Bem-vindos a mais uma edição do boletim do mercado da NBA do Jumper Brasil, com melhor compilado de rumores sobre os times e atletas da liga!  

  

Kings deseja “segurar” até Harrison Barnes por Simmons  

As negociações do Sacramento Kings para adquirir o astro Ben Simmons não parecem destinadas ao sucesso, com a equipe decidida a não envolver os armadores De’Aaron Fox e Tyrese Haliburton em uma troca. E, acredite, não são só eles. De acordo com Sam Amick, do portal The Athletic, o time californiano tenta até manter o ala Harrison Barnes longe das conversas com o Philadelphia 76ers. 

O ala de 29 anos, por sinal, é um favorito dos oponentes em conversas de troca com a franquia. O repórter Adrian Wojnarowski, da ESPN, apurou que o jogador atraía muito interesse nos bastidores no início da offseason e a diretoria do Kings recusou todas as consultas. Em 58 jogos disputados na última temporada, Barnes registrou médias de 16.1 pontos, 6.6 rebotes e 3.5 assistências por noite.  

  

 

  

Antes de Nance, Blazers tentou troca por Dillon Brooks  

O Portland Trail Blazers recebeu elogios de analistas ao adquirir o ala-pivô Larry Nance Jr. como parte da transação que levou Lauri Markkanen para o Cleveland Cavaliers. No entanto, ele não teria sido a primeira opção de reforço da direção do Oregon. Segundo Shams Charania, do site The Athletic, a franquia consultou a disponibilidade de Dillon Brooks junto ao Memphis Grizzlies antes de fechar a troca. 

Existem especulações conflitantes sobre a disponibilidade do ala-armador do Grizzlies no mercado, mas, aparentemente, a proposta envolvendo Derrick Jones Jr. e uma escolha de primeira rodada de draft não seria o bastante para atrair um atleta que valorizou-se tanto em tão pouco tempo durante os playoffs como Brooks.       

    

Taj Gibson recusou interessados para seguir no Knicks 

O New York Knicks assegurou a permanência do veterano Taj Gibson nessa offseason e, diferente do que se imaginava, pode ter tido muito bastante trabalho no recrutamento. O ala-pivô de 36 anos revelou ter recebido interesse de várias franquias, incluindo até ofertas que envolviam salários maiores, antes de resolver seguir com o atual time. 

“Cada agência livre é difícil porque sempre uma decisão complicada precisa ser tomada. Sou agradecido que vários times deram-me opções para pensar e respeitam-me tanto, mas sei que decidi certo. Pode ter sido menos dinheiro do que outras ofertas, mas isso não me motiva. Simplesmente queria seguir em Nova Iorque”, cravou Gibson.  

  

 

   

Eric Gordon não deverá disputar temporada pelo Rockets  

Qual será a equipe em que o veterano Eric Gordon disputará a próxima temporada? Ao que parece, se não podemos cravar um time ainda, dá para apostar que não vai ser no Houston Rockets. De acordo com Tim MacMahon, da ESPN, a expectativa de dirigentes nos bastidores é que o experiente ala-armador seja negociado pela equipe texana antes do começo da campanha 2021-22. 

O jogador de 32 anos é visto como um reforço com alta capacidade de ajudar franquias mais competitivas, ao mesmo tempo que possui um contrato muito amigável em médio prazo. Ele vai receber cerca de US$19 milhões em salários na próxima temporada, mas nem um centavo do salário para a campanha 2022-23 é garantido – o que permite que seja dispensado sem custos na próxima offseason. 

Veterano de 13 temporadas e quase 700 jogos disputados na NBA, Gordon acumulou médias de 17.8 pontos e 2.6 assistências em 27 partidas pelo Rockets na temporada passada.  

  

 

   

Em transição 

– O Brooklyn Nets teve que sacrificar Alize Johnson para conseguir negociar DeAndre Jordan. O ala-pivô foi dispensado pela franquia nessa sexta-feira, em um movimento necessário para o fechamento da troca dos nova-iorquinos com o Detroit Pistons. 

– Dennis Smith Jr. é o novo reforço do Blazers. De acordo com Adrian Wojnarowski, da ESPN, o armador de 23 anos – que passou por Knicks e Pistons na temporada passada – aceitou convite para participar do período de pré-temporada da equipe.   

– O tcheco Vit Krejci assinou contrato com o Oklahoma City Thunder para as próximas campanhas. O armador, draftado na segunda rodada do ano passado, passou a maior parte da temporada passada na G-League para recuperar-se de uma lesão no joelho. 

– O Golden State Warriors vai levar Gary Payton II para os treinos de pré-temporada. O especialista defensivo teve parte do seu salário para a próxima campanha garantido nessa semana e pode ter o restante assegurado antes do início dos jogos. 

  

 

  

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:   

Instagram 
YouTube 
Twitter 
Canal no Telegram 
Apostas – Promocode JUMPER