Um bar em Mishicot, Wisconsin, ofereceu bebidas grátis a cada lance livre convertido por Giannis Antetokounmpo na sexta partida das finais entre Milwaukee Bucks e Phoenix Suns, na noite de terça-feira. O Crow Bar & Grill fez uma publicação no Facebook, convidando os moradores da cidade, que fica a cerca de uma hora e meia de Milwaukee, a assistirem ao jogo com a promoção. O problema é que o grego acertou 17 das 19 tentativas.

Divulgação/Facebook

“Venha assistir o Milwaukee Bucks no Crow Bar nesta terça-feira à noite. Cervejas especiais durante o jogo e ganhe uma bebida grátis a cada lance livre que Antetokounmpo acertar”, dizia o anúncio.

O que parecia ser uma proposta razoável, já que Antetokounmpo havia convertido, em média, 7.8 cestas na linha do lance livre durante a série decisiva até então, tornou-se uma dor de cabeça para Andrea Novak. a dona do bar, que serviu bebidas por toda a noite. O astro tinha apenas 59% de aproveitamento até a quinta partida. No sexto jogo, ele acertou 17 das 19 tentativas (89.5%).

“Eu ainda não fiz as contas em dólares”, disse Novak, em entrevista à rádio WTMJ. “Foram de dez a 12 garrafas que nós demos. Cada bebida custa US$3,00. Nós tínhamos cerca de 40 pessoas lá. Algumas delas desistiram de beber após a quarta rodada, mas umas duas ou três foram até o fim, então eu não fiz as contas de quanto tudo isso custou. A ideia foi da minha filha e nós ficamos dando bebidas por toda a noite. Fizemos as contas. Ele tinha 59% de aproveitamento, então arriscamos. O resto é história. Minha filha me pediu desculpas. Foi muito engraçado quando Antetokounmpo errou o primeiro arremesso. Eu fui a única que comemorou e todos lá riram”.

Para quem ficou curioso sobre o valor, nós fizemos as contas por ela. Cada shot tem cerca de 29.6 ml a US$3,00. Cada garrafa, segundo ela, era capaz de servir 33 shots. Portanto, se foram dez garrafas, o bar serviu 330 doses, o que renderia, aproximadamente US$990 (cerca de R$5.100). A cidade, com cerca de 1.500 habitantes, terá algo para contar por muito tempo.

“Não deixe ninguém dizer a você o que você não pode ser e o que você não pode fazer, como disseram que eu não posso acertar lances livres”, afirmou o camisa 34, após a vitória. “Eu converti meus lances livres e eu sou um campeão. Eu fiz quando eu não deveria fazer. Estou brincando… na verdade, não estou, mas apenas acredite”.

Antetokounmpo anotou 50 pontos, 14 rebotes, bloqueou cinco arremessos e foi eleito o MVP das finais.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram
Apostas – Promocode JUMPER