Rajon Rondo acha que Chicago tem a torcida mais desagradável da NBA

Rajon Rondo, do Boston Celtics, foi entrevistado recentemente por Richard S. Chang, da Red Bull, patrocinadora de um evento realizado pelo jogador. Entre os itens discutidos, Rondo falou de sua lesão no cotovelo durante os playoffs, a preparação dele durante o locaute e uma mágoa com a torcida do Chicago Bulls. Confira alguns trechos da entrevista:

A lesão no cotovelo contra o Miami Heat: “‘Pop’! o barulho foi alto”, disse ele semanas atrás, durante uma sessão de fotos em Boston. “Eu estava em choque, mais que tudo. Não sentia muitas dores, foi um choque “.

Sobre manter a forma durante a off-season/lockout: “Eu não me preocupo muito com minha alimentação, na verdade. Sou jovem. Posso entrar em forma rapidamente”.

A série contra o Knicks e algumas torcidas da NBA: “Houve alguns jogos intensos, e poderia ter tido um resultado diferente, se os nossos rapazes não acertassem arremessos importantes”, diz ele. “Foi uma série divertida, no entanto, pois o Knicks não chegava aos playoffs há muito tempo. É uma boa rivalidade”. A torcida do Knicks, porém, foi preterida por Rondo quando o assunto é barulho. A mais “barulhenta”, segundo ele, é a do Golden State Warriors: “Eles têm uma multidão muito alta”, ressaltou. – E a mais desagradável?, perguntou o repórter. “Eu diria que Chicago. Há alguns anos, nos playoffs, eu e Kirk [Hinrich] tivemos desavenças e eles me vaiam desde então”.

A matéria completa no site da Red Bull USA você confere clicando no link.