocar o Bogie e manter o Davis. Digo isso por causa do valor dos dois. Por exemplo, pelo Bogie, cavs facilmente ofereceria o Love. Pelo Davis, não estaria longe do cavs oferecer Love+Isaiah+pick nets. Pra ajudar mais o pelicans o Asik ( que tem um contrato horrível pro pelicans de 10 M) e receberem tb o Shumpert. Lembrando que para a picks do ano que vem existem grandes nomes para SFs, um time formado por Isaiah, Holliday, Pick nets, Love , Bogie não seria mais competitivo que um time formado apenas por Davis e Love?

        • Alex Alves

          A proposta é excelente Love + Isaiah+ pick nets.

          O problema é Thomas esta no último ano de contrato e precisar renovar (o que não vai ser barato) ele vai pedir uns 120/4 não tenho certeza se o Pelicans vai ter essa grana para pagar.

  • Rodrigo SMC

    E lembrar que esse time formado por Chris Paul, Morris Peterson, Peja Stokakovic, David West e Tyson Chandler, além de Byron Scott como treinador do ano, chegaram a fazer 3×2 no San Antonio na semifinal da Conferência, mas tomaram a virada

    • Guilherme Petros

      Pô mas é um quinteto bem mais sólido e consistente que o de hoje, né?

      • Rodrigo SMC

        Era um timaço

  • Dudu Ferrero

    Calma primeiro jogo.. tem muita coisa pra acontecer

  • Quero compartilhar que acessei o site da Nike para ver o valor das camisetas
    e a swingman saí por R$399,00, e por isso já estou com saudades da Adidas.

    • BlueHand

      Alem disso, a camisa já rasgou em dois jogos diferentes. Se a versão jogador ta rasgando, imagina a swingman como ta?

  • Gabriel Pereira Barbosa

    Uai cadê aquele pessoal que dizia que a ‘amizade’ entre o AD e DC faria a coisa funcionar..

    • Albert Medeiros

      Não se apresse, pequeno gafanhoto,calma…

    • Eduardo Rebelatto

      Como se o problema fosse os dois não estarem funcionando

    • João Vitor – Heat Nation

      Os dois funcionam, só que um time de basquete tem mais que dois jogadores. Isso deixando de fora técnico, GM….

  • Danilo

    Eu torço pra q dê certo, mas esse perímetro é horroroso(só o Holiday se salva). Acho q o Cousins vai acabar parando no Cavs(claro, se o Love não funcionar como pivô e o LeBron der garantia q vai renovar) ou em Boston(poderiam tentar o Davis, mas seria muita burrice do Pelicans se trocassem ele)

    Edit: esqueci do OKC, do jeito q o Presti está quem sabe ele não manda o Adams e mais algumas jujubas e consegue o Cousins rs

  • Claudio R.

    O lance é Kevin Love + pick brooklyn + Isaiah Thomas pelo Anthony Davis na deadline… e Cousins vai pra Boston por Pick Lakers + Al horford e pronto… bom pro Pelicans e pros times do leste

    • Ita

      Por que o Boston iria fazer isso se é o último ano de contrato do Cousins?

      • Rafa Oliveira

        Que tal o teto salarial? N tem como o boston oferecer nada na prox offseason, ja teve que dispensar o bradley pra assinar com o Hayward

        • Ita

          mas é só esperar a próxima temporada e trocar o Al Horford por ativos, pq vai pegar o Cousins agora e ainda correr o risco de perder o jogador na próxima Off-Season, totalmente sem lógica isso

          • Claudio R.

            Esse movimento de trocar o cara na offseason ainda consta metade do salário no Cap no respectivo ano … e msm assim fica inviável assinar com o Cousins via agency pelo cão estar muito comprometido … a saída é via trade msm

    • Vitor Medson

      Por mais que eu queira Davis em um time competitivo e sendo fã do Isaiah/Love ele vale mais do que isso. Mas seria espetacular ver um time com Bron/Davis.

      • Gabriel S Monteiro

        Na verdade iria ser covardia né..

    • BlueHand

      Eles não irão trocar os dois. Vão trocar apenas um jogador. Davis só vai ser negociado se pedir. Obviamente a primeira opção é trocar o Cousins. Se ele aceitar chegar com extensão de contrato, seria uma boa pro cavs mandar o Love e pegar ele. Ate pq o Love já esta jogando de center.

      • Alex Alves

        Cousins esta no último ano de contrato e vira FA ao fim da temporada, ninguém vai pagar muita coisa por ele, sem falar que pode sair de graça no fim da temporada.

        Se o time conseguir essa duas propostas deve aceitar na hora.

    • Nilton Bitencourt

      Para o ano que vem teriam I. Thomas, draft, draft, Love e Horford. Olha que não é recomeço ruim não. Só que Davis só vai se o Lebron ficar e o Cousins pra ele seria uma promoção. Queria mesmo o Davis em Boston.

  • Marcinho Mueller

    Pelicans é a franquia mais azarada na NBA disparado hahahahaha mas a falta de planejamento e administração também pesam contra. TORÇO MUITO, MAS MUITO MESMO pra dar errados e Davis enfim vir pro Celtics. Com essa temporada quase que impossível de disputar algo, Mr Ainge já deve ta mexendo seus pauzinhos hahahahahaha

  • Sérgio Menezes

    Se esta temporada não der certo (mais uma vez) para os pelicans, creio que aumentará as chances do monocelha sair. Pelicanos tem que ficar espertos. Melhor trocar seus astros por algo valioso, que sair sem nada.

    • King Cuban #MFFL

      Vem para Dallas para ser coadjuvante do D$J

    • Alex Alves

      Horford + pick lakers + Brown ou Tatum pode escolher rsrs.

      • Marcos Gordinho

        Creio que o Lakers possui mais ativos para pegar o Davis.
        Fultz+Brook Lopez+Ingram+Lonzo Ball+Lavar Ball+ a pick de 2019. Pq Lakers é Lakers!!!

        • Felipe Rodrigues

          Fultz?

          • Marcos Gordinho

            Corrigi.

      • Gabriel S Monteiro

        Sábio! hahaha

  • Danilo Celtics #Banner18

    pelicans nao pega playoffs e ele vai testar a proxima FA , essa é barbada

    • Tárcio

      Ou ele será trocado antes disso!

  • Fernando

    Houston, Boston, Cavaliers e Lakers vão cair babando em cima dos dois! Olho no OKC, Sam Presti faz milagres ….

    • Alex Alves

      Boston e Cavaliers não tem cap a não ser que envolvam Horford e Love.

  • Dream Shake

    Cara só para ter ideia as torres gêmeas fizeram 61 pts e ainda não foi o suficiente pra vencerem.
    Creio que seja o ultimo ano deles juntos, Cousins deve pular fora e tentar arrumar um time que brigue por títulos.

  • felipe fernando Oliveira

    Não é mais uma loucura minha. Mas vendo o time atual de OKC. E como Daniel Hamilton e Terrence Ferguson são defensores em evolução, e a adição de PJ Dozier que também é Excelente defensor, eu não assustaria se Pressti trocar Adams, Roberson e mais alguém (meu sonho é Singler) por Cousins e mais alguém na época da trade.

    • Vitor Martins

      O raio vai cair 3 vezes no mesmo lugar?

    • Gabriel S Monteiro

      Sendo bem sincero, OKC não vai dar essa sorte de novo, depois de ganhar PG e Melo, por jujuba e mariolas, NOLA não vai ceder assim, nessa troca foram duas escolhas de primeira rodada envolvidas Budy e a desse ano.

      no ruim DM sai ao fim do contrato, e NOLA perdeu duas escolhas altas. Mas se essa sua suposta troca acontecer, NOLA ainda vai carregar um contrato de 27M por 3/4 anos do Adms, e mais dois jogadores nada demais.

      Ou seja, se você fosse o GM de NOLA, você faria uma cagada dessa, aturar Adams com um salário de All star, o que ele não chega perto de ser. Ou perder DM por nada e ter um cap flexível pra poder tentar buscar alguém pra jogar com Davis, ou reforçar posições carentes e o banco?

      • vsr.snake

        Até pq as negociações de PG e Carmelo foram bem particulares. Os times não tinham como mantê-los mais no elenco (George virando FA e Melo subestimado), então, para agradá-los e não reforçar seus rivais de conferência. OKC deu muita sorte nesse aspecto.

  • Daniel Nogueira

    Vem ser feliz e multicampeão no Spurszão da massa, Davis. rsrs

    • Tárcio

      Davis é muito caro! Não vejo algum time no momento conseguindo ele, sem perder mais da metade de seus ativos!

      Melhor sonhar com o Cousins!

  • Rodrigo Morais

    Vendo a troca que o Rocktes conseguiu pelo CP3 me pergunto se o NOLA não teria conseguido ela também envolvendo o Holiday

  • Felipe Rodrigues

    Esse time tem q se benzer.