O Atlanta Hawks foi liderado pela 13a atuação de 40 pontos da carreira do jovem astro Trae Young para derrotar o Minnesota Timberwolves, por 116 a 98, nessa sexta-feira. Mas, ainda assim, foi outra atuação que entrou para a história da franquia na tranquila vitória da equipe da Geórgia. O pivô Clint Capela registrou um triplo-duplo pouco usual, igualando o lendário Dikembe Mutombo, ao marcar 13 pontos, pegar 19 rebotes e distribuir dez tocos para o Hawks. 

“Eu nunca havia visto um jogador ter uma atuação com dez tocos ao vivo, em quadra. O que Clint fez hoje foi inacreditável e dominante. E o mais importante é que esse cara já vem protegendo o aro em alto nível consistentemente para nós. É preciso dar crédito a quem merece e ele está jogando realmente muito bem para nós, desde a sua estreia”, exaltou Young, que teve a sua primeira atuação de 40 pontos na temporada, em entrevista coletiva após o triunfo. 

Capela tornou-se o terceiro jogador da história do Hawks a conseguir dez tocos em um jogo, ao lado do já citado Mutombo e (mais recentemente) do ex-ala Josh Smith. Além disso, o atleta suíço juntou-se ao craque Anthony Davis como os únicos atletas a terem um triplo-duplo com dez tocos nos últimos cinco anos na NBA. Ele estreou pela equipe de Atlanta no começo dessa temporada e, desde então, fez nove duplos-duplos em 13 jogos – incluindo seis consecutivos. 

Essa foi a segunda partida seguida em que o pivô atingiu marcas importantes: na última quarta-feira, ele marcou 27 pontos e quebrou o recorde da carreira ao pegar 26 rebotes na vitória sobre o Detroit Pistons. Foi a primeira atuação com mínimo de 25 pontos e 25 rebotes na liga em dois anos. Capela possui médias de 14.2 pontos (com quase 57% de aproveitamento nos arremessos de quadra), 14.5 rebotes e 2.3 tocos em menos de 30 minutos de ação por noite.  

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:   

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook