Visitantes deram show no fim da rodada

San Antonio Spurs 127×102 Sacramento Kings

Ao lado de Gary Neal, Splitter foi o cestinha do Spurs na partida com 17 pontos. O pivô brasileiro ficou em quadra por 22 minutos e teve participação essencial na vitória dos visitantes.

O primeiro tempo foi equilibrado e, no intervalo, a diferença da equipe de San Antonio par ao Kings era de apenas um ponto. Mas o segundo tempo praticamente perfeito de Tony Parker e companhia garantiu a quinta vitória seguida da franquia, quadragésima quinta na temporada.

Tyreke Evans (20) e Isaiah Thomas (21) foram os principais pontuadores dos anfitriões. O pivô DeMarcus Cousins mostrou muita vontade mas pecou pelo excesso de força e foi eliminado com seis faltas. Ainda assim, ele contribuiu com 18 pontos e nove rebotes.

Destaques

Spurs

Tiago Splitter: 17 pontos e 7 rebotes

Gary Neal: 17 pontos

Tony Parker: 15 pontos e 8 assistências

Kings

Isaiah Thomas: 21 pontos e 8 assistências

Tyreke Evans: 20 pontos

DeMarcus Cousins: 18 pontos e 9 rebotes

Los Angeles Lakers 99×87 Golden State Warriors

Ainda sem contar com Kobe Bryant, o Lakers passou pelo Warriors com a grande dupla de garrafão formada por Andrew Bynum e Pau Gasol. O espanhol, em especial, foi um show a parte. O pivô chegou ao triplo-duplo com 22 pontos, 11 rebotes e 11 assistências e foi o grande líder da equipe em quadra. Bynum não pegou o número abusivo de rebotes que vinha tendo, mas mostrou muita presença dentro do garrafão e terminou a noite com 31 pontos. Metta World-Peace lembrou os bons tempos de Ron Artest e teve uma atuação que há anos não tinha. Muita vontade na defesa, visão de jogo e pontaria no ataque. Dezoito pontos e nove passes decisivos para o ala.

O Warriors não teve forças para segurar os visitantes. Sem David Lee e Nate Robinson, a jovem equipe não encaixou seu melhor jogo e perdeu o sexto duelo seguido, 39 na temporada inteira. O Lakers voltou a vencer e agora soma 40 triunfos.

Destaques

Lakers

Pau Gasol: 22 pontos, 11 rebotes e 11 assistências

Andrew Bynum: 31 pontos e 9 rebotes

Metta World-Peace: 18 pontos e 9 assistências

Warriors

Klay Thompson: 17 pontos e 5 assistências

Dorrel Wright: 12 pontos e 7 rebotes

Jeremy Tyler: 15 pontos e 6 rebotes

Utah Jazz 112×91 Portland Trailblazers

A boa partida da dupla formada por Gordon Hayward e Devin Harris rendeu ao Jazz a sua trigésima terceira vitória na temporada. Desfalcada, a equipe de Portland conheceu sua trigésima quinta derrota.

Além de Hayward e Harris, quem também mostrou um bom basquete foi o novato Alec Burks. O ala-armador saiu do banco de reservas e anotou 17 pontos.

Sem LaMarcus Aldridge, Jamal Crawford e Raymond Felton, o Blazers viu Wesley Matthews ser o cestinha da franquia no jogo com 21 pontos, mas nada que fosse o suficiente para fazer frente aos visitantes.

Destaques

Jazz

Gordon Hayward: 23 pontos

Devin Harris: 27 pontos, 4 rebotes e 4 assistências

Alec Burks: 17 pontos, 5 rebotes e 5 assistências

Blazers

Wesley Matthews: 21 pontos e 4 rebotes

JJ Hickson: 16 pontos e 9 rebotes

Luke Babbit: 16 pontos e 5 rebotes

Oklahoma City Thunder 109×97 Phoenix Suns

O Thunder visitou o Suns e passou com facilidade. Destaque para a belíssima atuação de James Harden, favotiro ao prêmio de reserva do ano. O ala obteve sua maior marca de pontos na carreira com 40. Kevin Durant adicionou mais 29 e Russel Westbrook 15. Foi a quadragésima quinta vitória da equipe que se igualou ao Spurs no número de triunfos.

Já quase sem chances de conseguir uma vaga nos playoffs, a desanimada equipe de Phoenix não produziu o suficiente para fazer frente aos visitantes e, apática, foi derrotada. Jared Dudley foi o cestinha da equipe com 21 pontos no trigésimo revés da franquia.

Destaques

Thunder

James Harden: 40 pontos, 7 rebotes e 4 roubadas de bola

Kevin Durant: 29 pontos, 10 rebotes e 5 assistências

Russel Westbrook: 15 pontos, 6 rebotes e 5 assistências

Suns

Jared Dudley: 21 pontos e 6 rebotes

Steve Nash: 12 pontos e 5 assistências

Channing Frye: 13 pontos e 8 rebotes