Returno da fase regular da EuroCup começa com derrota do Partizan, último invicto

Por Vinicius Fernandes Batista

A sexta rodada (primeira do returno) da temporada regular da EuroCup 2019-20 chegou ao fim nessa quarta-feira (6). Destaque a derrota em casa do Partizan, único que ainda não havia perdido na competição.

GRUPO A
O Promitheas Patras conseguiu uma vitória por 88 a 77 sobre o Maccabi Rishon LeZion, na Dimitris Tofalos Arena. O jogo estava disputado, com 77 a 74 para os anfitriões, que anotaram 11 pontos seguidos e praticamente definiram o seu triunfo. Chris Babb (PP) e Alex Hamilton (MR), com 20 pontos cada, foram os cestinhas. Em casa, o Virtus Bologna tirou uma desvantagem de dez pontos a seis minutos do fim para ganhar do Ratiopahrm Ulm pot 92 a 91. Grant Jerrett, dos visitantes, foi cestinha, com 20 pontos. Numa batalha de principados, o MoraBanc Andorra derrotou com facilidade o AS Monaco, por 95 a 68. Curiosamente, os mandantes foram para o intervalo perdendo (38 x 40), mas logo após o intervalo, com uma parcial de 36 a 17, avançaram para o triunfo. Clevin Hannah e Jeremy Senglin registraram 16 pontos cada para os vencedores, assim como Eric Buckner, para os visitantes.

Classificação: 1º Promitheas Patras e Bologna = 5 vitórias e 1 derrota; 3º Andorra e Monac0 = 3v e 3 d; ; 5º Ulm e Maccabi Rishon = 1v e 5d.

GRUPO B
O Partizan perdeu a sua invencibilidade com uma derrota de virada para o Reyer Venezia, que silenciou a Stark Arena, com um convincente 83 a 69. O cestinha Mitchell Watt liderou o triunfo dos vencedores, com uma exibição geral de 27 pontos (11 certos de 12 arremessos de dois pontos). O Rytas Vilnius conquistou sua segunda vitória sobre o Lokomotiv Kuban Krasnodar, ao fazer 87 a 82, na Rússia, graças a uma sequência de 14 a 0 no quarto período. Evaldas Kairys marcou 16 pontos ao acertar todas as oito tentativas de arremesso, mas o cestinha foi Dmitry Kulagin, que conseguiu 18 pontos na derrota. O Limoges foi o único a vencer como mandante: 91 a 82 no Tofas Bursa. Matt Lojeski, que não errou uma arremesso sequer, marcou 21 pontos para os perdedores, sendo o cestinha da partida.

Classificação: 1º Partizan = 5 vitórias e 1 derrota; 2º Venezia = 4v e 2d; 3º Tofas Bursa = 3v e 3d; 4º Lokomotiv Kuban, Limoges e Rytas Vilnius = 2v e 4d.

GRUPO C
O UNICS Kazan registrou sua quinta vitória consecutiva ao derrotar o Germani Brescia por 77 a 63. O cestinha Errick McCollum marcou 20 pontos na vitória. O Cedevita Olimpija Ljubljana conseguiu sua primeira vitória ao bater o Darussafaka Tekfen Istanbul por 76 a 72, fora. Filip Kruslin (COL) e Gary Browne (DTI) foram os cestinhas, com 17 pontos. Codi Miller-McIntyre quase anotou um triplo-duplo, com 11 pontos, dez rebotes e nove assistências para os vencedores. Com uma cesta no estouro do cronômetro, o Joventut Badalona venceu o Nanterre por 79 a 77, em casa, com 23 pontos do cestinha Nenad Dimitrijevic. Dallas Moore ia dando a vitória ao Nanterre, mas uma jogada de Dimitrijevic, com três pontos, e um bloqueio final de Harangody, levou os espanhóis ao triunfo.

Classificação: 1º UNICS = cinco vitórias e uma derrota; 2º Joventut = 4v e 2d; 3º Darussafaka e Brescia = 3v e 3d; 5º Nanterre = 2v e 4d; 6º Olimpija Ljubljana = 1v e 5d.

GRUPO D
Em uma jornada onde somente os visitantes venceram, e sempre de virada, a Unicaja Málaga conquistou um emocionante triunfo sobre o Buducnost VOLI, por 82 a 81. Os espanhóis estavam quatro pontos atrás com 32 segundos restantes, mas viraram, apesar dos 26 pontos do cestinha Justin Cobbs. O Dolomiti Energia Trento foi para o intervalo perdendo por 14 pontos, mas saiu de quadra com surpreendente vitória sobre o Galatasaray por 81 a 76. Toto Forray terminou com 19 pontos, incluindo 14 no quarto quarto, para ser o cestinha. O EWE Baskets Oldenburg, com uma parcial de 19 a 0 no último período, conquistou sua terceira vitória consecutiva, por 73 a 61 sobre o Arka Gdynia. Krzysztof Szuberga se destacou sendo o cestinha pelo Arka, com 19 pontos.

Classificação: 1º Málaga = cinco vitórias e uma derrota; 2º Galatasaray = 4v e 2d; 3º Oldenburg, Arka Gdynia e Trento = 3v e 3d; 6º Buducnost = 0v e 6d.

Estatísticas

Melhor ataque: Virtus Bologna = 513 pontos
Pior ataque: Brescia Leonessa = 401
Melhor defesa: Darussafaka = 413
Pior defesa: Maccabi Rishon LeZion = 533
Mais pontos em um jogo: 103 = ratiopharm Ulm
Menos pontos em um jogo: 35 = Brescia Leonessa
Maior diferença de pontos: 33 = Maccabi Rishon Lezion 55 x 88 Promitheas Patras
Cestinha por média de pontos: Klemen Prepelic (Joventut Badalona) = 19
Maior pontuador em um só jogo: 33 = Zoran Dragic (ratiopharm Ulm) e Josh Bostic (Arka Gdynia)