Visando corte de despesas, NBA demite 114 funcionários

A NBA demitiu 114 funcionários nos últimos dias para cortar despesas. Segundo o porta-voz da Liga, Mike Bass, as demissões não são resultado direto do locaute que paralisou a NBA desde o dia 1de julho.

“As dispensas foram necessárias porque as despesas da liga estão superando, de longe, as nossas receitas. E isso não tem nada a ver com a paralisação”, afirmou Bass. 

Os empregados demitidos representam cerca de 11% da força de trabalho do escritório da Liga. A NBA também fechou seus escritórios em Tóquio e Paris.

Vale dizer também que, há alguns dias, o Charlotte Bobcats demitiu 35 funcionários da área administrativa da franquia para cortar gastos.

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.