Wizards bate Raptors em Toronto; Warriors confirma mando contra Pelicans

(1) Washington Wizards 93 x 86 Toronto Raptors (0)

https://www.youtube.com/watch?v=fQZsAsPRTaQ

Sob a batuta do veterano Paul Pierce, o Washington Wizards derrotou o Toronto Raptors na prorrogação por 93×86 e abriu 1-0 na série. O brasileiro Nenê também foi importante com um duplo-duplo na inversão do mando de quadra.

“A pressão está com eles agora”, disse Pierce, que marcou cinco dos seus 20 pontos na prorrogação e ainda fez graça com o adversário, que eliminou nos playoffs da temporada passada com o Brooklyn Nets. “Eu não sinto que eles tenham algo que nos preoucupe”, disparou o veterano.

O time visitante conseguiu abrir uma diferença de 15 pontos no segundo tempo da partida, mas o Raptors conseguiu reagir graças aos reservas (que fizeram 10 pontos a mais do que todo o time titular). Greivis Vásquez foi quem empatou o jogo em 82×82 com um arremesso de três pontos – ele não saiu da partida depois que Kyle Lowry foi eliminado com seis faltas.

Os titulares Lowry, DeMar DeRozan e Terren Ross combinaram para apenas 11 acertos em 41 arremessos na partida. Os donos da casa também foram dominados nos rebotes, tendo pego 13 a menos do que o Wizards.

Na prorrogação, após John Wall e Terrence Ross errarem as tentativas derradeiras no tempo regulamentar, o Wizards contou com pontos de Nenê, Wall e Otto Porter para sacramentar a vitória. O Raptors acertou apenas dois arremessos no tempo extra. Com o resultado, Randy Wittman se tornou o primeiro treinador na histór a vencer seis dos sete primeiro jogos da carreira como visitante em playoffs.

Destaques

Wizards

Paul Pierce: 20 pontos, quatro rebotes
Bradley Beal: 16 pontos, nove rebotes, seis assistências
Nenê: 12 pontos, 13 rebotes
John Wall: 10 pontos, seis rebotes, oito assistências
Kevin Seraphin: 10 pontos, quatro rebotes
Drew Gooden: seis pontos, 10 rebotes

Raptors

Amir Johnson: 18 pontos, oito rebotes
DeMar DeRozan: 15 pontos, 11 rebotes, seis assistências, 6-20 nos arremessos
Patrick Patterson: 10 pontos, cinco rebotes
Greivis Vasquez: 10 pontos, três assistências
Lou Williams: 10 pontos, quatro assistências, dois roubos de bola

 

(0) New Orleans Pelicans 99 x 106 Golden State Warriors (1)

https://www.youtube.com/watch?v=J6gSiS42Xiw

Anthony Davis teve uma atuação heroica em sua estreia nos playoffs da NBA ao marcar 20 pontos no último quarto de uma partida praticamente perdida, mas não teve jeito. O Golden State Warriors derrotou o New Orleans Pelicans por 106×99 e abriu 1-0 na série.

O Warriors, time de melhor campanha da temporada regular, destroçou o Pelicans nos três primeiros quartos da partida e chegou a abrir 25 pontos de vantagem. A combinação entre o bombardeio de Stephen Curry e Klay Thompson e a defesa de Draymond Green e Andrew Bogut parecia ser demais para o Pelicans.

Não ajudou o fato de Tyreke Evans ter machucado o joelho esquerdo ainda no primeiro tempo e não ter voltado para a partida. Os visitantes foram atordoados desde o início graças à pressão da torcida do Warriors, e só anotaram 13 pontos no primeiro quarto.

O esforço final de Davis deixou a partida mais emocionante do que foi, quando o Pelicans cortou a diferença de 25 para apenas quatro pontos. Mas os jogadores do Warriors tiveram sangue frio para segurar a vantagem nos lances livres e vencer o jogo.

