Rumores Semanais – 24/09/2018

Por Ricardo Romanelli

Jimmy Butler: resolução rápida?

A grande especulação do momento envolve o ala-armador Jimmy Butler, do Minnesota Timberwolves. Adquirido junto ao Chicago Bulls há pouco mais de um ano, Butler fez apenas 59 jogos pela franquia de Minnesota. Com problemas no vestiário e apenas mais um ano de contrato, o atleta de 29 anos pediu para ser negociado para que possa continuar sua carreira em mercado mais lucrativo, dada a proximidade do fim de seu vínculo. Butler desejaria ser a estrela de uma franquia numa grande mercado, como New York ou Los Angeles.

Algumas equipes já se animaram com o negócio. O Cleveland Cavaliers, cujo dono Dan Gilbert tem boa relação com Glen Taylor, dono do Wolves, é um dos mais animados. É difícil, no entanto, enxergar o que o Cavs poderia oferecer ao Timberwolves neste momento. Kevin Love acabou de assinar uma extensão, e chegou ao Cavs em 2014 justamente após pedir para ser trocado do time de Minnesota, que defendeu nos seis primeiros anos de sua carreira.

No mais, o Cavs tem pouquíssimas peças de valor, e as existentes não parecem agradar o Wolves, como o calouro Collin Sexton. Uma troca com o Cavs nesse momento parece improvável, pelo menos uma que seja boa para ambas as partes.

Já o Miami Heat, de Pat Riley, é um time que nunca teve medo de fazer movimentos ousados, como a troca que levou Shaquille O’Neal a South Beach, em 2004, ou a contratação do Big Three de LeBron James, Dwyane Wade e Chris Bosh, em 2010. A favor do time de Miami estão o grande mercado da famosa cidade no sul da Flórida, o retrospecto vencedor de Pat Riley e a amizade de Butler com Dwyane Wade, que fará sua última temporada na liga. Os dois jogaram juntos por uma temporada (2016-17), no Chicago Bulls. O Heat tem diversos jogadores com contratos muito maiores do que seu rendimento, e provavelmente algum deles teria que fazer parte de eventual negócio. Qual deles o Wolves toparia receber? É difícil saber. O pivô Hassan Whiteside é quem menos tem prestígio com o técnico Erik Spoelstra, mas será que ele e Karl-Anthony Towns conseguiriam jogar juntos? Whiteside ganha muito dinheiro para ser mero reserva de Towns. Os jovens Bam Adebayo e Justise Winslow, além de jogadores de backcourt como Tyler Johnson, Josh Richardson e Dion Waiters, que perderiam espaço com a chegada de Butler, podem compor um atrativo pacote do Heat.

Por fim, outra equipe animada com o negócio é o Toronto Raptors. Depois de muitos anos apostando no núcleo DeMar DeRozan, Kyle Lowry e Dwane Casey no comando técnico, o Raptors resolveu mudar, e apenas Lowry permanece no time. Será que por muito tempo? O time canadense já apostou alto ao adquirir Kawhi Leonard com um ano de contrato e sem garantia de renovação, não faria mal em dobrar essa aposta ao trocar por Butler em negócio tendo Lowry como peça central. Um time com Kawhi Leonard e Jimmy Butler seria, sem dúvidas, candidato ao título do Leste, e a presença de um deixaria o time mais atrativo para a renovação do outro. Se nada der certo, em 2019 o Raptors tem a folha salarial limpa para trabalhar no mercado de agência livre, algo que não teria se tivesse permanecido presa com o núcleo que fracassou de maneira consecutiva nos playoffs.

O Timberwolves dispensou Jimmy Butler do media day e do começo do training camp, e a expectativa é de uma resolução rápida. A dúvida sobre a permanência do atleta além dessa temporada, bem como seu retrospecto de problemas de vestiário nos dois times que passou na carreira, deixam outros times receosos.

Joakim Noah: onde é a próxima parada?

O pivô Joakim Noah e o New York Knicks se aproximam do final de uma situação ruim para todas as partes envolvidas. Contratado em 2016 pela antiga direção do Knicks, Noah pouco conseguiu jogar, por problemas físicos e o desgaste acumulado de uma já longa carreira.

As partes caminham para rescisão contratual antes do começo da temporada, e Noah ficaria livre para assinar com qualquer outro time. Assim como todos os jogadores que passaram pelo Chicago Bulls enquanto Tom Thibodeau era técnico, as especulações apontam para uma reunião de ambos em Minnesota. A situação de Jimmy Butler, no entanto, pode travar a definição.

