Zaragoza surpreende e vence líder Real Madrid pela Liga ACB

Por Vinicius Fernandes Batista

Chegou ao fim a 11ª rodada da temporada regular da Liga ACB 2019/20, nome oficial do campeonato espanhol de basquete masculino, com destaques para a vitória do Zaragoza sobre o então líder isolado Real Madrid, o fácil triunfo do Barcelona, agora na co-liderança, diante do Tenerife, de Marcelinho Huertas, e as boas atuações de Vítor Benite e Augusto Lima no triunfo do San Pablo Burgos contra o Unicaja Málaga.

O ala-armador Xabi López-Arostegui, do Joventut Badalona, foi o jogador da jornada. Na primeira e na quarta havia sido o ala-pivô Nikola Mirotic, do Barcelona, aliás eleito o MVP do mês de outubro. Na segunda, o pivô norte-americano Brandon Davies, também do Barça, MVP de setembro; na terceira e na nona, o ala-pivô norte-americano Earl Clark, do San Pablo Burgos; na quinta, o armador norte-americano DJ Seeley, do Zaragoza, na sexta, o ala-armador norte-americano Fletcher Magee, do Obradoiro; na sétima, o armador monenegrino Omar Cook, do Gran Canaria; na oitava, o ala-pivô geórgio Tornike Shengelia, do Baskonia; e na décima, o pivô geórgio Giorgi Shermadini, do Tenerife.

Confira os resultados e os destaques

Zaragoza 84 x 67 Real Madrid
Local: Pabellón Principe Felipe | Público: 10.195 torcedores
De forma até surpreendente, o time aragonês venceu os quatro quartos (20 x 17, 22 x 16, 17 x 14 e 25 x 20), com direito a uma parcial de 19 a 0 em cinco minutos (os três últimos do terceiro quarto e os dois primeiros do último). Destaque para o duplo-duplo de Nemanja Radovic (14 pontos e 14 rebotes), cestinha ao lado do madridista Jaycee Carroll. Os blancos ainda tiveram Tavares expulso, a oito minutos do fim, por aplaudir na cara do árbitro.

Barcelona 103 x 71 Tenerife
Local: Palau Blaugrana | Público: 4.005 torcedores
O Barça dominou do início ao fim, vencendo os quatro quartos, com destaque para o último (26 x 19, 21 x 20, 28 x 24 e 28 x 8), determinando a maior diferença de placar até o momento. O cestinha do jogo foi Ante Tomic, do time catalão, com 14 pontos. A equipe culé é a primeira a ultrapassar a marca de mil pontos na temporada.

San Pablo Burgos 77 x 60 Málaga
Local: Coliseum Burgos | Público: 9.398 torcedores
Os mandantes foram para o intervalo com grande vantagem (17 x 13 e 26 x 14). Após empate no terceiro quarto (20 x 20), no último, o time anfitrião levou a melhor de novo (14 x 13). Destaque para os 13 pontos de Vítor Benite, cestinha ao lado de Deon Thomspon, dos malaguenhos. Em cerca de 24 minutos em quadra, o ala-armador brasileiro acertou dois arremessos de dois, três de três e apanhou dois rebotes defensivos. Companheiro de equipe, Augusto Lima, em 24 minutos em quadra, fez sete pontos (três arremessos certos de dois e um lance livre convertido em sete cobrados), além de 12 rebotes (cinco defensivos e sete ofensivos) e três assistências. Os 60 pontos anotados pelo Málaga foram a menor pontuação de uma agremiação na atual liga.

Valencia 86 x 76 Obradoiro
Local: Pabellón Fuente de San Luis | Público: 6.781 torcedores
Após perder o primeiro quarto (21 x 22), o time da casa levou a melhor nos três seguintes (18 x 15, 21 x 16 e 26 x 23), com destaque para os 16 pontos de Jordan Loyd, mas o cestinha foi Dejan Kravic, dos visitantes, com 21, além de 15 rebotes, portanto um duplo-duplo. No Obra, chamou a atenção também o bom aproveitamento de Earl Calloway nas bolas de três: quatro acertos em seis arremessos.

Andorra 97 x 82 Baskonia
Local: M.I. Govern Andorra | Público: 4.230 torcedores
A equipe da casa levou a melhor nos quatro períodos (24 x 14, 18 x 17, 24 x 21 e 31 x 30), com destaque para os 20 pontos de Clevin Hannah, autor de três bolas de certas de três em cinco arremessados. Seu companheiro David Jelinek acertou quatro em seis. Mesmo com o cestinha do jogo, Pierria Henry, com 22 pontos, os visitantes saíram derrotados de quadra.

