Wade confia em evolução de Josh Richardson como referência do Heat

O Miami Heat está vivendo a temporada de despedida do maior atleta da história da franquia, Dwyane Wade. O craque aposta, porém, que sai de cena deixando um novo líder técnico em ascensão no elenco. O veterano confirmou a sua confiança e admiração pelo ala-armador Josh Richardson depois da vitória contra o Detroit Pistons, quando o jovem anotou nove dos 15 pontos do time na prorrogação.

“Essa foi a primeira vez que Josh foi requisitado como uma referência ofensiva e os arremessos que converteu no tempo extra foram grandes, muito importantes. Nós queremos que ele tenha confiança para seguir fazendo isso e atinja um nível ainda mais alto. Vamos precisar que seja esse tipo de liderança. Acredito que possa ser”, afirmou o ídolo, que, hoje, é o reserva imediato do jogador de 25 anos.

Richardson – que era mais conhecido pela excelência defensiva – teve um início de temporada mais participativo ofensivamente, anotando mais de 20 pontos em seis das nove partidas do time até agora. Além disso, em três dos últimos quatro jogos disputados, ele deixou a quadra com mais de 25 pontos. Os números sugerem um líder no Heat, mas ele ainda se recusa a assumir o posto.

“Não há exatamente uma referência em nossa equipe para os momentos decisivos. Eu acho que todos do elenco podem assumir essa responsabilidade. Se eu receber a bola nos instantes finais, eu não fujo da ocasião e vou tentar decidir. Mas acho que muitos atletas do grupo também são confiantes o bastante para fazer isso”, disse Richardson, que já é o cestinha do time de Miami na temporada.

Ricardo Stabolito Jr.
Ricardo Stabolito Jr.
Jornalista de 27 anos. Natural de São Bernardo do Campo, mas vive em Salvador há mais de uma década.
  • GuiperHeat

    Tem jogando muito, que evolução desde as primeiras temporadas ….

  • Mattews HeatNation

    Só espero q o Heat não cometa a loucura de envolvê-lo numa troca como foi noticiado dias atrás…..

  • Guilherme Petros

    Pode ta na briga por MIP sim

  • João Víctor Matos

    Wolves tem que péga-lo logo. Daqui a pouco o Heat não vai mais querer incluí-lo na troca. Só impactará em 10,5 M nos próximos 4 anos. Se continuar essa evolução será um grande contrato.