Sob nova gestão, Knicks teria interesse em Carmelo Anthony e Chris Paul

O New York Knicks iniciou uma nova etapa em suas operações no primeiro dia de março, com a chegada de Leon Rose à presidência da franquia. Mas, diferente da badalação costumeira no time, o ex-agente de atletas evitou holofotes chegando a recusar uma entrevista de apresentação à imprensa. Ele foi direto ao trabalho – e até reforços já estariam sendo debatidos nos bastidores.

De acordo com Marc Berman, do jornal New York Post, especula-se que o executivo estaria interessado em trazer os veteranos Carmelo Anthony e Chris Paul para a equipe na próxima temporada. Rumores dão conta que, quando comprometeu-se a assinar com o Knicks, uma das promessas feitas pelo novo dirigente teria sido que a franquia tentaria contratar os craques na offseason.

Os dois jogadores seriam alvos fáceis de Rose porque estiveram em sua cartela de clientes no passado. O armador, em especial, possui uma relação forte com o ex-agente. “Eu estou tão feliz pelo novo emprego de Leon que até fico emocionado. Passei por muita coisa ao seu lado. Nós temos uma relação maior do que o puro profissionalismo. Ele é da família e torço por seu sucesso”, celebrou Paul.

Carmelo tende a ser a negociação mais simples entre os dois pretendidos: o titular do Portland Trail Blazers torna-se agente livre ao fim da temporada e, a julgar por sua condição na offseason passada, não deverá ter tantos interessados mesmo vivendo uma boa temporada. O Knicks pode ter um apelo especial junto ao ala por dar a chance de voltar à equipe onde ainda é tratado como ídolo.

Já Paul é um caso mais difícil de viabilizar negócio. Embora tenha sido eleito para o Jogo das Estrelas nesse ano, o jogador de 34 anos tem uma situação contratual caótica e US$85.5 milhões a receber em salários nas próximas duas temporadas. É provável que o Oklahoma City Thunder até aceite trocá-lo na offseason, mas vai exigir valor em retorno pelo bom momento vivido pelo veterano.

Carmelo e Paul, curiosamente, eram dois dos atletas com que o Knicks sonhava em contratar em uma “janela de transferências perfeita” há dez anos. Rose, na época, ajudou a frustrar o sonho nova-iorquino enquanto formava o “Big Three” do Miami Heat – a reunião de LeBron James, Chris Bosh e Dwyane Wade.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.