Treinadores da NBA saem em defesa de Dwane Casey após demissão

A demissão de Dwane Casey do comando do Toronto Raptors causou comoção e reações negativas, como esperado, entre os treinadores da NBA. Vários colegas do profissional de 61 anos, que deram-lhe o prêmio de melhor treinador do ano na semana passada, criticaram a controversa decisão da franquia canadense e definiram a dispensa do veterano como “risível”.

“Acho que todos os técnicos estão sujeitos a isso. Você consegue o melhor recorde da história da equipe, o prêmio de melhor treinador da associação da categoria e, depois, é demitido. Impossível não pensar se isso é sério. Chega a ser até cômico. Mas Dwane vai encontrar outro time, pois é um bom profissional e um homem de classe”, afirmou o comandante do Houston Rockets, Mike D’Antoni.

Declarado votante de Casey na premiação, Brad Stevens também acredita que ele estará novamente empregado em breve. “Eu acho que todos nós sabemos que isso pode acontecer com os técnicos. É profissionalmente decepcionante, mas não tira nenhum crédito do trabalho de Dwane. Ele é um exemplo para qualquer treinador. Tenho certeza de que haverá equipes fazendo fila, em breve, para contratá-lo”, elogiou o jovem líder do Boston Celtics.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • Marcio

    Aceitaria fácil no comando dos Lakers !

  • Rafael Victor

    Corporativismo filha da puta esse aí, mas depois que mamãezaram o prêmio da associação pro Casey…

  • O Almirante

    ai ai ai ai…

  • Luiz Amaro Neto

    Se não houve falta de respeito, não vejo motivos pra essa indignação, assim como muitos treinadores fazem péssimos trabalhos e tem a 2, 3, etc chance, sem falar que depois que o Stvens não teve um mísero voto, isso tem cara de corporativismo entre a velha guarda dos treinadores.

  • Alex Vilela #PG MVP#

    Rapaz, até que ponto o técnico tem culpa se os jogadores pipocarem?

    • LeBeautiful

      Está falando do Blunder né, que pipocou contra um time de role players
      Craptors apenas da azar de cruzar com Lebron todo ano, ninguém em Toronto tem culpa. Se estivessem no Oeste fariam estragos…

      • Alan Raczenski

        Se tivessem no oeste não passavam da primeira fase

        • LeBeautiful

          Depende, esse tipo de análise é difícil de fazer mas os Raptors são tipo um Blazers melhorado, acho que no Oeste eles olham no olho de qualquer um, o problema deles é o Lebron, parece que a mera presença dele suga todo o talento dos caras.

  • BucksDream

    Vem pro Bucks meu filho, será recebido de braços abertos.

  • ReggieMiller31

    Mercado de treinadores pegando fogo e é impressionante como ñ se tem uma notícia sobre o Magic. Maioria já até escolheu seus treinadores, enqnto no Bucks agente lê sobre vários candidatos fazendo entrevistas e Pistons/Raptors normal ainda recentes, o Magic q se ñ me engano foi o primeiro a demitir parece q ñ estão nem ai, complicado sair do limbo desse jeito.

    • Daniel

      Concordo com você, o time devagar, muda de gm e parece sempre a mesma coisa.

  • Evandro

    A conferência leste é considerada bem mais fraca do q a oeste. O Cleveland não tem técnico. Boston com meio time quebrado. Washington com briga interna. Indiana com um time tecnicamente bem inferior.
    Me desculpe, mas ser primeiro era obrigação.
    Mais uma vez fazer papelão nos offs para o Cleveland e suar para ganhar do Washington (q na reta final da temporada, perdeu quase todos os jogos), foi tarde.
    Técnico do ano, enquanto Brad Stevens faz mágica no Celtics e Utah impressionou a todos. Esses prêmios da nba, já tiveram mais mérito.

    • Rogério Rodrigues

      Não é premio da NBA e sim da associoação de treinadores.
      Mas ele teve seus méritos sim em ganhar, o premio leva em conta a temporada regular.
      O Stevens não ter sido citado sim é estranho.
      Vamos ver no premio de COY como será…

  • João Marcelo S. de Almeida

    É óbvio que os outros técnicos vão defendê-lo. Jogar contra o time do Casey é certeza de vitória, então ele sem time = menos vitórias pros outros técnicos

  • Jefferson Pires de Sousa

    Penso que este era o momento de mudança, ele não conseguiu fazer o time render mais nos momentos decisivos, o DeRozan tem que ser trocado também, pois o sistema do time passa por ele e já provou não ser capaz de liderar um ataque, feitas essas mudanças o time tem como mudar o sistema ofensivo.

  • pedrokadf

    mimimi

  • marcelo pinaffo

    O galera q comenta futebol, nao venha poluir a nba.
    Imediatismo nao existe, nba, vc evolui jogadores, FP. Cria uma visao vencedora, etc, o cara bateu o recorde de vitorias da franquia. Agora parem de ser mimados, so pq nao ganhou, ninguem presta, troca todo mundo.
    Imagina na epoca de 90. O q ia ter de FP trocado so pq nao ganharam do bulls. Olha como o warriors foi criado, com pecas q nao eram nada demais, mas qdo deu liga, revolucionou o estilo de varias equipes. Entao menos imediatismo

  • Marcos Gordinho

    Não hávia motivos para demissão de Casey, citar DeRozan como provável nome a receber punições também não me parece justo, o fato é que o teto do Raptors é esse, mudanças garante ao menos voltar a esse teto em alguns anos, acumular picks, negociar nomes importantes na equipe, provavelmente não seria possível com Casey a frente da equipe. Com sorte se acha um FP mais efetivo via draft, ou em caso de milagre um nome de peso realmente na FA (não apostaria nisso ). Imagino algumas equipes que se beneficiariam com Casey a frente. Bucks, OKC (Tá na hora de se mexer Sam Presti), Suns, Wolves, Sixers, Lakers. Pronto! Falei!