Com três estreantes no quinteto titular (Chris Paul, Chauncey Billups e Caron Butler), o Los Angeles Clippers iniciou a temporada 2011-12 com o pé direito. Fora de casa, a equipe não teve vida fácil, mas passou pelo Golden State por “enganosos” 105 a 86.

Depois de um começo pouco entrosado, os visitantes tomaram o controle do placar nos minutos finais do primeiro quarto. No entanto, o time local não deixou que se construísse diferença e voltou à liderança antes do intervalo, terminando o tempo inicial com dois pontos de dianteira (43 a 41).

O retorno do intervalo marcou nova reação angelina, que passou a frente e manteve-se no comando das ações até a metade do último período. Neste momento, os locais emplacaram uma série de cestas e chegaram a diminuir a diferença para apenas um ponto. Então, brilhou a estrela de Chris Paul: com três conversões seguidas sem resposta, o armador recolocou o Clippers com boa vantagem e sacramentou a vitória.

Pelo lado vencedor, o cestinha foi o ala-pivô Blake Griffin, com 22 pontos. Paul (21) e o veterano Billups (20) também saíram de quadra com 20 ou mais pontos. Já pelo Warriors, apenas o ala-pivô David Lee conseguiu a marca: foram 21 pontos, além de 12 rebotes.

LA Clippers

Blake Griffin: 22 pontos, sete rebotes

Chauncey Billups: 21 pontos, cinco rebotes, quatro assistências

Chris Paul: 20 pontos, nove assistências

Caron Butler: 11 pontos, 10 rebotes, quatro assistências

Golden State

David Lee: 21 pontos, 12 rebotes

Monta Ellis: 15 pontos, quatro rebotes, oito assistências

Brandon Rush: 12 pontos

Andris Biedrins: 10 pontos, oito rebotes, três tocos

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Gostei do Warriors…
    O rookie Klay Thompson foi muito bem…
    O problema era a mão descalibrada…
    O Curry e o Ellis chegaram a ter 0/9 nos 3 pts e o Dorell Wright 1/6, e não é assim normalmente…
    O placar final é bem mentiroso, igual do Dallas e Heat…

    E pensando que esse time é bem novo, com um bom banco pode incomodar nas próximas temporadas…