Sem Nenê, Wizards passa pelo Bulls e lidera a série por 3 a 1; Blazers derrota Rockets após nova prorrogação

Chicago Bulls 89 x 98 Washington Wizards

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=vQIjiNkPJbc]

Sem o brasileiro Nenê, suspenso pela briga que teve com o ala-armador Jimmy Butler na terceira partida da série, o Washington Wizards recebeu o Chicago Bulls neste domingo, mas não teve grandes problemas para superar o adversário. Trevor Ariza, Bradley Beal, e John Wall, comandaram o triunfo que deixou a equipe vencendo a série por 3 a 1.

Ariza anotou 11 de seus 30 pontos no primeiro quarto para deixar sua equipe em vantagem por 28 a 18. O Wizards chegou a estar na frente por 32 a 18 no início do segundo período, mas o Bulls anotou dez pontos seguidos para diminuir a diferença para quatro. Depois, com cestas de Marcin Gortat e Beal, os donos da casa abriram 13 pontos. Os visitantes não conseguiam encostar e, após outro arremesso certeiro de Ariza, o placar estava em 52 a 36. Taj Gibson parecia ser o único do Bulls que não aceitava seu time ser dominado e terminou o primeiro tempo com 20 pontos. A defesa de Washington estava funcionando, permitindo apenas 37.5% de aproveitamento, além de forçar 11 erros de ataque. Os times foram para os vestiários com o marcador apontando vitória parcial dos anfitriões por 55 a 40.

Na volta do intervalo, o Wizards chegou a estar na frente por 21 pontos, após cesta de Ariza. Beal começou o último período acertando de três e sua equipe vencia por 85 a 62. Então, o Bulls anotou dez pontos sem resposta, mas a partir desse momento, o Wizards se reencontrou e a vantagem jamais ficou abaixo dos oito pontos.

A quinta partida será realizada em Chicago, na próxima terça-feira, às 21h (horário de Brasília).

Destaques

Chicago

Taj Gibson: 32 pontos, sete rebotes
Joakim Noah: dez pontos, 15 rebotes, cinco assistências
Jimmy Butler: 16 pontos

Washington

Trevor Ariza: 30 pontos, oito rebotes
John Wall: 15 pontos, dez assistências
Marcin Gortat: 17 pontos, seis rebotes, cinco assistências
Bradley Beal: 18 pontos, cinco rebotes

 

Los Angeles Clippers 97 x 118 Golden State Warriors

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=jn04xgcvl4Q]

Antes da partida acontecer, os jogadores do Los Angeles Clippers protestaram de forma silenciosa após os desastrosos comentários de Donald Sterling, dono da equipe, e retiraram seus uniformes. O resultado em quadra, porém, não foi o esperado. Com um Golden State Warriors envolvente, Stephen Curry liderou seu time ao importante triunfo, empatando a série em 2 a 2.

O Warriors começou arrasador, abrindo 15 pontos nos seis primeiros minutos de jogo, que transformou-se em 20 após cesta de Jermaine O’Neal. No início do segundo quarto, O’Neal deixou o Golden State na frente em 42 a 24. Jamal Crawford esboçou a reação do Clippers com oito pontos seguidos, mas logo depois os donos da casa voltaram a imprimir um ritmo forte, finalizando o primeiro tempo na liderança por 66 a 48.

No terceiro período, Griffin anotou nove pontos e depois, J.J. Redick fez sete seguidos e a diferença caiu para 11 em favor do Warriors. Crawford começou o último quarto com dez pontos consecutivos. Apesar disso, a equipe não conseguia diminuir a diferença, até que, restando três minutos para o fim e com o Golden State na frente por 108 a 90, o técnico Doc Rivers retirou seus titulares de quadra, definindo o placar.

Com a série empatada, as equipes voltam a se encontrar na próxima terça-feira, às 23h30 (horário de Brasília).

Destaques

Los Angeles

Blake Griffin: 21 pontos, seis rebotes
Chris Paul: 16 pontos, seis assistências, cinco rebotes
Jamal Crawford: 26 pontos
Matt Barnes: dez pontos, cinco rebotes
J.J. Redick: 12 pontos

Golden State

Stephen Curry: 33 pontos, sete rebotes, sete assistências, 7-14 em três pontos
Andre Iguodala: 22 pontos, nove assistências, quatro rebotes
Klay Thompson: 15 pontos, cinco rebotes, cinco assistências
David Lee: 15 pontos, seis rebotes
Harrison Barnes: 15 pontos, quatro assistências

 

Toronto Raptors 87 x 79 Brooklyn Nets

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=nmpM6GzY6Dc]

Fora de casa, o Toronto Raptors derrotou o Brooklyn Nets e empatou a série em 2 a 2. DeMar DeRozan e Kyle Lowry foram os grandes destaques do time canadense com 24 e 22 pontos, respectivamente. Pelo Nets, Paul Pierce foi o melhor, com 22 pontos e cinco rebotes.

O Raptors teve um ótimo início de jogo, e a diferença chegou a ser de 15 pontos no primeiro quarto após três cestas seguidas de Amir Johnson. No segundo período, o Nets encostou e a vantagem do Toronto caiu para cinco quando Pierce acertou de três, e em seguida, Andray Blatche fez uma bandeja. Ao fim do primeiro tempo, o Raptors vencia por 51 a 44.

Já no segundo tempo, o Nets virou o jogo em 52 a 51 e chegou a abrir cinco pontos de frente. Patrick Petterson e Lowry fizeram com que o Raptors retomasse a vantagem e os times foram para o último quarto com o placar empatado em 67 pontos. Nos 12 minutos finais, os donos da casa voltaram ao comando no placar pela última vez, por 79 a 78. Restavam cinco minutos para o término e o Nets não pontuou mais e assim, o Toronto garantiu a vitória sem grandes problemas.

A quinta partida ocorrerá na próxima quarta-feira.

Destaques

Toronto

DeMar DeRozan: 24 pontos, cinco rebotes
Kyle Lowry: 22 pontos, quatro rebotes
Amir Johnson: 17 pontos, cinco rebotes

Brooklyn

Paul Pierce: 22 pontos, cinco rebotes
Mirza Teletovic: 12 pontos, cinco rebotes
Deron Williams: dez pontos, seis assistências, quatro rebotes
Kevin Garnett: dez pontos, quatro rebotes

 

Houston Rockets 120 x 123 Portland Trail Blazers

[youtube=https://www.youtube.com/watch?v=qnXrwwRUyss]

Em Portland, os donos da casa precisaram novamente da prorrogação para superar o Houston Rockets. LaMarcus Aldridge, Damian Lillard, Nicolas Batum, e Wesley Matthews, anotaram pelo menos 21 pontos cada. Pelo Rockets, Dwight Howard, Chandler Parsons, e James Harden, foram os melhores. 

Chandler Parsons começou a partida com 12 pontos somente no primeiro quarto e o herói improvável da terceira partida, Troy Daniels, contribuiu com três cestas de três seguidas, enquanto o Rockets liderava por 32 a 23 já no início do segundo período. O Blazers não conseguia diminuir a diferença e o mínimo que conseguiu na primeira etapa foram quatro pontos. Os times foram para o intervalo com o Houston na frente por 61 a 51.

No terceiro quarto, Lillard fez de três e a vantagem do Rockets caiu para seis. Thomas Robinson, pressionando Dwight Howard, bloqueou o arremesso do pivô e em seguida, Aldridge deu um toco em Terrence Jones. O momento parecia estar mudando para o Blazers, que após nova cesta de três, agora no estouro do cronômetro, conseguiu diminuir para cinco.

