John Wall não joga mais pelo Houston Rockets e deve ser envolvido em uma troca nas próximas semanas. De acordo com Shams Charania, do site The Athletic, um encontro presencial com dirigentes da equipe definiu a saída do armador do time. Ele planeja se reapresentar para a pré-temporada com o elenco, mas não vai entrar em quadra. O repórter ainda apurou que o acerto entre as partes foi amigável. 

 

Segundo Marc Berman, do jornal New York Post, o atleta não foi quem pediu para ser negociado. Os executivos tomaram a iniciativa de convocar a reunião para informar o jogador de 31 anos que não será aproveitado na próxima temporada. Com um elenco em reconstrução, os texanos pretendem colocar talentos mais jovens para atuar e a dupla de armação tende a ser composta por Jalen Green e Kevin Porter Jr. 

Outra questão que teria pesado na decisão foi a frágil condição física de Wall. Charania apurou que a direção de Houston disse que preferia não colocar a saúde do astro em risco sem uma motivação clara. O veterano não terá futuro no Rockets após o fim do atual vínculo e pode ser elegível a uma extensão prévia ao fim da próxima campanha. Tudo sugere que o caminho mais lógico é um rompimento. 

 

Só trocas interessam para o Rockets

Por ora, os texanos trabalham unicamente com o cenário de uma troca envolvendo o armador. Negociá-lo, no entanto, tende a ser uma missão quase impossível para a organização. O all-star possui quase US$92 milhões em contratos garantidos ainda a receber até o final da próxima temporada, incluindo uma cláusula de alongamento automático para o jogador de US$47.4 milhões para a campanha 2022-23. 

Não existem informações sobre possíveis interessados em Wall, especialmente sendo o terceiro jogador mais bem pago da NBA na próxima temporada. O armador foi um dos principais atletas da posição na última década, acumulando cinco seleções para o Jogo das Estrelas atuando pelo Washington Wizards. Na última temporada, ele anotou 20.6 pontos e 6.9 assistências em 40 jogos disputados pelo Rockets. 

  

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:   

Instagram 
YouTube 
Twitter 
Canal no Telegram 
Apostas – Promocode JUMPER