É difícil avaliar qual impacto Noah ainda pode ter num time, mas é um jogador experiente, vencedor e muito inteligente. Pode ser útil num vestiário de time jovem precisando de liderança, ou então de um time que almeje ser campeão e precise de veteranos para ajudar a controlar o ambiente nas horas decisivas. Dentro de quadra, o que quer que consiga entregar será lucro.

Kemba Walker: fim das especulações?

O armador Kemba Walker, do Charlotte Hornets, tem sido alvo de boatos de troca há quase um ano. Aos 28 anos e no auge da carreira, o 2x All-Star ganha apenas US$ 12 milhões por temporada, salário muito abaixo de seu padrão de produção. Por isso, ele é alvo de desejo de muitos times, e se especulava que o Hornets pudesse trocá-lo para ajudar a desovar algum dos contratos tóxicos na folha do time, como Michael Kidd-Gilchrist, Nicolas Batum ou Marvin Williams.

No entanto, com a troca de Dwight Howard e a chegada de Mitch Kupchack para a direção do time, e James Borrego para o comando técnico, os ventos parecem ter mudados em Charlotte e agora a franquia de Michael Jordan deseja assinar uma longa extensão com Walker, mantendo o armador como peça central da franquia. O contrato dele acabaria no final da temporada 2018-19, mas o próprio atleta disse que não quer nem pensar em jogar em outro lugar e quer deixar seu legado em Charlotte, enquanto que Kupchack declarou que ele será o ponto focal da franquia nos próximos anos. Walker pode assinar uma lucrativa extensão com o Hornets após a temporada, projetada em aproximadamente US$ 190 milhões durante cinco anos. Outros times podem ofertar no máximo algo próximo de US$ 140 milhões por quatro anos.

  • Bruno Grotta

    Seria sensacional ver Jimmy Butler no Sixers.
    Simmons – Butler – Covington – Saric – Embiid
    Starting lineup contender pra perder em 6 jogos pro Warriors.
    Sem contar que seria o time mais forte do lado defensivo da temporada.
    Mas não faço ideia de como isso poderia acontecer. E nem sei se vale a pena pro Sixers jogar tudo nessa temporada fazendo algo assim.

    • Duvido que se ele viesse Saric não estaria no pacote

    • Lucas Henrique

      Pra ele ir, Saric e Fultz devem ir no pacote, de qualquer forma um time com Simmons e Butler na dupla de armação seria fantástico, Covington marca muito e Embiid é Embiid, na 4 poderiam usar alguém pra espaçar a quadra e arremessar de 3

      • Guilherme Petros

        Esse cara na 4 seria o Saric, claro. Mas tem acho que o Wolves ia exigir ele no pacote.

    • Pedro

      Um time que os melhores arremessadores seriam os pivôs? time até tem condições defensivas de segurar o GSW, mas sem condição ofensiva nenhuma de jogar de igual pra igual. Mesmo com Buttler, não acredito que o 6ers teriam condições de passar dos Celtics ou do Toronto.

  • Pablo Oviedo

    Seria interessante ver a reação dos torcedores do heat se o buttler for pra Miami, ele já fez twett zuando com eles…

    • pedrokadf

      Sem ressentimentos kkkk

  • Jax Teller

    Butler seria muito bem vindo no meu Toronto!
    Caso Lowry saia na troca!
    VanVleet (maior destaque positivo no elenco temporada passada) – Leonard – Butler – Ibaka e Valanciunas de quebra um banco bem interessante!

    • Lucas Henrique

      Só muda a ordem aí, KL é ala e Butler é Ala-Armador

      • Jax Teller

        Cara só coloquei o quinteto, não coloquei a posição, e é obvio isso que comentou!

        • Lucas Henrique

          😉

    • LeBeautiful

      Rapais…Se Jimmy Mordomo for pro Canada, soh mesmo o GSW pra mete 100 pontos nesse time. Potencial defensivo absurdo…No Clippers pode rolar algo parecido tbm. Quem curte boas defesas ja esfrega as maos! Espero que Butler caia num desses 2

    • Lucas Henrique

      Ainda não é um time capaz de ser campeão nem do leste, garrafão fraco com Ibaka e Valanciunnas, Ibaka não é o mesmo de anos atrás, e Valanciunnas não é dos melhores pivôs da liga. O time teria um garrafão enfraquecido e um armador pouco testado, acho o time Lowry-Green-Leonard-Ibaka-Valanciunas mais consistente e mais forte

      • Diego Costa

        Mais forte porque? Ficaria a mesma coisa cara, só mudaria o Butler no lugar do Lowry. E nesse caso não há discussão sobre quem é mais jogador. O garrafao ainda é aceitavel, por mais que Ibaka e Valanciunas sejam jogadores apenas nota 6.

