Coluna Baloncesto (20/02/2021)

Está no ar a Coluna Baloncesto de 20/02/2021, enfatizando os acontecimentos envolvendo os clubes espanhóis, que formam a liga de basquete mais forte do mundo sob as regras da FIBA e cuja seleção masculina é a atual campeã mundial.

Barcelona segue isolado na ponta da Euroliga; Valencia vence clássico contra Real Madrid; Estudiantes de técnico novo; seleção da Espanha ganha jogo dramático; a armada espanhola na NBA.

EUROLIGA

A principal competição de basquete do continente europeu teve a realização da sua 25ª rodada. O líder Barcelona ganhou do Zalgiris Kaunas-LIT, no Palau Blaugrana: 86 x 62 (24 x 24, 24 x 13, 23 x 10 e 15 x 15). Cory Higgins e Pierre Oriola foram os cestinhas, com 19 pontos cada. Nenhum jogador do time lituano anotou dois dígitos: o principal pontuador foi Nigel Hayes, com apenas nove. Os visitantes acertaram somente cinco dos seus 19 arremessos de três pontos.

Soberano do início ao fim, o Baskonia derrotou o Khimki-RUS, em plena Arena Mytishchi, por 89 a 67 (24 x 14, 23 x 23, 24 x 20 e 18 x 10). O time basco teve ampla supremacia nos rebotes (43 x 30), acertou 13 de suas 24 bolas de três e viu seis jogadores anotarem mais de dez pontos: Youssoupha Fall (14, além de nove rebotes), Zoran Dragic (13), Luca Vildoza (13), Rokas Giedraitis (13), Alec Peters (11) e Tadas Sedekerskis (11). O cestinha foi Alexey Shved, da equipe anfitriã, que com 16 pontos e dez assistências, conseguiu seu sétimo double-double na temporada. Foi a 16ª derrota seguida dos russos.

Em duelo espanhol em La Fonteta, o Valencia, dono do melhor ataque do torneio, fez um grande primeiro tempo e passou pelo Real Madrid por 89 a 78 (29 x 21, 26 x 14, 16 x 17 e 18 x 26). Quinta derrota merengue em cinco confrontos contra clubes do mesmo país na competição. Cinco jogadores valencianos marcaram mais de dez pontos: Sam Van Rossom (16), Vanja Marinkovic (14), Nikola Kalinic (12), Mike Tobey (11) e Klemen Prepelic (11). O cestinha foi o madridista Jaycee Carroll, com 20.

Assim, o Barcelona segue na liderança isolada, agora com 18 vitórias e sete derrotas. O Real Madrid (15v e 10d) divide com Bayern de Munique-ALE e Fenerbahçe-TUR o quarto lugar. O Valencia (13v e 12d) é o décimo e o Baskonia (12v e 13d) ocupa a 11ª colocação.

Na 26ª rodada, no dia 25 de fevereiro, o Valencia visitará o Zenit-RUS e o Real Madrid receberá o Zalgiris Kaunas-LIT. No dia seguinte, o Baskonia jogará em seus domínios contra o Estrela Vermelha-SER e o Barcelona será mandante diante do ASVEL Villeurbanne-FRA.

EUROCUP

As últimas duas rodadas da segunda fase acontecerão apenas em março. Monaco e Joventut lideram o Grupo E, com três triunfos e um revés. O Nanterre 92 tem duas vitórias e duas derrotas e o Unicaja Málaga soma quatro derrotas. No H, o UNICS Kazan, invicto, já está classificado. Andorra (2v – 2d), Gran Canaria (1v – 3d) e Mornar Bar (1v – 3d) brigam pela outra vaga nas quartas de final. Os grupos F e G não contam com espanhóis.

CHAMPIONS LEAGUE

Agora na segunda fase são quatro grupos com quatro equipes cada. Após turno e returno (seis jogos, entre março e abril), os dois primeiros de cada vão à fase final, que acontecerá de 5 a 9 de maio.

