Steve Nash não esconde a empolgação e planos ambiciosos para iniciar o trabalho no comando do Brooklyn Nets. E uma das estratégias mais ousadas do novo treinador da equipe é usar a flexibilidade do astro Kevin Durant em quadra ao extremo. Ele revelou que vê o jogador de 31 anos sendo escalado de pivô a armador, nas cinco posições nos quintetos dos mais variados, todas as noites para surpreender adversários diferentes. 

“Kevin, com seus braços longos, é um problema de matchup para qualquer atleta dessa liga. Trata-se, no fim das contas, de uma questão de versatilidade: acho que ele pode jogar nas cinco posições – e planejo utilizá-lo em todas”, contou o lendário ex-armador, que vai ter sua primeira experiência como treinador profissional no time nova-iorquino, em entrevista ao podcast do veterano J.J. Redick. 

É provável que Durant acate as orientações mais “ousadas” de Nash pela confiança que existe entre ambos: os dois são amigos de longa data e trabalharam juntos no Golden State Warriors, quando o ex-atleta foi consultor de desenvolvimento de jogadores da comissão técnica de Steve Kerr. No time de San Francisco, por sinal, o astro atuou em formações mais versáteis e revelou-se um dos melhores alas protetores de aro da liga. 

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA:   

Instagram
Youtube
Twitter
Facebook