        • Lucas Henrique

          Claro que não é a mesma coisa, em um tem Lowry e Dany Green, no outro tem Vanvleet e Butler, eu sinceramente prefiro Lowry e Green

          • LeBeautiful

            Craptors precisa de caras cascudos em OFFS. Quando o caldo engrossa Lowry eh uma garotinha. O GM picareta deles tem que tentar desovar ele no Wolves, pra ontem. Soh mesmo um thunderboy pra vir com uma perola dessa

          • Lucas Henrique

            E Butler é casca grossa em play offs? Puff…

          • LeBeautiful

            Butler costumava marcar o Bron em playoffs e com louvor, era um carrapato. Mas bom é o Lowry que só faltava vira a bundinha pro King.

      • Jax Teller

        é tb não entendi….não disse que seria campeão tb não, como torcedor Lowry já deu o que tinha que dar em Toronto! Garrafão concordo, mas tem na rotação Monroe, Siakam, Moreland…..não acho que seria campeão com um Boston saudável, mas daria um trabalho!

      • Pedro Saturnino Braga

        Também acho o time atual um pouco melhor, não pelo Lowry ser melhor do que o Butler, o que não é, mas pelo elenco do raptors. Eles nas alas tem o Green, Leonard e o anunoby, que é um jovem com grande potencial. Capaz de ser titular e junto com o Leonard revezar dentro de quadra quem marca o PF do outro time. Com o butler no time o anunoby vai perder tempo de quadra, isso se não for trocado, pq imagino que teriam que oferecer mais que só o Lowry. O Butler é um marcador incrível, mas o lowry também é um dos melhores guards marcando na liga. Sem ele o time não teria quem jogar de armador, vanfleet não é um grande passador, e Butler e Leonard apesar de gostarem de ficar com a bola nao são o estilo point foward. A diferença do lowry pro vanfleet é maior do que a do Butler pro anunoby a meu ver, e principalmente, com a troca eles não teriam reserva pra armação, ficaria um time bem menos equilibrado.

        • Lucas Henrique

          Comentário perfeito, muito lúcido, parabéns amigo!

    • Vitor Martins

      Vixe, ousado. Não sei se daria certo. VanVleet tem sexto homem tatuado na testa, e gosto do Anunoby, que perderia muito espaço. Mas uma defesa com Butler-Leonard seria foda. De qualquer forma, acho bem difícil de acontecer.

    • Guilherme Petros

      Só acho difícil jogar Ibaka e Valanciunas. Acho que o Jonas roda e Ibaka vai pra C…

  • Diego Costa

    O heat é o time que tem mais atrativos, e seria um encaixe perfeito pro estilo de jogo que ambos jogam. Daria muito certo.

  • Anderson Tomás

    Joakim Noah, gosto desse cara, ótimo QI de basquete, competitivo, Bi-Campeão da NCAA, ótimo defensor, um líder nato, mas tem uma contusão que não tem cura e isso é complicado. Torço ainda pra vê-lo na NBA. Merece um bom fim de carreira.

    • Guilherme Petros

      Um fim digno, ao menos. Nem que seja com poucos minutos em quadra, já que o corpo não aguenta mais…

      • Anderson Tomás

        Sim, sabemos da importância do vestiário nos esportes coletivos e Noah agregaria bastante. Se bobear Tom Thibs leva ele pra Minessota.

    • New yorker

      Eu também torço para ele se recuperar… bem longe do Knicks, hehehe.

  • Guilherme Petros

    “Butler desejaria ser a estrela de uma franquia numa grande mercado, como New York ou Los Angeles.”
    To falando que ele vai pro Nets…

    • Vitor Martins

      No artigo do Zach Lowe o Nets ofereceria Crabbe, Faried e LeVert, além da escolha do Denver. Rapaz, se isso acontecer o time do Nets ira ficar bom. Dinwiddie, Butler, Carroll, Holis-Jefferson e Allen. Daria até pra pensar em trocar o Russell também. E dependendo da adaptação a NBA Musa poderia pegar o lugar do Carroll. Nada mal pra quem tá há séculos sofrendo.