Rapidinhas de terça-feira (09-12-14)

https://www.youtube.com/watch?v=OsmYFRTAPLM

Dwight Howard se aproxima de retorno no Rockets

O Houston Rockets deverá contar com o retorno do astro Dwight Howard em breve. O treinador Kevin McHale confirmou que o pivô participou dos treinos com o restante do elenco nos últimos dias e está próximo de ficar à disposição novamente. Ele ficou afastado de nove jogos recentes da franquia por conta de um procedimento realizado para aliviar dores no joelho direito.

Howard ainda tem chances de atuar contra o Golden State Warriors, nesta quarta-feira, mas a tendência é que sua presença só seja confirmada horas antes da partida. Nos dez duelos que disputou na temporada, o pivô de 29 anos registrou médias de 18.8 pontos, 11.3 rebotes, 2.3 tocos e 57.5% de aproveitamento nos arremessos de quadra.

 

Fascite afasta Ian Mahinmi por até oito semanas

O pivô Ian Mahinmi só voltará a jogar no ano que vem. O Indiana Pacers anunciou que o atleta francês sofre com uma fascite plantar no pé esquerdo e vai ficar afastado das quadras de seis a oito semanas. Ele começou a sentir o problema físico no último domingo, durante a derrota do time para o Sacramento Kings.

Mahinmi esteve presente em 20 partidas do time nesta temporada e teve papel importante na rotação do técnico Frank Vogel pelos constantes desfalques no garrafão de Indiana. Atuando pouco mais de 18 minutos por noite, ele acumula 4.9 pontos (61.1% de aproveitamento nos arremessos) e 5.8 rebotes na atual campanha.

 

Mark Cuban “vetou” Antetokounmpo no Mavericks

O Milwaukee Bucks está muito satisfeito com a seleção de Giannis Antetokounmpo no draft do ano passado. Mas quase o ala grego não chegou disponível à 15ª posição do recrutamento. O dono do Dallas Mavericks, Mark Cuban, revelou que a indicação de dirigentes da franquia era selecionar o atleta com a 13ª escolha, mas ele determinou que a seleção fosse trocada.

“Selecionar Giannis era o que Donnie [Nelson, GM] queria, mas eu disse para seguirmos com o plano. Ele sabia que o garoto seria bom e acreditava em seu julgamento. Ainda assim, o que aconteceria se um agente livre quisesse assinar conosco e nós não tivéssemos flexibilidade?”, explicou. Após a troca, cinco posições abaixo, o Mavs adquiriu o armador Shane Larkin.

 

https://www.youtube.com/watch?v=h5ORS6-ZY3E

McLemore ignora pressão com concorrência no Kings

Outro escolhido no draft do ano passado, Ben McLemore, finalmente começou a corresponder às expectativas do Sacramento Kings neste início de temporada. Para muitos, sua subida de produção se deveu à chegada de outro ala-armador via recrutamento: Nik Stauskas. No entanto, o jovem garante que a “nova” concorrência não o influenciou.

“A franquia selecionando Nik não me fez pensar em melhorar porque, de qualquer forma, eu estaria trabalhando para me aprimorar. É assim que sou. Isso só foi uma oportunidade para mostrar, contra um concorrente, que estou em evolução”, cravou McLemore, que firmou-se como titular e lidera o time em aproveitamento de arremessos de longa distância (38.8%).

 

Atitude hostil rende multa de US$25 mil a Kanter

O pivô Enes Kanter, do Utah Jazz, foi multado pela NBA em US$25 mil nesta terça. Na noite anterior, ele cometeu uma atitude hostil ao atirar seu protetor bucal contra a torcida do Kings (vídeo acima) após uma marcação de andada da arbitragem. A partida marcou a nona derrota consecutiva do time do jogador.

Depois do anúncio da punição, Kanter usou as redes sociais para se desculpar pelo ato. “Peço sinceras desculpas aos fãs de Sacramento e à NBA pelo ocorrido na última noite. Nunca quis acertar ninguém com meu protetor. Foi um momento de frustração, assumo toda a responsabilidade e nunca acontecerá novamente”, garantiu.

 

Phil Jackson acusa “mentalidade perdedora” no Knicks

O “Mestre Zen” perdeu a paciência. Em uma atitude pouco comum, Phil Jackson deu voz a sua frustração com o pior começo de temporada da história do New York Knicks (4-19) e “disparou” palavras pesadas contra o elenco e a franquia. O multicampeão da NBA acredita que a equipe está simplesmente imersa em uma cultura extremamente negativa.

“Obviamente, eu estou muito desapontado com tudo. E o problema aqui não é técnico ou falta de talento. Existe alguma resistência interna à disciplina, ordem, mudança de cultura e coisas assim. Tudo gira em torno de uma mentalidade perdedora”, criticou o presidente de operações da organização, questionando o caráter e motivação dos profissionais do time.

Questionado sobre a “explosão” de Jackson, o ala Carmelo apaziguou os ânimos antes de criar uma polêmica na franquia: ele disse não sentir que exista uma “mentalidade perdedora” no Knicks, mas admitiu que a situação atual da equipe na temporada é frustrante e existe uma necessidade de urgência entre todos.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Kleber

    Óbvio que existe uma mentalidade perdedora. E o cabeça disso é o Steve Mills. Um time com uma das folhas mais caras e jogadores que vivem em férias fingindo que estão jogando em quadra. Próxima temporada é passar o facão nesses sanguessugas, e tomar decisão que não tenha tanta influência do chupim Mills.

    • Galvão

      Eu também boto uma culpa no James Dolan, o cara tá rindo atoa que tem a franquia mas valiosa “financeiramente” da NBA e todo ano ele tá na capa da Forbes. Ele tinha que ser mais participativo e ativo no time, não ser como o Jerry Jones dono dos Cowboys que só faz merda rs, mas o Dolan tem que assumir mais o controle da situação e concordo que o Mills só faz cagada nos contratos.

  • Maia Bucks

    Chupa Dallas, Giannis eh um buck. Giannis, Parker, Knight e Sanders farao a conf leste tremer.

    FEAR THE DEER.

  • Mentalidade perdedora e esquema tático que não funciona. Desde o inicio da temporada os especialistas eram unânimes em afirmar que o Knicks não tinha peças para o triangulo todo mundo sabe que não se faz omeletes sem ovos.portanto “mestre zem” assuma sua parcela de culpa no processo fez trocas idiotas trouxe um tecnico enesistente na NBA para ser sua marionete no banco e implantou este sistema de jogo ultrapassado.

  • BetoMavs

    Por mais medíocre que seja esse time do NY, essa campanha de (4-19) na fraca conferencia Leste é ridícula, e o senhor Carmelo Anthony tem que mostrar um pouco mais de personalidade.