San Pablo Burgos, atual campeão, e Tenerife estão no J, junto com Igokea-BIH e VEF Riga-LET. O Zaragoza ficou no L, ao lado de Brose Bamberg-ALE, Dínamo Sassari-ITA e ERA Nymburk-CZE.

ACB

O ala sérvio Dragan Milosavljevic, recuperando-se há 18 meses de uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho, pôs fim ao seu contrato com o Unicaja Málaga, em comum acordo.

O Joventut Badalona emprestou o armador letão Arturs Zagars, de apenas 20 anos de idade, ao Kalev Cramo, da Estônia, até o final da temporada 2020/2021.

O Estudiantes apresentou o seu novo técnico, Jota Cuspinera, que assume o lugar de Javi Zamora. O treinador de 50 anos, que passou por Fuenlabrada (duas vezes) e Zaragoza, vai para a sua quarta etapa no clube colegial. No momento a equipe madrilenha divide a vice-lanterna com Betis e Gipuzkoa, e corre risco de descenso, mas tem dois jogos a menos.

LIGA LEB ORO

Na Chave A, o líder Breogán, com 11 vitórias e três derrotas, foi surpreendentemente derrotado pelo Ourense, fora de casa, por 77 a 71 (24 x 13, 16 x 19, 19 x 17 e 18 x 22) e viu o vice-líder Coruña (10v – 5d) se aproximar com o triunfo, também como visitante, por 76 a 66 no Palencia (19 x 19, 19 x 13, 20 x 19 e 18 x 15).

Na Chave B, o líder Castelló, com 12 vitórias e três derrotas, bateu o Huesca fora de casa por 76 a 69 (19 x 18, 14 x 14, 20 x 18 e 23 x 19) e aumentou a vantagem para o vice-líder Alicante (11v – 5d), derrotado também como visitante pelo Granada, de virada, por 84 a 77 (15 x 17, 18 x 21, 26 x 17 e 25 x 22). com uma virada sensacional no último quarto: 74 x 72 (8 x 14, 19 x 26, 18 x 16 e 29 x 16). O brasileiro Marcus Vinicius fez quatro pontos em 14 minutos em quadra na vitória do Lleida por 93 a 68 diante do Real Canoe, fora de seus domínios, com um primeiro quarto avassalador (27 x 6, 22 x 24, 22 x 14 e 22 x 24).

Como os cinco primeiros de cada chave avançam à próxima etapa, a duas rodadas do fim, a Chave A já está definida, com as classificações de Breogán, Coruña, Palencia, Valladolid e Oviedo. Na B apenas Castelló e Alicante estão garantidos. Palma, Lleida, Almansa, Girona, Granada e Murcia brigam pelas três vagas restantes.

SELEÇÃO ESPANHOLA

Pela penúltima rodada da fase de classificação para o Eurobasquet 2022, a Espanha sofreu, mas venceu a Polônia por 89 a 88 (26 x 27, 17 x 16, 22 x 27 e 23 x 19), em Gliwice-POL. Darío Brizuela, que marcou 21 pontos, meteu uma bola de três e colocou os espanhóis à frente (88 x 85) faltando 17 segundos, mas Michal Michalak conseguiu empatar. Em seguida, Brizuela errou o seu arremesso, mas Fran Guerra sofreu falta no rebote e o jogador convocado pela primeira vez acertou um lance livre a seis décimos de segundo para o estouro do cronômetro para garantir o triunfo espanhol. O grande destaque dos visitantes foi Jonathan Barreiro, que terminou com 24 pontos, acertando todos os seus quatro arremessos de três. O cestinha, com 27, foi AJ Salughter, que atua na Liga ACB, defendendo o Gran Canaria.

