“Situação do Grizzlies é vergonhosa e triste”, desabafa Marc Gasol

O Memphis Grizzlies até emplacou um bom início de temporada, mas as coisas começaram a dar errado cedo e rápido no Tennessee. Depois de vencer cinco de seus primeiros seis jogos na campanha, o time registra oito derrotas nas últimas dez partidas e está quase saindo da zona de classificação aos playoffs. Para Marc Gasol, os resultados refletem um problema muito mais sério na franquia.

“Quando você permite certas posturas, tudo se dificulta. A defesa não funcionará se só voltarem quatro ou três jogadores para marcar. Não é o bastante. No momento, a verdade é que não há consistência aqui e fica complicado vencer assim. Essa não é a filosofia que construímos ao longo da última década. Para mim, nossa situação é vergonhosa e triste”, desabafou o astro, em desanimada entrevista coletiva.

O Grizzlies notabilizou-se nos últimos anos por um estilo de jogo físico, dedicado e extremamente aguerrido que recebeu o nome de grit and grind. No entanto, na offseason passada, a franquia desagradou a torcida ao deixar que dois veteranos ídolos locais, líderes do elenco e símbolos da raça de Memphis saíssem do time como agentes livres: Tony Allen e Zach Randolph.

“Eu não reconheço a cultura que construímos por tanto tempo nos últimos jogos. É lógico que você sempre tem que evoluir e adaptar-se, não podemos seguir jogando como se fosse 2013, mas há virtudes que precisam ser mantidas e são necessárias para vencer. Neste momento, nós não mostramos essas virtudes. Isso não é o que defendemos por anos”, admitiu o pivô espanhol.

O péssimo rendimento do Grizzlies poderia ser creditado ao desfalque do armador titular, Mike Conley, mas Gasol também recusa a possibilidade. “Nós tínhamos os mesmos problemas enquanto Mike estava atuando. A diferença é só ter um pouco mais consistência no grupo, pelo entrosamento que já temos. Ele entende o que fazemos há tanto tempo e leva muito a sério”, argumentou.

O treinador David Fizdale vem “sofrendo” na administração da rotação e com lesões pontuais, já tendo escalado nove jogadores diferentes como titulares na campanha recém-iniciada. Doze dos 15 atletas do elenco possuem média acima de 14 minutos de ação nesta temporada. Enquanto o time parece ainda procurar formações ideais, o veterano não esconde estar pessimista quanto ao presente.

“A única coisa que posso dizer é desculpas, pois isso não é o que nossos torcedores se acostumaram a ver. Precisamos encontrar uma solução e a única forma que eu conheço é trabalhando. Existem muitos jogadores recém-contratados aqui e temos que inseri-los em nossa filosofia – a confiança, a responsabilidade coletiva, o gosto pelo desafio. A falta disso é o mais difícil de engolir hoje”, lamentou Gasol.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Luiz

    Triste fim da “Grind City” .! So resta agora trocar Gasol e Conley por picks e ir pro rebuild.

    • Kaio_

      menos kk

      • Rafael lima

        Kkkkkkkkkkk 😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂

    • Sérgio Menezes

      Com gasol, conley e randolph o time não conseguiu vencer, quem dirá hoje. Se a diretoria for esperta troca os dois e começa a reconstrução.

      • Não me parece que eles estão nem um pouco a fim de reconstruir, agora se Conley ou Gasol saírem, o rebuild começa pros Ursos oficialmente…

      • Daniel Azevedo

        Vai ser muito difícil alguém abraçar esse contratinho do Conley.

  • BamBaiano #CelticsHospital 🐳👴☘

    Eeeeta

  • Leonard

    Olha, antes da temporada começar tive a sensação de que Gasol não terminaria ela em Memphis, entretanto essa entrevista com certeza tem a ideia de sacudir os vestiários da equipe antes de qualquer outra coisa, mas me lembra muito que antes da temporada iniciar Marc declarou que se as coisas não estivessem de acordo ele não exitaria em pedir para mudar de ares, quem pode dar mais?!

    • Brockbell

      Se LA não estivesse melhorando eu acreditaria que Marc poderia parar nos Spurs e jogar ao lado do irmão. Mas pensando na posição, Thunder, Raptor, Wizards, Bucks, Sun podem ser boas opções, já que tem muito time apertado com gastos.

  • Enzo Soares

    Palavras fortes. Talvez isso anime mais a equipe, igual o que o coach fez naquela entrevista nos offs contra os Spurs.

  • Marcelo Desoxi

    “…Existem muitos jogadores recém-contratados aqui e temos que inseri-los em nossa filosofia – a confiança, a responsabilidade coletiva, o gosto pelo desafio. A falta disso é o mais difícil de engolir hoje”
    Rapaz.

  • Sérgio Menezes

    Depois que deram o contrato máximo para o parsons, tudo desandou em Memphis.

  • Renato

    E mais uma pick top vem pro Celtics, Escolha Memphis 2019 e nossa. Top 8 protegida, 2020 Top 6, 2021 desprotegida

    • Andrew

      Verdade, hein. Quase sempre nos “esquecemos” dessa pick Memphis 2019. Isso aí Memphão, bora pro tank ao final da atual temporada! kkkkkkk

  • JAMnba

    achei essa reação exagerada

  • Vai dar uma comida de rabo bonita no vestiário.

  • Eu não vejo jogo deste time se Conley ou Gasol estiverem fora, mas uma coisa é positiva neste inicio de temporada dos Ursos, a volta do Tyreke Evans a NBA…