Treinador do Lakers não descarta retorno de DeMarcus Cousins nesta temporada

O Los Angeles Lakers poderá ter um reforço inesperado para a reta decisiva da temporada. O técnico Frank Vogel revelou que o processo de reabilitação do pivô DeMarcus Cousins evolui muito bem e é possível que ele já tenha condições de jogo no primeiro semestre desse ano. Hoje, a chance do astro de 29 anos ficar à disposição para atuar nos playoffs é considerada real.

“Eu diria que DeMarcus está muito bem encaminhado para estar saudável na época dos playoffs. Teremos que esperar para ver em que patamar retornará em termos de ritmo e condicionamento, mas, sim, existe a possibilidade de ele voltar a jogar ainda nesta temporada”, analisou o treinador, em entrevista coletiva durante a parada festiva do Jogo das Estrelas.

Retornar para o começo dos playoffs significaria que Cousins levará só oito meses para recuperar-se de um rompimento do ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo sofrido na offseason. Esse prazo, além de otimista para uma lesão que pode afastar o atleta por até um ano, seria arriscado para alguém que também sofreu rupturas do tendão de Aquiles e quadríceps nos últimos três anos.

Outro fator que pesaria contra uma volta do experiente pivô na atual campanha é a aparente estabilidade do Lakers em sua rotação de garrafão: JaVale McGee e, em especial, Dwight Howard têm sido elogiados pelos desempenhos recentes. Ainda se espera que a equipe teste e aposte mais em formações baixas e móveis com a proximidade da pós-temporada.

No entanto, um sinal forte e conclusivo sobre o interesse angelino em contar com Cousins é o fato da franquia ter rejeitado as chances de dispensá-lo e trocá-lo ao longo do ano. Considerado um dos melhores jogadores de garrafão da liga nessa década, o ex-parceiro de Anthony Davis no New Orleans Pelicans acumula médias de 21.2 pontos e 10.9 rebotes em 565 jogos disputados na NBA.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.