O Los Angeles Clippers manteve-se ocupado depois do fim da temporada e fez diversas aquisições para o elenco. Uma das posições que eram consideradas como um problema na equipe era a de ala, que tinha Matt Barnes como titular, que foi trocado e hoje se encontra no Memphis Grizzlies. Para o seu lugar, chegaram Paul Pierce e Wesley Johnson e, ao analisar os dois nomes, seria fácil apontar que o primeiro seria o dono da posição, porém, isso pode não acontecer.

Com a idade mais avançada, Paul Pierce já não é o mesmo jogador de antes e o técnico Doc Rivers pode movê-lo para a segunda unidade do time, fazendo-o ser um dos principais atletas do banco. Recentemente, Rivers já revelou que ainda não tomou uma decisão sobre o assunto e que pretende utilizar o ala ex-Washinton Wizards também na posição de ala-pivô. Caso Pierce realmente seja movido para o banco, Johnson deve assumir a função de titular e com isso, o técnico preservaria o veterano, diminuindo seus minutos e utilizando-o em mais de uma posição, fazendo com que ele chegasse aos playoffs com menos desgaste.

Independente da escolha do ala titular, o banco do Clippers deve apresentar um desempenho muito melhor do que o da última campanha, onde o mesmo foi um dos mais ineficientes. Ao lado de Johnson ou Pierce, a segunda unidade terá Lance Stephenson, Josh Smith e Jamal Crawford entre os principais nomes.

Wesley Johnson atuou pelo Los Angeles Lakers na última temporada, registrando médias de 9.9 pontos e 4.2 rebotes, com um aproveitamento de 35% nos arremessos de longa distância. Já Pierce angariou médias de 11.9 pontos, 4.0 rebotes, 38% nas bolas de três e foi fundamental para o Wizards nos playoffs, convertendo vários arremessos decisivos.  Talvez Rivers opte por diminuir a importância do veterano na temporada regular, para que as atuações na fase decisiva se repitam.

Eduardo Ribeiro
Eduardo Ribeiro
Paulista, cursando Jornalismo e membro do Jumper desde 2015. Twitter: @Edu_Ribeiro33
  • Rafael

    o banco do clippers e o mais forte hj. Na minha opinião. Tem um ótimo time. Se não ganhar um anel essa temporada podem desistir.

  • Marcio #Lakers

    Esse time do clippers veem pra incomoda e muito, tão falando muito de spurs, warriors Houston, mais o Clippers ta chamando atenção!

    • Alysson Alberto Elias

      Ainda quero ver como essa mistura toda do Clippers vai se encaixar. Por causa disso, não considero o Clippers contender.

      • Rodrigo Oliveira

        Se manter esse time titular e esquecer o banco é o mesmo time da temporada passada, para mim barnes e Johson sãoq ause a mesma coisa.

  • Alan Raczenski

    Titular é quem termina o jogo, e claro que vai ser o Pierce que vai terminar.

    • VIEIRA – CHICO

      veremos – assim seja

    • Rodrigo Santos

      Assim como Ginobili em San Antonio…

  • VIEIRA – CHICO

    Sinceramente, ainda não boto muita FÉ nesta chamada 2ª unidade – Lance Stephenson, Josh Smith e Jamal Crawford que deve está ainda descontente e louco pra sair do time
    Bem acredito que o tiozinho deve SIM achar o Crhis Paul nas horas de decisão (fechamento) dos jogos que pra mim não é o forte do CP3 (são poucos que ele já decidiu jogos igual os play-offs da temporada passada contra o SPURS – no negócio dele é conduzir/comandar o time)
    Só tempo pode sim dizer se este time irá brigar pelo titulo do OESTE, pelo menos

    • Vinícius Maia

      Nada tira da minha cabeça que o homem da decisão nesse time deve ser Blake Griffin e não Chris Paul

      • LionsCrown

        Com certeza, pra ele pipoca como foi contra Spurs… Blake Griffin “pra mim” como uma first pick deixa MUITO a desejar, principalmente na hora de decidir.

      • Rodrigo Oliveira

        Claro passe genial de Cris Paul para Griffin, oq ue não entendo foi eles perderam para o rockets estavam ganhando o 6 jogo por uma boa diferença de pontos e conseguiram perder o jogo e o sétimo também. O time desabou fisicamente por que não tinha banco, os caras estavam com lingua de fora(Griffin) pois os reservas eram péssimo, Hawes, Big Baby.

