Recém-campeão da NBA com o Toronto Raptors, o técnico Nick Nurse assumiu o comando da seleção do Canadá e terá como primeiro desafio a Copa do Mundo, que será realizada de 31 de agosto a 15 de setembro, na China.

Nesta terça-feira, o gerente-geral da seleção canadense, Rowan Barrett, anunciou uma pré-lista de 29 jogadores que estarão à disposição para o período de treinamentos, a partir do dia 4 de agosto, visando à disputa do torneio.

Entre os atletas chamados, 17 atuam na NBA, nove jogam na Europa, dois ainda estão no basquete universitário (College) e um atua na G-League. Os destaques são os armadores Jamal Murray (Denver Nuggets) e Shai Gilgeous-Alexander (Oklahoma City Thunder), o ala-pivô Kelly Olynyk (Miami Heat), o pivô Tristan Thompson (Cleveland Cavaliers) e o novato R.J. Barrett (New York Knicks).

O Canadá vai disputar a Copa do Mundo praticamente com a sua força máxima. A ausência mais sentida da pré-lista é a do ala Andrew Wiggins (Minnesota Timberwolves), que não disputa uma partida pela seleção canadense desde 2015. 

“Ser convidado para representar o seu país é uma grande honra e estamos empolgados com o grupo de atletas que convidamos para o período de treinamentos no próximo mês, em Toronto. Esses atletas demonstram a profundidade de talento que temos agora em nosso país, enquanto nos preparamos para enfrentar o desafio da Copa do Mundo de Basquete da FIBA. Quanto a Wiggins, este não é realmente o momento certo para ele, e nós temos que respeitar isso”, disse Rowan Barrett, que também é pai de R.J. Barrett.

O selecionado canadense é considerado um dos mais talentosos do mundo e uma potencial crescente ameaça ao tricampeonato mundial dos Estados Unidos. O melhor resultado da equipe na Copa do Mundo FIBA foi duas sextas colocações, nas edições de 1978 e 1982.

O Canadá está no grupo H do Mundial, considerado o mais forte da competição, ao lado de Lituânia, Austrália e Senegal. Os dois primeiros colocados do grupo se classificam para a segunda fase.

Confira a pré-lista de convocados do Canadá para a Copa do Mundo

Armadores
Aaron Best (Riesen Ludwigsburg – ALE)
Andy Rautins (Bahçeşehir Koleji – TUR)
Andrew Nembhard (Florida Gators – NCAA)
Brady Heslip (İstanbul BŞB – TUR)
Cory Joseph (Sacramento Kings)
Jamal Murray (Denver Nuggets)
Kevin Pangos (FC Barcelona – ESP)
Luguentz Dort (Oklahoma City Thunder)
Naz Mitrou-Long (Salt Lake City Stars – G-League)
Nickeil Alexander-Walker (New Orleans Pelicans)
Nik Stauskas (Cleveland Cavaliers)
Phil Scrubb (Zenit – RUS)
Shai Gilgeous-Alexander (Oklahoma City Thunder)

Alas
Aaron Doornekamp (Valencia – ESP)
Dillon Brooks (Memphis Grizzlies)
Kyle Wiltjer (Unicaja Málaga – ESP)
Marial Shayok (Philadelphia 76ers)
Melvin Ejim (BC Unics – RUS)
Oshae Brissett (Syracuse Orange – NCAA)
R.J. Barrett (New York Knicks)
Thomas Scrubb (Varese – ITA)
Trey Lyles (San Antonio Spurs)

Pivôs
Brandon Clarke (Memphis Grizzlies)
Chris Boucher (Toronto Raptors)
Dwight Powell (Dallas Mavericks)
Kelly Olynyk (Miami Heat)
Khem Birch (Orlando Magic)
Mfiondu Kabengele (Los Angeles Clippers)
Tristan Thompson (Cleveland Cavaliers)

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.
  • Eliézer Alves

    Nem a seleção do Canadá quer o Wiggins e o Wolves fez aquele contrato imoral, nem o Wiggins deve ter entendido qnd ofereceram o contrato pra ele

    • Alberto Ribeiro

      Tinha q ser oferecido pelo mesmo cara que ofereceu aquele contrato pro dieng

    • Alex Alves

      Mas será que ele não fez esforço ou o Nurse não o escolheu.

    • Na verdade é opção do jogador…

  • arruda91 arruda

    Tem uma garotada Boa de bola ! Pode ser Futura 2 colocada

  • Oric

    potencial crescente ameaça ao tricampeonato mundial dos Estados Unidos. NUNCA serão jamais serão.rsrs

  • Alex Alves

    Shai/Murray/RJ/Clarke/Thomspon é um time bem jovem e talentoso.

    • Julio Zago

      Bom elenco, base jovem e um técnico muito competente, Canadá possui condições para se consolidar como segunda força.
      Mas vai ter de jogar bola, o grupo é forte e promete ser bem disputado. Equipe da Lituânia é muito boa.

      • Alexandre Wagner

        Servia é bem interessante tbm.

        • Alex Alves

          O problema das seleções Europeias no basquete é tipo o futebol masculino africano nasce um ou dois craques por pais.

          Mas realmente a Sérvia, Espanha e França possuem um bom número de jogadores talentosos.

          • Julio Zago

            As seleções Europeias costumam ser muito fortes taticamente, isso também conta muito.
            Canadá tem elenco para se consolidar como segunda força, mas o nível dos demais concorrentes é muito bom, Espanha e França não estão em um patamar muito diferente, Sérvia e Lituânia também possuem elencos muito bons e praticam um basquete extremamente competitivo, bem ao estilo europeu.

      • Alex Alves

        Daqui uns 2/3 anos esses jovens podem dar trabalho.

        Mas a molecada precisa desenvolver.

  • Lobato p

    Na opinião de vcs quais as seleções pra desafiar os EUA???

    • Diego Costa

      Nenhuma. EUA ganha com um pé nas costas.

      Mas te digo que se o Giannis fosse do Canadá, seria um duelo interessante.

    • Vitor Martins

      Brasil vem forte. Tô confiando nessa molecada nova que tá surgindo ai, Leandrinho, Alex, Varejão, Huertas, Marquinhos, tudo sub-40! rs

    • Alexandre Wagner

      Canadá e Servia são bem interessantes, mas se os EUA quiser mesmo eles levam esse campeonato de boa, imagine um time titular com Curry, Harden, Kawhi, Lebron e Davis, não tem pra ninguém.

      • Vitor Martins

        Curry, Lebron e Kawhi estão fora do mundial já. Bora ver se Harden e Davis vão pedir ou não despensa.

        • Alexandre Wagner

          Foi só um exemplo kkk.
          Mas mesmo com outro time eles são os favoritos.

          • Vitor Martins

            Ah sim, com certeza. Essa é a pré-lista dos caras!

            Harrison Barnes (Sacramento Kings)
            Bradley Beal (Washington Wizards)
            Anthony Davis (New Orleans Pelicans)
            Andre Drummond (Detroit Pistons)
            Eric Gordon (Houston Rockets)
            James Harden (Houston Rockets)
            Tobias Harris (Philadelphia 76ers)
            Damian Lillard (Portland Trail Blazers)
            Kevin Love (Cleveland Cavaliers)
            Kyle Lowry (Toronto Raptors)
            CJ McCollum (Portland Trail Blazers)
            Khris Middleton (Milwaukee Bucks)
            Myles Turner (Indiana Pacers)
            Kemba Walker (Charlotte Hornets)
            Kyle Kuzma (Los Angeles Lakers)
            Brook Lopez (Milwaukee Bucks)
            Paul Millsap (Denver Nuggets)
            Donovan Mitchell (Utah Jazz)
            Jayson Tatum (Boston Celtics)
            PJ Tucker (Houston Rockets)

          • Alexandre Wagner

            Ainda assim, está melhor do que qualquer time do mundial, o jeito é a europa se unificar e jogar com Doncic, Bogdanovic, Giannis, Vucevic e Jokic, ai da jogo. rs

        • João Víctor Matos

          Davis ja pediu dispensa.

          • Vitor Martins

            Já? Não sabia. Ele tava na pré lista.

          • João Víctor Matos

            Pediu dispensa ate dos treinos na semana passada depois que foi oficializado pelo Lakers.

    • Leonardo Augusto N. Dos Santos

      nenhuma. a hegemonia segue, mesmo com os top 5 pedindo dispensa… em 2014 foram campeoes com faried, plumlee e rudy gay………

  • Diego Costa

    Não vai fazer falta.

    • Vitor Martins
      • Diego Costa

        Wolves não faria essa troca.

        • Vitor Martins

          hehehe foi só de zoeira, mas OKC precisa despachar esse contrato pra alguém.

          • Diego Costa

            Acho que OKC tbm não faria.

            Acho mais fácil alguém aceitar o Paul em algum lugar do que o Wiggins. Esse contrato dele viraria um problema

            CP3 ainda tem a imagem de craque, alguns times como Pistons e Heat poderiam tentar um All in nele pra aproveitar pelo menos mais umas 2 temporadas em bom nível e tentar chegar longe.

            O Wiggins, eu acho que nego não aceita nem se não perder nada, esse contrato é muito ruim pra quem nunca fez nada na NBA. CP tá queimado, mas ainda é o CP3.

          • Leonardo Augusto N. Dos Santos

            Mas ia ser legal ver o CP3 jogar com o KAT

          • Vitor Martins

            CP3 merece ainda chance de disputar um título, mas o contrato dele infelizmente inviabiliza os favoritos correm atrás do cara.

  • João Víctor Matos

    Sem o Wiggins a defesa do Canadá estará bastante prejudicada.

    • Fora Abel PRAGA

      A preguiça dele é contagiante.

  • Diego Costa

    Shai/Murray é uma dupla muito interessante. Shai pode esconder o Murray na defesa.

    Torcendo pro Barret justificar a hype toda, seria muito interessante ele jogando bem nessa copa. Olynyk pode oferecer o espaçamento, mas aí juntar ele, Barrett e talvez o Thompson… Seria um desastre defensivo.

    • Julio Zago

      Acho que o Clarke vem como titular na 4.
      Mas você leu muito bem as características do elenco, Nurse terá de motivar seu elenco para defender e ajustar bem o setor.
      Canadá tem muito potencial, mas o grupo é muito forte, não pode bobear.

      • Diego Costa

        Pois é. Mas o clarke não é um jogador tão alto assim, e ainda tem uma envergadura bem pequena. Ele junto com Thompson tem esses problemas, mas daria pra testar.

        O bom é que o banco tem opções. Da pra rodar bem o elenco

        Walker, Joseph, Powell,Staukas..

  • Adriano Goveia

    Os australianos irritados q o Simmons desistiu e jogar na Copa… Só vai jogar os amistosos contra os EUA e Canadá https://au.sports.yahoo.com/basketball-ben-simmons-withdraws-from-fiba-world-cup-233732114.html

    • Alexandre Wagner

      Esse é o maior problema, os caras não estão nem ai para suas seleções, nesse aspecto o basquete perde feio pro futebol.

      • Vinícius Maia

        Não é questão de não estar nem aí cara. A temporada regular é exaustiva e além disso, os caras só praticamente esse período de férias para treinar em individualmente e aperfeiçoaram aspectos do seu jogo. Simmons evoluiu muito pouco na temporada passada em relação ao seu ano de calouro. O cara precisa amadurecer como jogador e se aprimorar se quiser crescer na liga e para isso, sacrifícios são necessários.

        • Guilherme

          O única coisa que Simmons precisa aprimorar é o seu arremesso, e ele mesmo se mostrou pouquíssimo preocupado quanto a isso. Já deu entrevistas a esse respeito. Ele evoluiu muito pouco por culpa exclusivamente dele. Não justifica uma ausência na Copa do Mundo por conta disso, mesmo que ele tenha o total direito de não disputar o torneio. O comentário do amigo acima não deixa de ser verdade, muitos jogadores (atualmente) não tem esse apreço pela sua seleção mesmo.

          • Vinícius Maia

            O problema é que nós só olhamos as coisas pela perspectiva de fãs e esquecemos que os astros que vemos na quadra também são seres humanos. A temporada da NBA é muito exaustiva. Me lembro até hoje de uma pré-temporada em que o Carmelo deu uma entrevista dizendo que não tinha feito nenhum treino nas férias e o Ricardo Stabolito da equipe do Jumper disse que não condenava o atleta por isso, pois a temporada exige muito do jogador são 82 jogos, sem falar dos playoffs onde os jogos são mais intensos. É algo insano, muito desgastante para os jogadores e ter que jogar pela seleção, priva os caras de tempo de descanso e também de treinamento individual, por isso não julgo nenhum jogador que pede dispensa.

          • Vitor Martins

            Pedir dispensa é absolutamente normal, o que eu fico puto e não me convence são as desculpas. É tudo bem falar: “preciso cuidar do meu corpo”. Blz, ou simplesmente querer descansar, ficar a com a família e tals. Ou mesmo abre o jogo e seja honesto “a franquia pediu que eu não fosse”. Sei lá. Agora, esse papo de que vai treinar é conversa pra boi dormir. Na boa. Vários jogadores americanos já afirmaram como evoluíram indo defender a seleção. Derrick Rose mesmo, disse que melhorou o arremesso e voltou depois de um mundial pra temporada de MVP. Ainda que Austrália não seja EUA jogar um torneio de alto nível, em outro esquema, poderia muito bem fazer o jogo do Simmons melhorar. Talvez até tentar um arremessos de 3 (a linha é mais curta) e ganhar confiança. O problema hoje do mundo é essa dualidade maldita, não existe só team Nene e team Oscar. Não tem nada a ver com escolher um lado, ou condenar um jogador, apenas apontar que a desculpa não foi boa e talvez nem mesmo a estratégia pensando na melhora do jogo dele.

          • João Víctor Matos

            Concordo que há espaço para melhoras nim ambiente de seleção mas ele disse que ficará com o time até o final de agosto. Então vai partilhar grande parte dessa experiência. Quase 2/3 do tempo.

          • Marco Brasil

            Fora o tempo para o lazer, faz parte também.

      • João Víctor Matos

        Ele se comprometeu a jogar as olimpiadas do ano que vem. Nao vai jogar porque o mundial é em setembro quando começa os treinos do 76ers.

        • Alexandre Wagner

          Ele só foi um caso, mas a verdade é que poucos são os que dão a devida importância a sua seleção.

          • Vitor Martins

            Eu acho que é pela falta de competitividade. É difícil um Horford ir se matar pela republica dominicana com poucas chances de ser campeã. Futebol não tem ninguém com o nível de dominância dos EUA. Uns anos atrás os americanos também tavam pouco se lixando, mas ai perderam pra Argentina, pra Grécia, e bateu aquele ego, os caras se uniram, conseguiram juntar os melhores e pronto. Hoje vejo que já tem muita gente da NBA pedindo dispensa da seleção americana, se eles perderem no mundial ou na olimpíadas deve voltar o mesmo processo.

          • Leonardo Augusto N. Dos Santos

            e mesmo assim ganham fácil, basta ver os últimos mundial e olimpíada…. o time C ou D da NBA leva o mundial…

  • Toni von Mises

    Armadores: Cory Joseph (Sacramento Kings), Jamal Murray (Denver Nuggets) e Shai Gilgeous-Alexander (Oklahoma City Thunder);

    Alas: Aaron Doornekamp (Valencia – ESP), Dillon Brooks (Memphis Grizzlies), R.J. Barrett (New York Knicks), Thomas Scrubb (Varese – ITA) e Trey Lyles (San Antonio Spurs);

    Pivôs: Brandon Clarke (Memphis Grizzlies), Dwight Powell (Dallas Mavericks), Kelly Olynyk (Miami Heat) e Tristan Thompson (Cleveland Cavaliers).

    Deve ser muito próximo disso aí, se todos estiverem aptos.

    • Gustavo Dias

      Marial Shayok foi o destaque do Sixers na Summer League. Gostei muito dele, com o devido cuidado, mas o seu porte e jeito de jogar lembra muito o Kevin Durant. Essa seleção canadense tem um trio muito bom de jovens: Clarke, R.J. Barrett e o Shayok.

      • Vitor Martins

        Tem o NAW também, que é um puta fominha, mas tende a evoluir bastante. Entrou no quinteto ideal da Summer League. Impressionante a quantidade de talento dos caras.

    • Vitor Martins

      Dessa lista ai eu tiraria uns dois pra colocar o Pangos e o Ejim. Talvez levar o NAW também pra dar experiência pro garoto. Opções não faltam. Ainda mais com o Nurse agora.

  • Toni von Mises

    Vixe, vi a lista da seleção montenegrina… Vucevic, Milko Bjelica, Dubljevic, Todorov, Simonovic.. Vem completa. Sério risco do Brasil não jogar o mata mata. 🙁

  • Francimarques Lakão
    • Guilherme

      Uma loucura pensar que Kemba e Hayward custam quase a mesma coisa que Kawhi e PG.

    • Vitor Martins

      Hayward é duo com o Kemba? Não seria o Tatum? rsrs

      • Lucas Borges

        Não..são as mais caras

  • Francimarques Lakão

    Essa cara de traficante porto-riquenho posando pra foto na delegacia. 😂 https://uploads.disquscdn.com/images/b80f05922452f3d13435bd53f1c43cbde64c3fdd54524db68c69086829b1e81a.png

    • Guilherme Petros

      Ja disse e repito: a cara do Ingram me faz duvidar da eficacia do teste anti-dopping da NBA… rs

      • Francimarques Lakão

        E é maconha mesmo, e muita, não sei se outras substâncias ele ingere, mas sei a substância que NÃO ingere, anabolizantes, poderia já ter outro físico, aumentar seu desempenho atlético q o melhoraria como jogador, porém só gosta de tocar fogo na marvada.

    • Marcelo Desoxi

      Animado ao máximo.

  • Wagner

    “Quanto a Wiggins, este não é realmente o momento certo para ele, e nós temos que respeitar isso” kkkk…na verdade o momento certo vai ser quando ele estiver disputando ao liga chinesa, o que não deve demorar muito, aí vai querer ser convocado pra tentar voltar pra nba. Com certeza uma das piroes escolhas como número 1 dessa década.

    • José Antonio Bartholomeu

      O cara tem médias de quase 19 pontos na NBA. Tem muito *craque* na liga, jogador all-star, que não tem isso. Sinceramente, acho q é um grande exagero o que as narrativas fazem com ele.

      • Leonardo Augusto N. Dos Santos

        Tudo é uma questão de expectativa, acharam que o cara seria um novo Lebron ou Durant… pode ate ter talento, mas nao tem a mentalidade desses caras, é meio que o caso do kyrgios no tenis…. narrativa é poder

        • José Antonio Bartholomeu

          Obrigado por responder sem ofender. Rs. Com certeza. Linguagem é discurso e discurso é poder. Eis a questão, seria necessário uma compreensão maior pra saber que Durants é Lebrons não nascem todos os dias em qualquer lugar. O rapaz tem excelente média, joga em um time que só faz troca ruim, tinha um técnico que prendia o time, agora busca se reestruturar. O fracasso não é só dele. Já vi jogos dele de 40 pontos. É um cara talentoso. Não será Durant, Lebron…Como muitos outros não foram. Mas pelas médias merece uma carta de confiança. Quem sabe em um novo time.

          • Adson Silva

            José também tem o fato de parecer que ele tá piorando com o tempo não o contrário ele já teve média de 23 ppg, todos acharam que depois disso ele ia evoluir em um ALL Star mais as médias dele só caíram.

  • Guilherme Petros

    A real é que o Wiggins não faz a MENOR FALTA pra essa seleção do Canada

    • Alex Alves

      Falta com toda certeza faz, afinal é um talento absurdo mas preguiçoso.

      É meio complicado analisar o jogador ele faz seus 18/20 ppg sem vontade alguma na NBA e se tudo der errado vai sair da liga com quase 200 milhões de salário. Realmente é um grande desperdício de talento.

      • Guilherme Petros

        ele não é convocado há anos. o time ja deve ter mais facilidade pra jogar sem ele do q pra encaixa-lo na equipe

      • Marcelo

        Exatamente, mano! Talentoso, mas de uma falta de vontade que irrita. Se não ocorrer um milagre, vai acabar jogando sua carreira no lixo da mesma forma que Michael Beasley, outro talento nato que perdeu o foco.

  • Tiago Almeida

    Grupo mais forte com Austrália e Senegal? Não entendi rs

    • Guilherme Petros

      Mas Austrália é muito forte. o grupo é super disputado mesmo.

