Técnico do Sixers exalta empenho de T.J. McConnell: “Joga com o coração”

O armador T.J. McConnell foi uma das surpresas da estrelada rodada de Natal da NBA. Saindo do banco do Philadelphia 76ers, ele acabou sendo fundamental em momentos importantes da vitória contra o New York Knicks, no Madison Square Garden, ao lado do badalado Joel Embiid e do experiente J.J. Redick. O técnico Brett Brown elogiou as atuações dos dois titulares, mas acredita que ninguém foi mais crucial para o resultado do que o atleta de 25 anos.

“T.J. foi o MVP da partida hoje. Esse é um garoto que joga com o coração. Eu tenho uma relação bastante antagônica com ele: treino-o mais duro do que qualquer um, mas porque sou muito orgulhoso de sua trajetória. Estou orgulhoso de ter chegado à NBA como um atleta que não foi selecionado no draft, ter conseguido uma vaga em nosso elenco e, agora, jogar regularmente na liga”, exaltou o treinador, em entrevista coletiva após o triunfo por 105 a 98.

McConnell anotou 15 pontos – incluindo os oito últimos do Sixers no terceiro quarto –, pegou cinco rebotes, distribuiu quatro assistências e roubou duas bolas em 29 minutos de ação contra o Knicks. A atuação chamou a atenção de muitos, mas não subiu à cabeça do armador que passou “em branco” no recrutamento de 2015. “Eu só queria criar uma faísca, acender a nossa equipe. Agradeço bastante os elogios, mas, para mim, isso só foi fazer o meu trabalho”, minimizou.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Chimbinha

    Ótimo backup pro Simmons. Gosto muito dele e com salário de pinga

  • Stefan Obermark

    Quando um treinador faz elogio “pra dar moral” como o desse caso, já já esse cara vai ser mandado embora…
    O cara fez 15 pontos, é trabalhador e low profile.
    Não me surpreenderia…