  • Rodrigo Santos

    Tijoleiro de titular? Se começar jogando vai ser o falso starter que começa jogando e joga uns 20 Min por jogo…

    • Gustavo

      Provavelmente é isso mesmo, como já foi dito, titular é quem termina o jogo, e é nessa hora que PP34 vai fazer toda a diferença.

    • Rodrigo Oliveira

      Vai fazer o mesmo do seu antecessor Matt Barnes, defender, arremessar bolas super livre, etc quinta arma ofensiva mesmo, no Lakers era a terceira.

      • Rodrigo Santos

        Penso igual a você, até pq não pode ser esperar muito do tijoleiro…

    • Michel Moral

      TEM que ser isso. Wes Johnson deve jogar no máximo 10/15 min por jogo, quando se tem um PP34 e um Jamal Crawford de suplentes.

  • Vicente Machado

    Pode ser que sim, só pra dizer que o Pierce começou no banco..

  • Gustavo

    Jamal, Lance, PP34, J-Smoove. ? – Com um pivo mais ou menos esse quinteto reserva seria melhor que alguns times da liga.

    • Túlio Condé

      Verdade, belo banco de reservas.

  • AlexT-Wolves

    Ainda acho que o Clippers tem o mesmo problema de 2 temporadas atrás, simplesmente não tem ninguém pra defender o Durant é melhor torcer pra não pegar o OKC

    • Michel Moral

      Entendi o que você quis dizer, realmente não há um defensor de elite.

      Cara, eu acho que o Blake Griffin poderia desempenhar esse papel. Sei que ele não é o melhor marcador e tal, só que é um dos líderes do time e é MUITO atlético.

      Eu trabalharia a parte defensiva do Griffin para pegar o Durant.

  • jc

    O time do Clippers, com um banco ruim, já chegou longe ano passado…esse ano não deve ter problemas para chegar aos playoffs de novo. Agora, ser contender no Oeste depende muito de qual Lance Stephenson(do Pacers ou do Hornets?), Josh Smith, Crawford(sempre bem vindo do banco…mas ainda satisfeito?) e até Pierce (aquele decisivo?) entrar em quadra. Eu acredito demais nesse time, pode sim ser campeão.

    • Rodrigo Oliveira

      Eles foram contenders ano passado, mas o nível do Oeste é igual entre Rockets, Clipers , Grizzlers, Spurs como sempre tem surpresas quando tem disputas entre esses citados.

      • jc

        Warriors tem a vantagem de ter a base campeã do ano passado mesmo. Mas esse ano o franco favorito no Oeste é o time dos velhinhos, a aquisição do Aldridge e do West fortaleceram ainda mais um time já fortíssimo. A briga vai ser, mais uma vez, boa demais.

  • Leonard

    Cara, ainda acho que esse time tem um problema que não tem como resolver: eles nunca deixarão de ser o CLIPPERS.

  • Luiz Tavares

    Eh acho q daria até certo, tipo o Johnson e o Redick de titula, um é atletico e o outro arremessador, e o Pierce com o Lance vindo do banco seria mais ou menos assim tmb, um é mais atleticismo e o outro arremessador, tmb poderia ser ao contrario a dupla do banco começaria de titula mas ai o banco ficaria mais fraco, acho eu…

  • Michel Moral

    Wes Johnson não fez nada até hoje que justificasse essa oportunidade, principalmente em um time cheio de opções como o do Clippers.

    No entanto, entendo a posição de Rivers. Não há no banco um jogador que possa chamar a responsabilidade (isso se Jamal Crawford não for utilizado ou seja negociado), daí a opção por Pierce fazendo esse papel.

    Um quinteto de descanso com Austin Rivers (Jamal Crawford, eu prefiro), Stephenson, Pierce, Josh Smith e Aldrich (talvez só aqui precisasse de uma modificação), é disparado o melhor da liga.

    Mas voltando ao assunto do Wesley Johnson, mesmo de titular, é jogador para não atuar mais do que 10/15 min por combate. Pierce, Lance e Jamal devem atuar muito mais minutos do que ele, sem dúvidas.

  • Felipe Mendonça

    Junta esse banco aí com um pivô que pelo menos saiba defender, briga por OFF’s no outro lado – conferência -.
    Eu ainda acho que esse time tem caixa p ser campeão, principalmente depois da última temporada do Blake Griffin que acabara de virar um All Star nato – falta ser clutch ainda – a cereja do bolo vem a ser o PP34 que é clutch, o manager do Clippers deu uma aula nessas férias e montou um elenco que se encaixa por completo na teoria, atletas com com características distintas p todo o tipo de situação no jogo.
    Sr. Ballmer vai pular/dançar/vibrar muito nessa temporada, não perco um jogo dessa equipe esse ano.