No período derradeiro, Dorell Wright fez de longa distância para reduzir para dois. Porém, Harden acertou duas vezes seguidas e o placar estava em 92 a 84. O Rockets não conseguia pontuar e o Blazers aproveitou para abrir 102 a 97, com menos de três minutos para o término. Então, Howard bloqueou dois arremessos e o Houston empatou em 102 após lances livres de Harden. Pouco depois, o mesmo Harden recolocou sua equipe na frente da mesma forma em 104 a 102. Mo Williams fez de três, restando 18.2 segundos após muita briga e o Blazers estava na frente por 105 a 104. Aldridge bloqueou a tentativa de Harden e Wesley Matthews sofreu falta. O ala-armador converteu um dos lances livres, restando oito segundos para acabar. Com a posse de bola, Harden foi novamente para a cesta, mas desta vez passou para Howard, que enterrou, empatando em 106 e o jogo foi para a prorrogação.

Já nos cinco minutos finais, o Blazers abriu sete pontos, mas não conseguiu segurar a vantagem e o Rockets diminuiu para dois. Harden teve a chance de virar, mas errou seu arremesso. No lance seguinte, Lillard acertou dois lances livres para deixar o Portland na frente por 121 a 117. Aldridge poderia aumentar a vantagem, mas falhou nos lances livres. Com dez segundos para acabar, a arbitragem marcou falta em Daniels, que converteu suas três tentativas com o placar em 121 a 120. Williams acertou dois lances livres e a diferença era de três. Na última tentativa de Houston, Matthews roubou a bola, dando números finais ao embate.

Na próxima quarta-feira, as duas equipes voltam a se encontrar, às 22h30 (horário de Brasília). O Blazers possui a chance de fechar a série fora de casa.

Destaques

Houston

James Harden: 28 pontos, seis assistências, quatro rebotes
Dwight Howard: 25 pontos, 14 rebotes
Chandler Parsons: 26 pontos, oito rebotes
Troy Daniels: 17 pontos, 4-5 em três pontos 

Portland

LaMarcus Aldridge: 29 pontos, dez rebotes, quatro bloqueios
Damian Lillard: 23 pontos, oito assistências
Nicolas Batum: 25 pontos, seis rebotes, seis assistências
Wesley Matthews: 21 pontos, quatro rebotes, quatro roubadas
Robin Lopez: seis pontos, 11 rebotes

Gustavo Freitas
Gustavo Freitas
Mineiro de Uberaba, é co-fundador do Jumper Brasil e fã do Boston Red Sox.
  • Clippers fez certinho, tem que acabar com esse velho babaca ai. Daniel Alves também aderiu a causa hahaha’ brincadeira galera.

    Toronto e Nets pra mim é a unica série que vai pra 7 jogos, com Toronto levando, minha opinião. Um time como o Brooklyn não pode ficar 5 minutos sem pontuar, não existe isso.

    Sobre Portland e Houston, acho que essa série só ta perdendo pro Heat x Spurs ou Heat x Celtics dos últimos anos (das que acompanhei de perto claro). Aldridge jogando DEMAIS, Lillard sendo clutch. Mais clutch que ele só Troy Daniels. O muleque fdp haha’ Houston tem um timaço, mas falta alguma coisa. Falta esse coração que o Blazers tem. Pra mim podem surpreender sim e dependendo dos cruzamentos (não duvido de mais nada no oeste) chegarem as finais da liga.

    Sobre o Bulls x Wizards: Reza a lenda que Joakim Noah, Jimmy Butler e companhia limitada foram pegos no aeroporto de Washington DC e falaram o seguinte: “Nossas férias estão programadas já a algum tempo, sabiamos que iriamos parar de trabalhar nessa rodada ou na outra” e nisso o entrevistador indagou: “Mas vocês não acham que podem chegar nas finais da conferência??” E Noah desabafou: “Temos chances reais de chegar lá sim, mas na final de conferência ganharíamos o primeiro jogo e o Heat os outros 4. Nós não merecemos ser estuprados!!!”

    • hahahaha, muito engraçado.

    • kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk pqp ele falo isso mesmo? MITO!

      • Ramon

        Claro que não inocente.

    • Kleber

      Kkkkkk guerreiro.

    • Roger

      Acho que você tentou ser engraçado, só acho.

  • Claramente deu pra notar o desanimo do time do Clipers ontem, principalmente DeAndre Jordan e Chris Paul, e lamentavel que isso tenha acontecido, espero que esse dono cretino do Clipers tome uma punição severa.

