Rockets finaliza extensão prévia de quatro temporadas com Eric Gordon

O Houston Rockets não deixará um de seus principais atletas teste o mercado na próxima offseason. Segundo Jonathan Feigen, do jornal Houston Chronicle, o time acertou uma extensão prévia de contrato de quatro temporadas com Eric Gordon que vai render US$75.6 milhões em salários. O ano final do vínculo, que começa a vigorar em julho de 2020, é apenas parcialmente garantido.

“Essa extensão é importante para mim porque Houston virou a minha casa. É ótimo saber que tenho a segurança de que estarei aqui por vários anos. Ser parte de uma equipe da qual você gosta sempre será encorajador – e muitos atletas nunca terão o privilégio de poder viver isso na carreira”, comemorou o jogador de 31 anos, em declaração à filial local da rede FOX Sports.

A garantia envolvendo a última temporada do novo acordo de Gordon são um tanto diferentes do que o habitual. O repórter Adrian Wojnarowski, da ESPN, apurou que o contrato vai se tornar totalmente assegurado – sem importar a vontade dos altos executivos do Rockets – caso o ala-armador seja eleito para um Jogo das Estrelas ou a franquia seja campeã da NBA durante o compromisso.

O veterano confirmou que seguir no Texas também era atrativo pelas perspectivas competitivas da equipe. “Jogar com esse elenco, esses jogadores, faz uma decisão como essa ainda mais fácil. Nós já temos o entrosamento de alguns anos atuando juntos e ficou mais simples achar o caminho certo para chegarmos ao título. Sinto que sempre teremos chances de sermos campeões com esse grupo”, avaliou.

Nos últimos meses, Gordon foi bastante enfático em dizer que gostaria de encerrar a carreira atuando pelo Rockets e, agora, pode só voltar a ser agente livre quando tiver 35 anos de idade. O experiente pontuador, selecionado na sétima posição do draft de 2008 e eleito melhor reserva da liga no ano retrasado, acumula média de 16.7 pontos por noite em pouco mais de 600 jogos disputados na NBA.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Bruno Azevedo

    Um excelente 6th man para houston, mas achei um contrato pesado. Acredito que em 3 anos já não jogará no mesmo nível, e receberá 17, 18 milhas por ano.

    • Guy de Lombard

      Do jeito que os Rockets são bons em se livrar de contratos ruins, acho que não terão problemas com isso.

      • na verdade eles perderam muitas picks pra oklahoma, acho que eles não vão ter nenhuma escolha de draft por um tempo…

    • Rockets quer aproveitar o alto nível do Harden. É All-in a cada temporada.

      • Lucas Henrique

        Isso, e agora querem aproveitar que West ainda está no seu auge físico também, antes que eles comecem decair

    • lembrando que eles tem que renovar ainda com o kenneth faried, que jogou muito bem por lá… achei o contrato pesado mesmo, se fechasse por 60/4 tava de bom tamanho pro gordon e sobraria mais um pouco pra oferecer pro faried

  • Andrei

    Muito bom ver que o Gordon deu certo na NBA, teve uns problemas com lesão e inconstância. Ele se deu super bem nesse time de Houston so lado do Barba, rende tanto vindo do banco, como titular.

  • Pablo Leite

    Se o contrato é totalmente garantido se o Rockets for campeão ou o Gordon virar All Star, então ele já perdeu essa grana.

  • Tiago Almeida

    Houston se não ganhar nada nas próximas duas temporadas será o novo thunder da NBA.

    • só vou concordar, por que o Harden já tá com 30 anos… kkkkk