Há quem ache chato e improdutivo, mas não importa: vira e mexe, a discussão sobre o maior jogador de basquete de todos os tempos volta aos holofotes na NBA. E chegou a hora de um dos melhores arremessadores da história do jogo, um astro que enfrentou os dois protagonistas do debate, dar sua opinião. Ray Allen foi campeão da liga como companheiro de LeBron James no Miami Heat, mas acredita que Michael Jordan é o maior jogador que já pisou em uma quadra. 

“Em minha opinião, Michael é o maior de todos. LeBron, na verdade, é um produto dele e muito do seu jogo é inspirado em ‘M.J.’. A maneira como esse cara impactou o jogo é uma coisa que nunca vimos antes: todos tinham simplesmente medo por ser uma força imparável que viria atrás de você. Além disso, a forma como ele impulsionou nossa liga, contribuiu para o crescimento global do jogo, foi algo pioneiro nos esportes”, opinou o ex-ala-armador, em longa entrevista à rede CBS Sports. 

LeBron nunca escondeu, inclusive do próprio Ray Allen, que está em uma constante corrida para alcançar o incrível legado e nível de jogo mostrado por Jordan – considerado, até hoje, o maior de todos os tempos pela maioria dos analistas e fãs. Aos 36 anos, o hoje ala do Los Angeles Lakers possui quatro títulos da liga, é o atual detentor do prêmio de jogador mais valioso das finais e segue candidato ao quinto prêmio de MVP da temporada. Mas, para o ex-companheiro de elenco, a concorrência com o ídolo do Chicago Bulls é uma disputa que não pode vencer. 

“Nunca pensei que LeBron e Michael estivessem em uma dinâmica de gato e rato. Eles atuaram em épocas diferentes, eram jogos totalmente diferentes, e estatísticas nunca vão conseguir equilibrar ou quantificar tal diferença. O que Michael fez pelo basquete, em termos de popularidade e captação de recursos, nunca aconteceu antes ou depois dele. Nós estaremos eternamente em débito com ‘M.J.’ por isso”, indicou o ex-atleta, que também foi campeão da NBA pelo Boston Celtics. 

Allen detém um recorde histórico da NBA com 2.973 cestas de três pontos convertidas ao longo da carreira, mas essa marca está próxima de ser quebrada. Stephen Curry acaba de ultrapassar Reggie Miller para tornar-se o segundo atleta com mais chutes certeiros de longa distância e necessita de só mais 320 cestas para alcançar o topo do ranking. No entanto, para o ex-atleta, Miller possui uma influência sobre a função de chutador que vai muito além de recordes. 

Reggie é o melhor arremessador de todos os tempos para mim porque foi o jogador que estabeleceu a forma de um chutador jogar. Foi quem criou o padrão, a fórmula pela qual jogamos hoje: saindo de bloqueios com fluidez, movimentando-se sem a bola para abrir espaços. Obviamente, eu incorporei muito do que ele fazia ao meu jogo. Stephen é um pouco diferente porque joga com a bola nas mãos, com uma abordagem diferente da maioria dos arremessadores da história”, justificou o veterano.