NBA

Cinco jogadores espanhóis estão na temporada 2020/2021: os pivôs Marc Gasol (Los Angeles Lakers), Serge Ibaka (Los Angeles Clippers) e Willy Hernangómez (New Orleans Pelicans), o armador Ricky Rubio (Minnesota Timberwolves) e o ala-pivô Juancho Hernangómez (Minnesota Timberwolves), este último o único a não trocar de equipe.

Confira os desempenhos de cada na sétima semana (com colaboração de @BrasilAD):

Toronto Raptors 112 x 116 Minnesota Timberwolves
Ricky Rubio: 16 pontos, um rebote e cinco assistências, em 29 minutos em quadra
Juancho Hernangómez: cinco pontos e três rebotes, em nove minutos

Detroit Pistons 123 x 112 New Orleans Pelicans
Willy Hernangómez: quatro rebotes, em 16 minutos

Denver Nuggets 122 x 105 Los Angeles Lakers
Marc Gasol: cinco pontos, três rebotes, uma assistência e um roubo de bola, em 17 minutos em quadra

Los Angeles Clippers 128 x 111 Cleveland Cavaliers
Serge Ibaka: 21 pontos, nove rebotes, seis assistências e dois tocos, em 29 minutos em quadra

Los Angeles Clippers 125 x 118 Miami Heat
Serge Ibaka: sete pontos, nove rebotes e um roubo de bola, em 19 minutos em quadra

Memphis Grizzlies 113 x 144 New Orleans Pelicans
Willy Hernangómez: 14 pontos, oito rebotes, uma assistência e um roubo de bola, em 19 minutos em quadra

Minnesota Timberwolves 104 x 112 Los Angeles Lakers
Ricky Rubio: 13 pontos, quatro rebotes e oito assistências, em 29 minutos em quadra
Juancho Hernangómez: não entrou em quadra
Marc Gasol: 11 pontos, cinco rebotes, uma assistência e dois tocos, em 29 minutos em quadra

Minnesota Timberwolves 128 x 134 Indiana Pacers
Ricky Rubio: 20 pontos, três rebotes, 13 assistências e um roubo de bola, em 35 minutos em quadra
Juancho Hernangómez: não entrou em quadra

New Orleans Pelicans 124 x 126 Portland Trail Blazers
Willy Hernangómez: 11 pontos e 17 rebotes, em 29 minutos em quadra

Los Angeles Clippers 96 x 114 Utah Jazz
Serge Ibaka: dez pontos e quatro rebotes, em 20 minutos em quadra

Los Angeles Lakers 98 x 109 Brooklyn Nets
Marc Gasol: oito pontos, três rebotes, três assistências, dois roubos de bola e um toco, em 19 minutos em quadra

New Orleans Pelicans 114 x 132 Phoenix Suns
Willy Hernangómez: nove pontos, 13 rebotes, uma assistência e um roubo de bola, em 23 minutos em quadra

Minnesota Timberwolves 81 x 86 Toronto Raptors
Ricky Rubio: sete pontos, três rebotes, quatro assistências e um roubo de bola, em 26 minutos em quadra
Juancho Hernangómez: não entrou em quadra

Los Angeles Clippers 116 x 112 Utah Jazz
Serge Ibaka: nove pontos, nove rebotes e quatro assistências, em 22 minutos em quadra

Veja as médias de cada jogador até o momento:
– Marc Gasol: 4,3 pontos; 4,2 rebotes; 1,9 assistências (melhorou em relação à semana anterior)
– Serge Ibaka: 11,7 pontos; 6,7 rebotes; 1,8 assistências (melhorou em relação à semana anterior)
– Willy Hernangómez: 6,8 pontos; 6,5 rebotes; 1,2 assistências (melhorou em relação à semana anterior)
– Ricky Rubio: 7,2 pontos; 3,4 rebotes; 6,4 assistências (melhorou em relação à semana anterior)
– Juancho Hernangómez: 6,4 pontos; 5,0 rebotes; 0,5 assistências (piorou em relação à semana anterior)

 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece no basquete:    

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook