Sincero, GM do Suns explica decisão de trocar Marquese Chriss: “Involuiu”

Dois anos podem mudar muita coisa na NBA. O Phoenix Suns realizou uma troca para adquirir a oitava escolha do draft de 2016 e, assim, poder selecionar o jovem Marquese Chriss. O mesmo ala-pivô, agora, acaba de ser incluído em negociação inesperada que serviu somente como uma manobra de redução de folha salarial. O gerente-geral da franquia não esconde ter se decepcionado com o prospecto.

“Qualquer um que esteja nesse cargo precisa ser realista sobre o desenvolvimento de um jogador. Com Marquese, houve altos e baixos. Acho que ele fez uma ótima campanha de novato, provavelmente jogando melhor do que esperávamos de um garoto de 19 anos. Então, na última temporada, por algum motivo, simplesmente involuiu”, revelou Ryan McDonough, em entrevista a uma rádio do Arizona.

O executivo ainda explicou que, com a chegada de Igor Kokoskov ao comando do Suns, a tendência é que Chriss não fosse um bom encaixe e perdesse mais espaço na rotação. “Igor traz novas filosofias e um sistema ofensivo de alta sofisticação. É grande parte da motivação da saída de Marquese. Precisávamos de certos atletas para fazer o esquema funcionar e tomamos uma decisão”, justificou.

Chris foi enviado para o Houston Rockets em troca concretizada no mês passado, juntamente com o armador Brandon Knight, pelo ala-pivô Ryan Anderson e o calouro De’Anthony Melton.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • João gabriel

    Jogador frustrado e meia boca

  • Marcio

    Deveria continua aposentado!!! Tranqueira

  • Eder Bicalho

    Esperava mais dele, mas além de não parecer mto disciplinado, nunca emagrecia e não tinha tanta vontade.
    Talvez treinando em um time q luta pelo titulo de imediato, mude essa sua postura.