    Eu ainda acredito que Toronto vai se classificar.

  • Anônimo

    Quem diria, wizards e Portland avançando.
    Nao sei porque mas to achando que da okc x miami

  • Nicolas

    Playoffs 2014
    Mandantes 14-16 (sim mandantes perderam mais!)
    4 séries empatadas (indiana-hawks, Toronto-nets, okc-memphis, clipp-gsw)
    3 séries liderados por time de pior campanha (dallas-sas, portland-houston, wizz-Bulls)
    1 série heat 3-0
    7 jogos decididos na prorrogação.
    E faltam muitos jogos ainda!!!
    Obrigado NBA.

    • Thiago Dias

      Realmente… esse ano está demais… Melhor 1ª rodada de que já vi em muito tempo!!!

  • Celso Cachali Jr

    Esta sendo mesmo uma das melhores, Blazzers e Rocketts, são parecidissimos, Grizzz e Thunder uma baita serie. Dallas e SPURS, a maior Surpresa de todas, CLippers e Warriors… sensacional (uma pena que o merda do proprietario do clippers estragou esta serie) a Serie mais fraca e sem graça ate agora é a do PACERS E HAWKS, muito fraca, por mais que estejam empatadas…. MIAMI no OESTE nao seria tão facil assim. do leste ja sabemos o resultado que da MIAMI, agora o OESTE todos estão fazendo por onde.

  • Será que o proprietário do Clippers jogou fora a chance de ganhar o Oeste? Eu não acredito que os jogadores vão entregar a rapadura por isso, um cara como o CP3 não pode se dar esse luxo de jogar um ano fora intencionalmente, podendo e querendo muito ser campeão. Portland vai se classificar? Eu não sei viu… A mulecada de Toronto ontem teve um apagão, levou a virada no placar, mas contou com um apagão dos Nets no fim do jogo tambem, dois TO’s decisivos, um do Garnett e outro do Pierce, bom pra série que ta empatada e terá muita água pra rolar ainda.

  • Chefe

    Em qual site é possivel ver os playoffs de graça?

    • luisfernando

      Eu sempre assito no firstrow

      • luisfernando o firstrow ta normal pra você?? eu não tava conseguindo acessar esses dias, dai comecei a usar o sportshunter e ta sendo muit obom, trava menos que o firstrow

    • tem esse que é muito bom tbm: goatd.net/

    • Pedro Cortez

      Paga o league pass,não da nem 30 reais por mes, pela mor de deus ne

      • Chefe

        Dá pra fazer muita onda com 30 reais hahahaha. Acho que não é necessário, eu me mudei de cidade, aí to esperando colocarem tv a cabo.

  • Caseh

    O protesto maior dos Clippers foi durante o jogo mesmo, os Warriors, que não tem nada com o assunto, tem mais é que aproveitar mesmo. De repente até consigam a vaga ainda.

    Mas que diferença de nível (não apenas técnico, mas emocional) entre os jogos Raptors x Nets e Rockets x Blazers, nem se compara! Essas séries do Oeste estão ferrando meu sono, mas tá valendo muito a pena acompanhar. Não dá pra arriscar absolutamente nenhum palpite!

    • Juba

      mas tbm tem o fato dos times do leste serem mais defensivos, e isso pode deixar as series mais “feias”.

  • Parabéns Wizards, vocês merecem ir adiante nos Playoffs, o time INTEIRO joga de uma forma muito redonda. Enquanto ao Bulls, só tenho a lamentar, enquanto o time continuar a usar apenas 7 jogadores na rotação NUNCA irão ganhar título algum, enquanto não houver um TIME nessa franquia, vai ficar sempre na mesmice, com Noah e Gibson carregando o time nas costas enquanto ficamos na eterna espera por Rose, torcendo para que ele não se machuque na próx. temporada.

    • Zack Batista

      Pois é Daniel… A direção está trabalhando no intuito de trazer o Carmelo e o Mirotic para a próxima temporada…Vamos ver no q vai dar… E com a volta de Rose chegando perto de 100% fisicamente, poderemos voltar a sonhar c o título da liga novamente.

