Steve Kerr tem tudo para realmente ser o novo treinador do New York Knicks. De acordo com o repórter Marc Berman, do jornal New York Post, o ex-armador viajou até San Diego neste final de semana e recebeu o aval da esposa para assumir o comando do time. Ele já está escalado para comentar os dois primeiros jogos da série entre Thunder e Clippers para o canal TNT e, ao que tudo indica, estas podem ser suas últimas transmissões na emissora.

Desde a demissão de Mike Woodson, o comentarista é apontado como o único real candidato ao cargo e até já reuniu-se com o presidente de operações nova-iorquino, Phil Jackson, para conversar sobre a possibilidade de tornar-se técnico. Ele seria o nome favorito e grande aposta do executivo por conta da afinidade de pensamentos e estratégias de jogo entre ambos.

“Nós dividimos muito das mesmas filosofias. Eu aprendi muito do que sei sobre basquete com Phil. É seguro dizer que temos várias ideias semelhantes. Obviamente, há uma forte conexão entre nossas personalidades e crenças”, admitiu Kerr, em entrevista concedida em abril. O ex-atleta foi comandado por Jackson entre 1993 e 98, quando conquistou três títulos da NBA pelo Chicago Bulls.

Especula-se que o analista da TNT também seja um nome em pauta para assumir o comando do Los Angeles Lakers (substituindo Mike D’Antoni) e do Golden State Warriors (em caso de demissão de Mark Jackson). Ele ficaria mais próximo da família nos dois times, mas a possibilidade de trabalhar novamente ao lado de Jackson a aprender com o lendário ex-treinador pesaria decisivamente em favor de aceitar a proposta do Knicks.

Kerr teve uma carreira de 15 anos como jogador na NBA e ganhou cinco aneis de campeão da liga. O profissional de 48 anos não tem experiência prévia como técnico, mas foi gerente-geral do Phoenix Suns entre 2007 e 2010.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Ídolo do Bulls como jogador, espero que tenha sorte na carreira de treinador também.

  • Kleber

    Pode ir, e se apertar, pergunta pro Phil que ele te ajuda.

  • Nettmann

    Cara acho que o Phil de presidente de operações pode até atrapalhar o trabalho do Kerr, imagina a pressão que ele pode sentir ao saber que é o treinador de um dos maiores times da Nba e ainda mais sabendo que o P Jax vai estar sentado no camarote do Madison….

  • Nettmann

    Se for contratado mesmo pode até fazer um bom trabalho, mas sei lá eu tentaria um cara com mais cancha tipo Rick Carlisle ou Doc Rivers, pode até ser o Thibodeau que segundo rumores pode sair dos Bulls, a não ser que o Phil queira um treinador tipo marionete que faça exatamente o que ele mandar fazer.

  • Luis Alvares

    Steve Kerr jogou como comandado do Phil, ou seja, como Phill está velho Kerr irá ajudar a botar o sistema de triângulo no knicks.

    • Nettmann

      se o Carmelo continuar pode ser um belo triangulo com o Amare e o Chandler, claro que o Amare tem que voltar a ser o jogador de antes.