Rapidinhas do mercado (26-08-18)

Quatro times teriam tentado contratar Alexey Shved

As portas da NBA ainda não estão fechadas para Alexey Shved. O empresário do ala-armador russo, Obrad Fimic, revelou que quatro equipes da liga expressaram interesse em seu cliente e estavam prontas para oficializar propostas: Memphis Grizzlies, Phoenix Suns, Minnesota Timberwolves e New Orleans Pelicans.

“Há interesse da NBA por Shved todos os anos. Ele ainda vai estar em contrato com o Khimki Moscou na próxima offseason, mas avaliaremos ofertas com mais cuidado. Todos dizem que haverá mais dinheiro circulando no mercado e, assim, crescem as chances de sermos convencidos”, afirmou Fimic, em entrevista ao portal Izvestia.

 

Luis Scola acerta permanência no basquete da China

O basquete chinês continuará como casa do veterano Luis Scola por mais um ano. De acordo com Emiliano Carchia, do site Sportando, o astro argentino finalizou um contrato até o término da próxima temporada com o Shanghai Sharks. Os valores do acerto entre o ala-pivô e o time do ex-atleta Yao Ming não são conhecidos.

O jogador de 38 anos já havia disputado a última temporada chinesa com a camisa do Shanxi Brave Dragons, depois de ficar (aparentemente) sem mercado na NBA. Scola, como esperado, brilhou no extremo Oriente: teve médias de 27.8 pontos, 13.7 rebotes e 3.4 assistências na campanha passada.

 

Shabazz Muhammad disputará pré-temporada do Bucks

O Milwaukee Bucks fechou a renovação de contrato de Shabazz Muhammad no início da última semana. Mas, na verdade, sua permanência na franquia pode não ser tão longa assim. Segundo Matt Velazquez, do periódico Milwaukee Journal Sentinel, o vínculo não seria garantido além dos treinos de pré-temporada.

O ala de 25 anos, assim, projeta disputar a última vaga aberta no elenco efetivo da equipe de Wisconsin com jovens jogadores e calouros, em sua maioria. Muhammad chegou ao Bucks em março deste ano, saindo do banco de reservas com tempo de quadra limitado no fim da temporada regular e playoffs.

 

Paciente, Nick Young espera para escolher novo time

Nick Young pode estar sem paciência para uma blitz de trânsito, mas, quando o assunto é sua agência livre, está bem mais calmo. Em entrevista ao site Complex, o jogador de 33 anos e garantiu não estar “apavorado” por ainda não ter assinado com nenhuma equipe para a disputa da próxima temporada.

“Eu só preciso encontrar o exato lugar onde sou necessário. Isso é mais importante do que qualquer pressa que possa existir no mercado. Essa será o meu 11º ano na NBA e não estou acostumado a esperar tanto, mas meu empresário está cuidando de tudo e dizendo para ficar relaxado”, contou o e atual campeão da NBA.

 

Trocar Ryan Anderson segue “desafio” para o Rockets

O Houston Rockets continua sem sorte na tentativa de negociar Ryan Anderson. De acordo com Sam Amico, do site Amico Hoops, a franquia texana tentou incluir o ala-pivô em todas as trocas que cogitou na offseason e enfrentou um mercado bem decidido a não assumir as duas temporadas finais de seu vínculo – com (irrisórios) US$41.6 milhões em salários a serem pagos.

A direção do time tentou, mais recentemente, “empacotar” Anderson até com uma futura escolha de primeira rodada de draft para assumir um ala com contrato mais longo de adversários – como Kent Bazemore e James Johnson. Ainda assim, os times viram a inclusão do ala-pivô no negócio como um “finalizador de conversas”.  

 

Jogo rápido

E tem mais gente confirmada no elenco de pré-temporada do Bucks. Destaque na Liga de Verão de Las Vegas, o pivô Christian Wood foi anunciado como dono de um dos vínculos não-garantidos da equipe para o período de treinamentos.

Ex-Los Angeles Lakers, o pivô Tarik Black está levando seu talento para terras israelenses. Segundo Marc J. Spears, do site Undefeated, ele chegou a um acordo até o fim da próxima temporada com o tradicional Maccabi Tel Aviv.

O veterano Udonis Haslem (imagem) deverá permanecer no único time que já defendeu na NBA. O ala-pivô de 38 anos estaria em negociações avançadas para renovar seu contrato com o Miami Heat por mais uma temporada.

E Haslem vai ser acompanhado pelo armador Briante Weber no elenco de pré-temporada do Heat: a franquia confirmou a contratação do especialista defensivo com um contrato de exibição, como Bruno Caboclo em Houston.

Ah, e vocês lembram de Norris Cole? O ex-armador de Heat e Pelicans deixou o Maccabi Tel Aviv e agora vai atuar no basquete italiano. De acordo com Orazio Cauchi, do site Sportando, ele assinará contrato com o Scandone Avellino.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • dirct

    Nick Young seria uma excelente opção para retornar ao Lakers a não ser que eles queiram depender dos arremessos de Ball e Rondo, além do mais Young tem exatamente o mesmo perfil dos últimos contratados do Lakers e seria mais um louco no bando.

    Obs.: Fico imaginando o nível do basquete chines, Luis Scola estava se arrastando na NBA e agora tem 28pts de média PQP.

    • Gui

      Uma dúvida, a liga chinesa consegue ser pior que a NBB?

      • Claudio R.

        Sim…. é bem fraca, não tem defesa alguma… os chineses são muito certinhos, só levantam os braços e só kķkkk.. veja uns vídeos

      • Warrg

        Tem muito mais dinheiro… Os times tem de 10 a 15M de dólares por temporada… Na Nbb o mínimo e 1.5M de reais, como era o time de Campo Mourão aqui no Paraná, o Flamengo com a maior folha era 10M de reais… Não é que o Nbb é fraco… É falta de grana…. Direitos de tv, patrocínio, bilheteria…E consequentemente os melhores saem cedo…Pelo valor gasto pelos times a liga é boa…

    • Felipe Monteiro

      E tirar quem do elenco para colocar ele? Lance? Hart? KCP? Esses são os SG que tem no elenco e Young não tem a mínima condição com nenhum deles…

  • Elias Ferreira

    Uai, Shabazz tá tão desvalorizado assim que ninguém quer ele? Ele ajuda muito time aí heim.
    Udonão Haslem da massa, será que terá camisa aposentada?

    • Eu gosto dele, mas ele é péssimo encaixe. Não marca e não tem QI de basquete.