Se LeBron James está em uma jornada não muito feliz, o Miami Heat ainda tem Dwyane Wade para resolver as coisas. E foi o que aconteceu no terceiro jogo da final da NBA. Wade foi o grande destaque na vitória do time da Flórida por 88 a 86 sobre o Dallas Mavericks. Com o triunfo obtido fora de casa, o Heat abriu dois a um na série decisiva. As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima terça-feira, dia 7, às 22 horas (horário de Brasília), novamente em Dallas.

O time da Flórida foi melhor no primeiro quarto da partida e fez 29 a 22. Dwyane Wade e LeBron James atacaram muito a cesta e cada um anotou oito pontos. O lance mais importante do período aconteceu no estouro do cronômetro, quando o reserva Mario Chalmers acertou um arremesso do meio da quadra.

No segundo quarto, o time do Mavs contou com a boa atuação do trio Dirk Nowitzki, Jason Terry e Shawn Marion, que marcou 19 dos 20 pontos da equipe no período. Porém, Wade continuava inspirado e levava o time de Miami “nas costas”. O camisa 3 do Heat anotou 11 dos 18 pontos da equipe no período. Mesmo acertando apenas cinco arremessos de quadra em 18 tentativas, os visitantes foram para o intervalo com uma vantagem de cinco pontos: 47 a 42.

O Heat começou o terceiro quarto de forma arrasadora, abrindo oito a zero nos primeiros dois minutos. Dali em diante, o Mavs melhorou a defesa e reagiu no marcador. A três minutos do fim do período, o time de Dallas conseguiu a virada após fazer 17 a 3. Nowitzki anotou nove pontos. Em seguida, o Heat converteu duas bolas de três consecutivas e voltou a liderar. O time da Flórida terminou o período com uma vantagem de três pontos: 67 a 64.

No último quarto, o Heat chegou a ficar sete pontos à frente no placar, mas o Mavs contou com 12 pontos seguidos de Nowitzki para empatar o jogo. Pelo time de Miami, Wade marcou sete pontos seguidos e manteve a equipe viva em quadra. A 39 segundos do fim, Chris Bosh, que não fez uma boa partida, converteu um arremesso de média distância para colocar o time visitante novamente na liderança. Na sequência, Dirk Nowitzki errou um passe para Shawn Marion, para desespero da torcida de Dallas. A quatro segundos do final, LeBron James errou uma bola de três pontos e o Mavs ficou com o rebote. Na última posse de bola, Nowitzki, bem marcado por Udonis Haslem, errou o arremesso que levaria a partida para a prorrogação.

Dwyane Wade foi o grande nome do time de Miami. Ele marcou 29 pontos e pegou 11 rebotes, conseguindo, assim, o duplo-dígito.  Chris Bosh marcou 18 pontos. Já LeBron James, bem marcado por Shawn Marion, anotou 17 pontos e distribuiu nove assistências. James acertou seis arremessos de quadra em 14 tentativas. O reserva Mario Chalmers contribuiu com 12 pontos. Ele converteu quatro bolas de três pontos em seis tentativas.

Pelo Mavs, Dirk Nowitzki foi o destaque mais uma vez. O alemão alcançou o double-double ao marcar 34 pontos (15 deles no último período) e pegar 11 rebotes. Vindo do banco, Jason Terry anotou 15 pontos. O veterano Jason Kidd marcou nove pontos e distribuiu dez assistências.

Confira os melhores momentos da partida.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=PUIz6DlfbNU]

Gustavo Lima
Gustavo Lima
Jornalista graduado pela UFMG e pós-graduado em Produção em Mídias Digitais pela PUC-MG. Natural de Ipatinga e residente em BH. Editor do Jumper Brasil desde 2007. Acompanha a NBA desde 1993. Torcedor do Phoenix Suns, mas adepto da imparcialidade.