  • Claramente o time do Bulls necessita de alguém q coloque a bola debaixo do braço e pontue(ou decida). Esse é o grande problema no time de Illinois. Pra mim, depois q Rose se machucou novamente e, posteriormente, Luol foi trocado, tanto faz se o Bulls ganhe ou não. Não tem time para almejar nada nessa temporada mesmo. Com a possível adição de Carmelo e Mirotic, e com a volta d Derrick, aí sim seremos candidato ao título de novo… Vamos apenas aguardar…

    Sobre o Clippers, acho q a situação lá ficou bem complicado. Sei q os atletas são em primeiro lugar, profissionais, e q todos almejam vencer mas, será q os jogadores da equipe angelina vão se matar para vencer daq pra frente?? Eu já tenho minhas dúvidas. A declaração daquele infeliz envenenou a equipe…

  • dede

    o que o aldrige ta jogando é absurdo, mvp das finais facil, por enquanto, mas acredito ainda na reação do houston!!!!!!!!!!!!!!

  • Zack Batista

    A propósito, esse time do Brooklyn está todo desorganizado. Não possui uma “cara” ainda. Tem momentos de jogos do time q parece q os atletas estão jogando pelada, sem definição alguma de jogadas… Cada um por si… É a imagem q está passando para quem assiste. Precisam acertar isso o mais rápido possível(necessitam ser mais sistemáticos), se continuarem, vão acabar sendo eliminado pelo Toronto Raptors… Pois time eles tem…

  • MARCOS OKC

    Como ja disse aqui, Se o Demar Derozan jogar a nivel de ALL-STAR o Raptors passa. Quando ele joga bem todos jogam bem.

    O Que aconteceu com T. Ross? ele se machucou serio?

  • rodrigohawks

    Eitaaa chicago Jordans kkkkkkkkkkkk LETSSS GO HAWKSSSSSSS <3

  • Tem fã do Bulls que acha que não, mas eles necessitam urgente do Carmelo. Torço que ele vá pra la. Eles precisam de uma referencia a mais. Thibs acha que trabalha com máquinas que não fadigam hauehaueh

    Sobre o Clippers, parece que Magic Johnson quer comprá-lo depois do que houve. Se for verdade isso, que legal seria.

    • Necessita pra ontem, e ele vai, e nós vamos embalar uns 2 títulos aí, será que o Heat deixa/?

      • Deixar não deixa não brother hahahahah mas vai ser muito bom pra conferencia. Vai ser pau a pau.

  • pedrokadf

    Será que vai acabar a serie entre Rockets X Blazers e não vai passar um jogo televisionado no brasil ? putz .. só jogão !!
    No nenê, no problem .. esse time do Wizards merece passar, estão jogando muito, sem contar que a torcidar está dando show, assim como a do Toronto !!
    Let’s go Heat .. 4×0 hoje ? hehe !!

    • Caseh

      O cara do Space disse ontem que talvez passe na quarta (provavelmente esse ou o Spurs x Mavs).

      • pedrokadf

        Tomara que passe msm Caseh 😀

  • pedrokadf

    *torcida está dando show

  • DirkMito

    Torcedor do miami torcendo para o Wizard, com medo do Bulls, que mundo é esse? Que Fase kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Pedro Cortez

      Medo? Não menospreze os Magos nao cara, eles estão com uma equipe bem redondinha. E acho que nene e o gortat vao da mt trabalho na defesa do miami.

  • Renan_T

    O narrador do Space é muito maaaaala, meu deus. Fora aquele inglês apache que ele fala.

  • rodrigohawks
    • Tenha pieade Rodrigo, não me zoe por favor cara, seu time é o mais vitorioso da história eu não quero ser humilhado.

  • Clippers ontem certeza que estava desanimado,warriors tem um timaço,mas perder do jeito que perdeu tem um claro motivo.
    Wizards e Blazers passaram já,muito dificil Bulls e Rockets virarem a série.