Destaques

Pelicans

Anthony Davis: 35 pontos, sete rebotes, quatro tocos
Quincy Pondexter: 20 pontos, nove rebotes, seis assistências, dois roubos de bola
Eric Gordon: 16 pontos, três assistências
Norris Cole: oito pontos, seis assistências

Warriors

Stephen Curry: 34 pontos, quatro rebotes, cinco assistências, três roubos de bola
Klay Thompson: 21 pontos, três assistências, dois tocos
Draymond Green: 15 pontos, 12 rebotes, sete assistências, três roubos de bola, dois tocos
Andrew Bogut: 12 pontos, 14 rebotes, cinco assistências, dois roubos de bola, dois tocos
Harrison Barnes: 12 pontos, oito rebotes

 

CONFIRA TAMBÉM: Bulls e Rockets vencem em casa na abertura dos playoffs

 

  • tiago

    Esse time do Wizards é muito chato de se enfrentar nos Offs. Paul Pierce mito

  • Joinha

    Raptors, eterno cavalo paraguaio!!

  • Andre

    Se o Caboclo estivesse em quadra a história seria outra….
    Além disso, pra marcar Nenê, só Bebê.

    • pedrokadf

      kkkkkkkkkkkk e viva o patriotismo, esse mesmo q os norte americanos sempre exerceram, e que nós os Brasileiros nunca tivemos !!

      • Andre

        Pô, se nós não torcermos pra eles quem torcerá?!?! kkkkk

        • pedrokadf

          está certíssimo haha !!

  • Olavo #WeAreRipCity

    Wizards deu muita sorte hoje. Praticamente tudo deu certo pra eles: Rebotes, Raptors não acertando nada e jogando mal na defesa, Lowry com problemas de faltas, DeRozan escolhendo péssimos arremessos …

    No geral, o time não jogou bem. Isso combinado com Wall e Beal em modo J.R. Smith normalmente dá em derrota pro time de Washington. Mas o Raptors conseguiu ser pior que eles. Sorte do Wizards.

    Raptors vai precisar fazer alguns ajustes, principalmente com o Wizards jogando com esse Small-Ball de hoje, com Pierce de PF. Colocar Patterson ou Amir Johnson pra marcá-lo e pedir pro The Truth deitar e rolar. Até agora não entendi porque o James Johnson não entrou em quadra, ele sim faria um trabalho melhor defendendo o Pierce.

  • TimoteoRP

    Enquanto o Wizards tiver o Pierce, eles vão ser perigosos nos Offs…

    Espero que nao seja nada sério com o Tyreke… Essa série deve perder muita graça sem ele…

  • rubem

    Paul Pierce mito….Davis sou fa…joga muito esse muleke …pra muitos Warriors iria doutrinar nao foi bem assim eimm..offs sao offs ali o bixo pega.

  • vinicius

    esse Anthony Davis vai ser mvp muitas veses

  • BMCS

    Derrota merecida do Toronto, que jogou mal durante a maior parte do jogo e ainda teve a sorte da chance de ir pro overtime. Chegando lá, não acertou praticamente nada e o WW sacramentou a primeira quebra de mando de quadra dos offs. Pena que seja contra uma torcida fantástica, impressionante, que é essa do Toronto. Agora, o grande lance é que o jogo 2 virou uma decisão pros canadenses: caso o WW saia do Canadá com 2×0, penso que será fim de linha pro Toronto.

    GSW poderia ter evitado o final dramático que passou, pois o jogo estava definido desde o início. Méritos do AD? Sim, claro, mas o fato é que o elemento “relaxamento” pesou, e o time deu espaço para a reação do NOP. O interessante é que você olhava pra fisionomia do rosto dos jogadores do Golden State e em momento nenhum se viu sequer uma mínima expressão de preocupação, mesmo quando o jogo ficou parelho, no final.

    • TONYSPURS

      A torcida do Toronto é realmente um espetáculo!!

  • l.avila

    Interessante que o small Ball deu certo porém o técnico teve que fazer uma escolha entre Gortat e Nene no final do último quarto escolheu o Polonês e o time quase perdeu o jogo. No OT pos Nene Hilario e o time foi muito melhor por que ele é mais completo na defesa trancou o garrafão e foi uma ameaça no ataque inclusive pegando rebotes ofensivos importantes.

  • Michel Moral

    Pelicans perdeu o jogo na defesa, quem assistiu ao jogo não vai conseguir discordar.

    Embora tenha dado vários blocks sensacionais, Davis deixou Bogut deitar e rolar, pintar e bordar, sambar… E tudo mais qe quiserem qualificar no garrafão de NOLA. Claro que ele marcou o Green e por isso Asik também tem sua parcela grande de culpa.