      • Anderson Tomás

        Sim , e historicamente Senegal também é muito forte no basquete africano. DeSagana Diop jogou um bom tempo na seleção. Hoje tem Giorgui Dieng e Maurice Ndour, Tacko Fall pode reforçar. É óbvio que são mais fracos em relação ao resto do mundo, mas Senegal, Nigéria e Camarões sempre tiveram muitos caras no College e na NBA.

        • Mavscelo

          Grande Diop, campeão com a gente em 2011.

    • Vitor Martins

      Austrália é bem forte mano, uma das melhores seleções formadas por humanos! rs
      A princípio são três das melhores seleções do mundo (fora EUA) disputando duas vagas.

      • Tiago Almeida

        Tirando o Simmons não teme ninguém de nível

        • Vitor Martins

          Patty Mills – Dante Exum – Joe Ingles – Jonah Bolden – Aron Baynes
          Dellavedova – Josh Green – Ryan Broekhoff – Thon Maker – Bogut

          O único jogador que não é da NBA é o Josh Green, da NCAA e cotado pra loteria do próximo draft. É sim, mesmo sem o Simmons, um dos melhores times do torneio. E ainda tem uns caras que jogam em alto nível na europa pra completar.

          • Tiago Almeida

            Bogut é praticamente um ex jogador em atividade, patty mils é fraaquissimo e os outros que vc disse são todos role players.

          • Vitor Martins

            Sim, mas quem tem isso nesse torneio mano? A gente não tá montando um time de NBA. Mills reina em torneio assim. No RIO 2016 ele foi um dos cestinhas do campeonato, mais de 20pts de média.

          • CLM Lakers

            Mills vai muito bem no jogo fiba, tanto que foi o cestinha da Olimpíada, a Austrália é sim uma das melhores seleções do mundo.

        • Leonardo Augusto N. Dos Santos

          o time titular é todo NBA

  • Alex Alves

    Wiggins precisa trocar de time urgentemente o problema é alguém aceitar esse contrato que ele possui

  • Vitor Martins

    Não sei se em vida verei o Brasil disputar mais alguma olimpíada. Não se manterem esse formato de mundial e apenas 12 seleções nos jogos olímpicos. São duas vagas pras Américas pros dois melhores times do continente no Mundial. Obviamente, Canadá e EUA são os grandes favoritos. Se por acaso Canadá tropeçar ainda tem Argentina, República Dominicana na nossa frente. Brasil, se ficar numa boa colocação iria pra um pré-olímpico mundial, com seleções européias. Ai já era. Hoje somos no mínimo a quinta força do continente, talvez até o time mais fraco (venezuela e Porto Rico tem times melhores), embora com o tempo dê para passa-los nas próximas competições, agora o resto eu julgo impossível em uns 60, 70 anos.

    Veja bem, República Dominicana sempre está revelando grandes jogadores, all-star, coisa que o Brasil jamais fez. Argentina pode montar um time de bairro que vai jogar melhor que a gente. Jamais vi tamanha freguesia. Algumas semanas atrás a seleção Brasileira sub-14, jogando em casa, perdeu o sul-americano pros argentinos por mais de 20 pontos. É bom que a gente já começa ensinando a passar vergonha pros hermanos desde pequenos! rs A gente até vai colocar um Didi ou outro na NBA, mas jamais vamos ter uma seleção melhor que a deles. Lá criaram cultura, filosofia, e ainda que faltem prospectos, atletismo, sempre jogam melhor pela força do coletivo.

    E é isso, Canadá se tornou inalcançável assim como os EUA, e somos desorganizados demais pra competir pelas migalhas com os outros países do continente. Pra se ter uma idéia, São José contratou um argentino que fez incríveis 7pontos de média na última temporada lá. Isso mesmo. Temos um time do NBB que prefere dar minutos pra um cara que foi o SÉTIMO cestinha de um time que ficou na DÉCIMA SEXTA colocação do campeonato deles. Pra que formar um jogador, não é mesmo? Ai depois a gente olha a lista da seleção brasileira e vê a sempre com os mesmos nomes das capitanias hereditárias do time, e se pergunta “ué gente, pq não tem renovação?”

    • Prof. DingleDong

      “É bom que a gente já começa ensinando a passar vergonha pros hermanos desde pequenos.”

      hahahahahahahahaha
      Sensacional!

  • Rickson

    e ainda se dao o luxo de nao chamar dois numero 1 de draft da nba…wiggins e bennet….q grande time…