Manresa 93 x 92 Murcia
Local: Pavelló Nou Congost | Público: 3.740 torcedores
Num jogo com um dos piores públicos do campeonato, muita emoção. Após empate no quarto inicial (17 x 17), os murcianos venceram os dois seguintes (26 x 19 e 23 x 20). No entanto nada estava definido. Os catalães conseguiram empatar a 40 segundos do final (90 x 90). Depois, Cate anotou dois lances libres, porém quando faltavam somente dois segundos, Magarity meteu uma bola de três, a da vitória. Ainda deu tempo para Cate arremessar, mas o chute foi curto e o triunfo ficou com os mandantes. Ryan Toolson marcou 22 pontos e Dani Pérez deu 16 assistências, mas o cestinha foi Emanuel Cate, com 27 pontos para os visitantes, e quase um duplo-duplo: nove rebotes. Seu companheiro, o brasileiro Rafa Luz, em quase 16 minutos em quadra, anotou quatro pontos (uma bola de três e um lance livre), além de três rebotes (todos defensivos) e duas assistências.

Real Betis 88 x 66 Estudiantes
Local: Palacio Municipal de Deportes San Pablo | Público: 4.971 torcedores
Após vencer o primeiro quarto (26 x 16) e empatar o segundo (18 x 18), o time andaluz ganhou também os dois seguintes (16 x 15 e 28 x 17), com destaque para os 16 pontos de Demitrius Conger. Apesar da ampla derrota, os visitantes tiveram o cestinha da partida: Phil Scrubb, com 19 pontos. Uma curiosidade: Duje Dukan acertou três de seus cinco arremessos de três e foi só. Não mandou de dois, não teve lance livre a seu favor, nem rebote e assistência.

Gran Canaria 102 x 78 Fuenlabrada
Local: Gran Canaria Arena | Público: 6.168 torcedores
Com um grande segundo tempo, os mandantes passaram por cima do Fuenla. Os canarios fizeram 24 a 23 no quarto inicial, mas foram para o intervalo perdendo por um ponto (47 x 48). Na volta, surrou o adversário com parciais de 24 a 12 e 31 a 18. Seis jogadores seus anotaram dois dígitos: John Shurna (18 pontos), Nikola Radicevic (13), Javier Beirán (13), Demonte Harper (13), Stan Okoye (12) e Matt Costello (11). Os visitantes tiveram o cestinha do jogo: Marc García, autor de 23 pontos (cinco bolas certas de três em oito tentativas).

Joventut Badalona 97 x 86 Bilbao
Local: Palau Municipal D´Esports de Badalona | Público: 6.449 torcedores
De virada, o time da casa ganhou a partida. Após perder o primeiro quarto (19 x 21) e empatar o segundo (19 x 19), os badaloneses fizeram 26 a 22 e 33 a 24, com destaque para os 19 pontos de Klemen Prepelic e os 18 pontos, quatro roubos de bola e valoração de + 25 de Xabi López-Arostegui (escolhido MVP da rodada). Porém, o cestinha da partida foi Axel Bouteille, do Bilbao, com 23 pontos.

Classificação

1º Real Madrid e Barcelona: nove vitórias e duas derrotas
3º Zaragoza: oito vitórias e três derrotas
4º San Pablo Burgos e Joventut Badalona: sete vitórias e quatro três derrotas
6º Andorra, Gran Canaria e Tenerife: seis vitórias e cinco derrotas
9º Valencia, Baskonia, Bilbao e Málaga: cinco vitórias e seis derrotas
13º Murcia, Fuenlabrada e Obradoiro: quatro vitórias e sete derrotas
16º Real Betis, Manresa e Estudiantes: três vitórias e oito derrotas

Estatísticas

Melhor ataque: Barcelona = 1011 pontos (91,9 de média)
Pior ataque: Unicaja Málaga = 805 (73,1 de média)
Melhor defesa: Real Madrid = 825 (75 de média)
Pior defesa: Obradoiro = 978 (88,9 de média)
Melhor saldo: Real Madrid = +115
Pior saldo: Obradoiro = -89
Mais pontos em um quarto: 37 = Tenerife
Menos pontos em um quarto: 5 = Murcia
Mais pontos em um jogo: 105 = Baskonia
Menos pontos em um jogo: 60 = Málaga
Maior diferença de pontos: 32 = Zaragoza 96 x 64 Obradoiro (2ª rodada) e Barcelona 103 x 71 Tenerife (11ª rodada)
Maior público: 11.275 = Baskonia 89 x 91 Real Madrid (7ª rodada)
Menor público: 3.530 = Andorra 79 x 69 Fuenlabrada (2ª rodada)
Maior pontuador em um só jogo: 35 = Klemen Prepelic (Joventut Badalona)
Cestinha: Klemen Prepelic (Joventut Badalona) = 239 pontos (21,7 de média)
Melhor reboteiro: Alen Omic (Joventut Badalona) = 95 (8,6 de média)
Melhor assistente: Omar Cook (Gran Canaria) = 71 (7,1 de média)

Próxima rodada

07/12 (sábado) – Fuenlabrada x Valencia, Tenerife x Murcia, Bilbao x Andorra e Málaga x Gran Canaria
08/12 (domingo) – Estudiantes x Zaragoza, Obradoiro x Real Betis, Baskonia x Joventut Badalona, Manresa x Barcelona e Real Madrid x San Pablo Burgos