    No perímetro, Eric Gordon, que sempre teve fama de bom defensor, deixou Klay e Curry fazer a rapa. Ty Evans nem sei por onde anda…

    Ainda assim, com uma defesa lixo, deram canseira para o time de Oakland no final d partida.

    Melhorando a defesa dá pra voltar para New Orleans com a série empatada.

    • BMCS

      Sem querer discordar, meu caro, mas uma das dificuldades de se enfrentar o GS é justamente essa: se você trancar o garrafão a sete chaves, os caras te ganham na bola de 3… E se você tentar evitar as bolas de 3… bem, ninguém conseguiu isso até agora!…

      • Michel Moral

        É verdade mesmo, BMCS.

        Sem dúvidas o Golden State é o time a ser batido esse ano na NBA.

        Fiz uma leitura apenas do ponto de vista do Pelicans.

        Aliás, não é nem um absurdo e muito menos um demérito peeder para o time de Oaklan, principalmente na primeira rodada.

  • Dream Shake

    GS já era esperado a vitória, agora o A. Davis é muito fera será a grande estrela da liga daqui alguns anos monstro nos 2 lados da quadra.

    Esse Wizards serão osso pra qualquer time no leste e esse Paul Pierce cara é mito d+ a única coisa que acho estranho é ele jogar sem a camisa dos celtics ainda hehe

    • L.Avila

      Concordo que Wizards será osso com um parentese Beal tem que melhorar seu jogo o time depende muito dele para pontuar se a bola dele começar a cair vai ser duro.

  • Murilo Moore

    Apesar do placar mostrar equilíbrio, a vitória foi tranquila pro Golden State… Mas com a reação mostrada pelo Pelicans no fim do jogo, me parece improvável uma varrida nessa série, e também não acredito que possa acontecer do GSW perder um jogo em casa… Continuo achando que será 4X1…

  • Luiz Henrique Santos

    Menino Davis é foda, mas esse time do Warriors pelo menos na primeira rodada, não deve suar muito para passar pelos pelicanos…

  • AlexT-Wolves

    O Asik contra o Warriors não vai ajudar em nada o Bogut vai anular ele e ainda vai fazer a cobertura pro Green, foi assim que o Davis sofreu e só melhorou quando o Anderson entrou e deixou ele no 1 vs 1 com o Bogut

    Foi um jogo nervoso e os proximos vão ser ainda melhores, ainda aposto no Warriors em 5 jogos

    • Lucas Ottoni

      Exato. Esse é o ponto. Asik é limitadíssimo ofensivamente. Quase inocente mesmo. No ataque, ele é praticamente peça nula no time do Pelicans. O Davis que se vire pra marcar pontos no garrafão. Pq se for depender do Asik… xiiii…

      Outra coisa: o Pelicans defendeu pessimamente durante os três primeiros períodos. Nego infiltrando sem marcação pelo meio do nosso garrafão. Isso não existe. A coisa só melhorou quando o Eric Gordon marcou individualmente o Curry. Burrice do técnico do Pelicans. Holiday tomou um passeio do Curry o jogo inteiro. No último quarto, o Pelicans só reagiu quando conseguiu frear um pouquinho o Curry. E só conseguiu isso tirando o Holiday e passando o Gordon pra pegar o Stephen. É assim que tem que ser no segundo jogo.

      Mais uma coisa: Anthony Davis fez um péssimo primeiro tempo e um ótimo segundo tempo. Se ele não tivesse ido tão mal na primeira metade da partida, talvez o Pelicans tivesse conseguido o milagre, ou seja, abrir 1 a 0 em Oakland. Mas estou esperançoso para o segundo jogo.

      OBS: q sina fdp… Tyreke Evans machuca o joelho e não volta pro jogo. Essas lesões acontecem em todos os times, mas no Pelicans essa merda é epidemia das brabas… Pqp!

      • Michel Moral

        Todo mundo sabia que o Asik era limitado no ataque. Agora levar um banho do Bogut na defesa? Bogut está muito longe de um primor ofensivo para fazer o que fez.

        Acho que o melhor seria colocar o Davis de Center e o Ryan Anderson de PF, já que o problema foi ofensivo.

  • diegocassad

    O q dizer de Pierce e Davis? Passado, presente e futuro!